julho 24, 2009

Entre o pedal e as letras, Waldemar aplausos prepara livro sobre ciclismo

O ciclista Waldemar Pedro Aplausos está na fase final de uma nova aventura, o lançamento do livro “Pedal Solitário”, projeto que vem desenvolvendo ao longo de 13 anos, e com projeção de lançamento até o final de novembro.

O romance está em fase de revisão e conta a história de um ciclista com mais de cinquenta anos e que decide se mudar para a cidade de Mariana, município próximo a Minas Gerais. “Ele que viajar de bike e pedalar na Serra da Canastra. É então ele conhece uma mulher, uma fugitiva da penitenciária”, explica.

Em suas andanças pelo País o personagem passa por Botucatu, é então que a história do ciclista Aplausos se entra no contexto. “Ao passar pela Cidade ele entra em contato com uma série de pessoas e personalidades e quando se encontra comigo eu acabo contando um pouco da minha história de vida”, diz.

A maior dificuldade que ele encontrou para escrever o livro foi o final. “É uma história longa (aproximadamente 200 páginas) chegou um momento em que eu não encontrava o fim.

Terminei matando a mulher, mas recebi críticas e tive que alterar. Tive que refazer metade do livro e encontrei erros, a história não encaixava com o começo, tive que alterar novamente e agora acredito que encontrei o fim perfeito”, coloca.

A obra será lançada com o apoio de patocinadores, que possibilitarão uma edição com mil exemplares. “A história do personagem não tem relação comigo. O pedal solitário eu só pratico uma vez ao ano. O último deles eu fui até o Mato grosso, e voltei de ônibus. Daqui três anos, com o apoio da família, pretendo pedalara até o México”, ressalta.



A editoração da obra é assinada pela Gráfica Diagrama.

Dr. Fantástico em cartaz hoje no CCB

Dando continuidade ao mês especial com obras cinematográficas do diretor Stanley Kubrick, o Cineclube Ybitu Katu, apresentará na noite de amanhã, dia 25 de julho, o filme “Dr. Fantástico”, às 19h30, no CCB - Centro Cultural de Botucatu.

O longa conta a história do general insano Jack Ripper, que ameaça, durante uma reunião entre nações neutralizar a U.R.S.S com bombas nucleares. A ameaça poderia gerar um holocausto fulminante no Planeta Terra.

Todos os outros membros da reunião fazem de tudo para impedir o ato.

Entre eles está o ator Peter Sellers, que retrata três das pessoas que podem evitar a tragédia: o capitão britânico Mandrake, o presente norte-americano Merkin Muffey e o alemão bêbado Dr. Fantâstico.

O longa é o quarto e último da série de filmes que vem sendo exibidos aos sábados deste mês. A série foi aberta com o filme “O Grande golpe”, no dia 4 de julho, na semana seguinte foi exibido “Glória Feita de Sangue” (11 de julho), e na semana passada o clássico “Lolita”.

A intenção do cineclube foi apresentar os primeiros trabalhos do diretor, obras consideradas como grandes clássicos da 7ª arte, porém pouco conhecidas do público.

O Centro Cultural fica na Praça XV de Novembro, nº 30. Os ingressos podem ser trocados por um quilo de alimento não perecível ou um litro de leite. Toda a arrecadação é repassada periodicamente a entidades assistenciais do município, como o Asilo Padre Euclides.

Markinho Moura no Você.Net

Por Jackeline Cruz
(notícia colaborativa enviada através do Notícia do Internauta)


Maura Roth recebe, no dia 23 de julho, o cantor Markinhos Moura no Você.Net, talk show interativo que vai ao ar pelo canal virtual allTV (www.alltv.com.br), sempre às quintas-feiras, às 16 horas. Para os mais desavisados, ele estourou nas paradas de sucesso nos anos 80 com a música “Meu Mel”.

Markinhos Moura vai falar sobre seu atual trabalho que envolve dois espetáculos: Eternamente Elis, show em homenagem à grande intérprete da MPB (seu maior ídolo), também lançado em DVD com participação especial de Miéle, que revive canções marcantes como “Upa Neguinho”, “Arrastão”, “Como Nossos Pais”, “Casa no Campo” e “Corsário”; o outro é Mosaicos, no qual o intérprete relê obras de Caetano Veloso, Guilherme Arantes, Djavan, João Bosco e Aldir Blanc, Roberto e Erasmo Carlos, Cazuza e outros.

O artista também relembrará sua atuação em espetáculos musicais e as aventuras de manter longas temporadas em países como China e Japão. É claro que tudo será permeado por belas interpretações, ao vivo.
O público pode participar do programa em linha direta ou pelo Chat da TV ou enviando depoimentos, comentários e perguntas para Maura Roth e Marquinhos Moura.

Markinhos Moura começou sua carreira artística em Fortaleza, ainda jovem, como ator, protagonizando musicais como Os Saltimbancos e O Reino da Luminária. No Rio de Janeiro, no início dos anos 80, participou do primeiro Festival LUBRAX de Música Popular Brasileira, do qual saiu com o troféu de melhor intérprete com a canção “Pra Dizer Adeus”, de Edu Lobo, que lhe rendeu o videoclipe no Fantástico (TV Globo) e contrato com a Copacabana, onde gravou seis discos e explodiu com a canção “Meu Mel”, em 1987.

Em seguida, assinou com a Polygram, onde permaneceu até o início dos anos 90, quando realizou o primeiro trabalho internacional, apresentando-se por três meses no Ad Judgement, em Hong Kong (China), durante um ano no Bakana Ginza, em Tóquio. Nessa época morou nos EUA e Japão, onde gravou discos e cantou nas principais casas de música brasileira. No final da década, de volta ao Brasil, participou dos musicais Bregópera e O Tempo e o Vento, de Osvaldo Montenegro, e lançou os álbuns Auto-Retrato e Mosaicos Brasileiros, cantando Cazuza, Rita Lee, João Bosco, Chico César, Raul Seixas e Milton Nascimento.

AAF e AAB iniciam Copa Interclubes nesta sexta-feira

Pela primeira vez, os dois maiores clubes recreativos de Botucatu, a Associação Atlética Ferroviária (AAF) e Associação Atlética Botucatuense (AAB) se únem para promover um campeonato suíço interclubes. Intitulada Copa Interclubes “Claus Sports” de Futebol Suíço AAFxAAB, a competição tem por objetivos promover a integração entre os clubes e dar a oportunidade para que os jogadores façam novas amizades.

O campeonato é composto por 12 equipes, sendo seis de cada clube. Os times estão divididos por faixa de idade, sendo Faixa “B” dos 30 aos 39 anos, Faixa “C” dos 40 aos 49 anos e Faixa “D” acima dos 50 anos.

A comissão organizadora é formada por representes dos dois clubes. Também foi criada uma comissão “disciplinadora”, que reúne dois advogados, um de cada clube. Segundo um dos organizadores, Edson Alves, a intenção é que esta seja a primeira de muitas copas interclubes. “Como a agenda de jogos é curta, não foi possível inscrever mais do que 12 equipes. Pedimos desculpas aos associados que, desta vez, não participarão”, diz. “Mas este campeonato servirá de ‘laboratório’ para que organizemos muitos outros”, completa.

Os jogos serão realizados nos campos suíços da AAF e AAB, e terão início nesta sexta-feira, 24 de julho. A abertura do campeonato acontecerá também nesta sexta, 24, às 19 horas, na AAF.

Equipes participantes: AAF: Maqcred, Serralheria Azanha, Serralheria São Luiz, System Voice Voip, Rotary Clube Norte Botucatu e Posto Serra Negra. AAB: Supermercado Boas Compras, Botuvel, Pardi Veículos, Tabajara, Casa das Antenas e Quitanda Dona Marina.

Todos os resultados dos jogos poderão ser conferidos nos sites: www.aafbotucatu.com.br e www.aabotucatuense.com.br