junho 30, 2009

Prefeitura já proíbe estacionamento de carros no Largo da Catedral

A partir de amanha, quarta-feira [01], o largo da igreja Matriz Catedral Metropolitana de Sant'Anna estará fechado para os automóveis estacionarem após as 23 horas.

O desejo da atual administração é resgatar as antigas tradições da região central da cidade, proporcionando às famílias botucatuenses, mais liberdade e segurança em seus passeios e encontros com amigos. Desde os últimos anos do século dezenove, a população botucatuense se reúne ao redor do local, onde foi instalada em 1943, a popular Catedral.

A idéia de começar a proibição no meio da semana é para que a população já se prepare para os finais de semana, quando o movimento é mais intenso. Para os motoristas que insistirem em descumprir a determinação, a multa esta fixada em R$ 85 e terá fiscalização da Polícia Militar.

Subscretaria Municipal de Comunicação e Informação

Festa Country comemora 20 anos de Clube FM

Uma grande festa sertaneja com shows de artistas de renome nacional e regional. Essa é a expetativa da Agfest Promoções e Eventos com a festa a “Club Country Fest”, comemorativa aos 20 anos da Rádio Clube FM. O evento está programado para acontecer no dia 8 de agosto, na Associação Atlética Botucatuense (AAB), a partir das 22 horas. "Estamos na organização de todo planejamento de mídias e ações em toda a região. A população pode espera uma festa que promete ficar na história da cidade”, diz Gustavo Aguiar, sócio proprietário da Agfest.

A noite do aniversário está sendo tratada com requinte e atenção para garantir o fluxo de convidados em todas as áreas do evento, que terá tenda com Dj´s e área vip. "Será um festa para marcar com chave de ouro os 20 anos da nossa rádio", coloca Ferdinando Lunardi, diretor da Clube Fm.

Alexandre Haddad, também sócio proprietário da produtora, explica que a intenção é receber um público recorde. "Serão 5 duplas de projeção nacional. Tenho certeza que será a melhor festa sertaneja de toda região. Esperamos recorde de público com relação a outros eventos desse estilo" diz.

Atrações de peso já estão confirmadas para Clube Country Fest, como: Duduca e Dalvan, Luiz Guilherme e Daniel, Lucylla e Lucyana, Léo e Junior e André e Matheus. “Estaremos com todo o time da rádio fazendo a melhor festa sertaneja do ano”, reforça Lunardi.

A atração principal será a dupla Duduca e Dalvan conhecida por ter revolucionado o cenário sertanejo ao introduzir instrumentos como: guitarra, bateria, baixo e metais.

Outro destaque fica por conta da dupla feminina Lucylla e Lucyana, irmãs com 23 e 24 anos, nascidas na cidade de São Paulo e criadas em Goiás na fazenda de seus avós onde aprenderam a cantar e a tocar violão e viola.

A festa também contará com a participação da dupla botucatuense Luiz Guilherme e Daniel, que vem conquistando espaço no cenário nacional com suas letras e intepretações.
Outras informações nos sites: www.radioclubefm.com.br e www.agfest.com.br.

21 anos do grupo Octopus de teatro

Por Renato Fernandes

Este ano o grupo Octopus de teatro completa 21 anos. Para comemorar, os integrantes preparam uma série de atividades , apresentações e projetos de valorização e incentivo às artes cênicas. O evento mais significativo é o lançamento de um livro que narra os principais momentos do grupo, fichas técnicas de espetáculos e fotos históricas, apresentando ainda sugestões de exercícios, atividades e jogos cênicos.

Entre as histórias curiosas, que irão compor o livro, o diretor relata uma que ele considera como a mais interessante: “Estávamos prestes a iniciar a apresentação do espetáuclo ‘O Diário de Anne Frank’, que fala do nazismo, e que fazia parte da concepção cênica da peça, uma bandeira com a suástica, que colocávamos no hall do teatro. Chegou um camburão de polícia. Os PM´s adentraram o teatro e queriam a todo o custo que arracássemos a suástica do saguão. No final, acabamos nos entendendo e mas a bandeira continuou lá até o final da sessão”, relembra.
A idéia do diretor é lançar, junto com o livro, um documentário que narre outras passagens históricas do grupo. “Essa obra se tornará referência no teatro estadual”, garante.

A origem do nome Octopus faz referência ao número de fundadores, e simbolicamente significa ‘oito membros e uma cabeça’. Com o passar dos anos a rotatividade de atores, em início de carreira, formados e em formação, que passaram pelo grupo foi aumentando. “Mais de oitenta pessoas passaram pelo grupo, muitas delas seguem carreira profissional, outras assumiram o teatro como hobby. Boa parte dos atores que hoje atuam em Botucatu tiveram passagem pelo Octopus. A idéia é juntar todo esse pessoal para o lançamento”, convida.

O diretor do grupo, e ex-secretário municipal de Cultura, Marco Pinheiro, explica que a intenção inicial era realizar uma comemoração em 2008, quando o grupo completou 20 anos. “O ano passado foi um período em que o grupo deixo de fazer muitas coisas. Afinal, poderiam dizer que eu, como secretário de Cultura e administrador do Teatro Municipal, estaria me aproveitando da função”, diz Pinheiro.

Sem o atrelamento político de antes, o diretor anuncia os projetos do Octopus e antecipa que além do tradicional ‘Fejasa - Festival de Teatro Jaime Sanchez’, que anualmente acontece em setembro, também está definida a promoção de um Festival de Monólogo, programado para dezembro, entre os dias 7 e 10.

Outro projeto que terá impacto sócio-cultural é o ‘Teatro do Polvo Para o Povo’. A idéia é desenvolver oficinas de interpretação em bairros e comunidades que não possuam tradição cultural e teatral. “Começaremos esse projeto no próximo mês. Duas lideranças comunitárias já demonstraram interesse pela iniciativa, o Jardim Cristina e o Conjunto Habitacional da Vila Cidade Jardim”, diz.

Para relembrar os primordios do Octopus, uma ação nostálgica já está em andamento: o relançamento do jornal ‘Óia’, periódico de folha única que era distriuído em bares e usado como uma espécie de toalha de mesa. “A primeira edição já está sendo desenvolvida e diagramada. Ná década de 1980, quando lançamos a pulicação, tínhamos apenas piadas. Agora também teremos a agenda cultural do município”, antecipa.

Na agenda de montagens, Pinheiro revela que já trabalha na produção da fábula “O Semáforo Encantado”, que narra a história de um semáforo que cria vida. “Comecei a escrever o texto dessa peça no ano em que o Código de Trânsito Brasileiro foi instituído (1997) e aghora finalmente estamos trabalhando para a sua montagem”, aponta.

Entre os projetos que também poderão fazer parte do ano comemorativo, Pinheiro antecipa a montagem de um espetáculo adulto, provavelmente uma comédia e ainda a produção da peça Hamlet, de Willian Shaskespeare, em forma de monólogo. “Também pretendemos realizar uma exposição com figurinos, cartazes e adereços que fizeram parte de nossas montagens e digitalizar nosso acervo de vídeo”, finaliza.

Conpatri: Botucatu firma compromisso com a história

Por Renato Fernandes

O processo de tombamento dos bens de interesse histórico de Botucatu será trabalhoso para o recém-instituído Conselho Municipal de Patrimônio Histórico, Cultural e Natural de Botucatu (Conpatri). Esse encontrará pela frente uma série de imóveis assinados por arquitetos de renome e outros cuja história é de fundamental importância para o Município.

Em entrevista ao Diário da Serra, o historiador e secretário Municipal da Descentralização e Participação Comunitária, João Carlos Figueiroa, elencou propriedades que merecem atenção prioritária.

Em sua análise ele coloca que a Cidade conta com três construções que levam o timbre do arquiteto Ramos de Azevedo (Santuário de Nossa Senhora de Lourdes, Matadouro Municipal e o antigo Fórum); a Escola Cardoso de Almeida (Cardosinho) é uma obra do arquiteto Victor Dubrugas; Benedito Calixto de Jesus Neto, mesmo profissional que desenvolveu o projeto do Santuário de Aparecida do Norte também tem três obras (Igreja de São Benedito, Capela da Santíssima Trindade e Vila dos Meninos Sagrada Família); a Praça Rubião Júnior, foi desenhada pelo arquiteto Johan Ernst, que desenvolveu também o projeto do jardim do Museu do Ipiranga e do Palácio de Petrópolis. ”São obras de grife, com assinatura de profissionais reconhecidos internacionalmente”, coloca Figueiroa. Além desses imóveis, o historiador ressalta o prédio onde funciona a loja Sumirê, na Rua Amando de Barros (antiga Casa Amat), projetado pelo arquiteto botucatuense Osvaldo Bratke.

De natureza artística, o exemplo lembrado é o vitral que fica entre as torres da Catedral Metropolitana de Botucatu, primeira obra pública do artista Lorenz Johannes (1964).
Em entrevista ao jornal Diário da Serra, a diretora do Centro de Estudos de Bens Isolados, Ana Luíza Martins, explicou que apenas a formação do conselho não significa ação imediata nessas propriedades. ”A formação de Conselhos Municipais segue uma tendência, e estamos trabalhando há muito tempo para que isso aconteça. Não adianta um grupo isolado pensar no patrimônio e na preservação quando a política local é contrária a tudo isso”, disse.
Ela acrescenta que é necessária atenção ao Plano Diretor onde: “foi obrigatório definir áreas de interesse histórico, e de atuação dos conselhos municipais”.

A atitude do prefeito João Cury (PSDB), ao assinar o Projeto de Lei instituindo o Conpatri, mostra o interesse do Poder Público em contribuir com as ações do conselho. Agora cabe a análise do projeto junto à Câmara Municipal de Botucatu e as indicações de nomes que irão compor o grupo de conselheiros. “A cidade amadureceu muito e o Condephaat sentiu essa maturidade. Não existe uma busca desenfreada pelo tombamento. Acredito que o conselho que será criado agirá com calma e bom censo, integrando, descentralizando decisões e provocando a participação”, finaliza Figueiroa.

Uma das áreas descrita pelo Plano Diretor de Botucatu foi demolida no ano passado. Trata-se da residência do vilão Dioguinho, na Rua Amando de Barros. Já na Capela de Ana Rosa, a preservação está garantida. O imóvel apresenta uma placa destacando sua importância histórica e cultural da Cidade.

Plano Diretor

A seção do do Plano diretor de Botucatu, referente ao patrimônio Cultural tem a seguinte redação:
PATRIMÔNIO CULTURAL
184) R1: Criar um plano de conservação e recuperação de todos os edifícios com valor histórico ao redor da esplanada da catedral e centro histórico.
185) R5: Restaurar a área da ferrovia, instalando atividades culturais.
186) R19: Preservar Patrimônio Histórico combatendo depredação.
187) R21: Desapropriação da sede na fazenda Monte Alegre
188) Espaços arquitetônicos (Largo da Catedral, Morro de Rubião Junior), Prédios de Interesse Cultural (Caridade Portuguesa, Capela Ana Rosa, Estações Ferroviárias (Central, Anhumas, Vitoriana, Rubião Junior e Lageado), Fórum, Seminário São José, Capela da Santíssima Trindade, Grupo Cardoso, EECA, Colégio La Salle, Colégio Santa Marcelina, Santa Casa de Misericórdia, Igreja Matriz Coração de Jesus, Casa das Meninas, Praça Rubião Junior, Praça 15 de
Novembro, Prédios dos Correios Central, Igreja Presbiteriana (Preta), Cemitério Portal das Cruzes, Prédio da Cúria, Catedral, Igreja Santo Antônio de Rubião Junior, Casa do Dioguinho, Edifício da PRF 8, principalmente o auditório, Praça Emílio Peduti, Praça Coronel Moura, Antiga Residência de Vital Brasil (Ótica Roberto), Prédios Antigos da área central de Botucatu, outros; Parques Municipais; Recinto de Exposições; Centros Culturais; Grande Centro esportivo-cultural polivalente; Instalações particulares que merecem atenção (Centro cultural de Botucatu, Convívio cultural Francisco Marins, Museu do Tropeiro, Museu do Boiadeiro, outros).
189) identificação de zonas de interesse social e estímulo à recuperação e manutenção da fachada original(sc)
190) Tomar medidas para preservar patrimônio arquitetônico.
191) Estação Ferroviária – ligação Rubião Junior a Vitoriana; Casa do Conde de Serra Negra; Casa da Maria José Dupré; Capela Ana Rosa; Fórum; Rádio F8; Cine Nelli; Casa do Amat;
192) Investimento real na antiga estação ferroviária na transformação em espaço cultural/turístico para abrigar todas as feiras artesanais na cidade com estância turística (maior número de visitantes) (tema)
193) A urbanização do município com vistas à visitação turística; A revitalização do Centro
Comercial e da Estação Ferroviária.

Câmara de Botucatu dicute a regularização do Loteamento Califórnia

Na tarde desta terça-feira, dia 30, aconteceu na Câmara Municipal uma reunião de trabalho com o intuito de agilizar os processos de regularização do loteamento Califórnia.

A reunião, agendada pelo vereador Lelo Pagani, é a seqüência da audiência pública realizada no último dia 2 de junho, onde ficou definido que era necessário um encontro com membros de cetesb, corregedoria de justiça, sabesp e outros órgãos envolvidos na questão para descobrir-se onde está o empecilho para o registro do loteamento Califórnia.

Participaram da reunião os vereadores Lelo Pagani e Curumim, Perseu Mariani e Martinho Raggio, membros da Cetesb, Nivaldo José Cruz, membro do DEPRN, Artur Bronzatto, gerente de divisão da Sabesp, Luiz Antônio Branco,Paulo Curi e José Carlos Trindade, empreendedores dos respectivos loteamentos Califórnia I, II P e II T, Dr. Dr. Eduardo Zacharias, Promotor de Justiça, Mário Pilan, Secretário Municipal de Planejamento, Nelson Lara, Engenheiro da Prefeitura, Dr. Antônio Henrique Nicolosi, assessor jurídico do Poder Executivo e Cleonice Pavan, representante da Associação de Moradores do Califórnia.

Perseu e Martinho da Cetesb iniciaram a reunião dissertando sobre as dificuldades que a instituição está tendo com relação a emissão de licenciamentos, falaram ainda sobre o projeto “Cidade Legal” que Botucatu está aderindo e informaram que, em relação a Cetesb, o loteamento Califórnia II P já possui um parecer favorável do órgão, o Califórnia II T está com o processo encaminhado e o Califórnia I já entrou com processo de consulta e aguarda parecer jurídico.

Luiz Antônio Branco, loteador do Califórnia I, afirmou que o processo do Califórnia I está tramitando em conjunto com o Califórnia II T. “Em nenhum momento deixamos de fazer nosso trabalho e atender as demandas da Cetesb”, coloca.

José Carlos Trindade, empreendendor do Califórnia II T, afirmou que teve dificuldades no processo. “O andamento de tudo depende da Cetesb, estamos sentindo uma certa dificuldade, pois entramos com o processo ainda em Sorocaba e, após a criação do escritório em Botucatu, demos andamento aqui. Minha expectativa é de uma agilidade por parte da Cetesb”, informa

Artur Bronzatto, voltou a afirmar que a Sabesp só poderá trabalhar nos loteamentos após sua regularização e o Dr. Eduardo Zacharias, esclareceu todos os procedimentos relacionados a regularização de loteamentos e condomínios feitos pela Corregedoria de Justiça. “O que vejo aqui hoje são três loteamentos ainda irregulares que estão buscando regularizar sua situação. Não importa se este ou aquele está com o processo mais avançado ou não. Eu me comprometo aqui, hoje, a fazer tudo o que estiver em meu alcance para regularizar todos os loteamentos existentes em Botucatu. Botucatu pode abrir um precedente positivo ao regularizar loteamentos com situações já consolidadas”, informa o Promotor de Justiça.

Rodrigo Betman, do 1o Registro de Imóveis, enumerou aos presentes os procedimentos exigidos para registro dos loteamentos e afirma que a situação pode ser resolvida com certa agilidade. “Está mais fácil do que parece. Podemos seguir o artigo 18 da Lei 6766 ao invés de nos focar no provimento no. 10 da corregedoria que de certa forma dificulta as ações de regularização”, afirma.

Ficou acertado na reunião que os loteadores e empreendedores dos loteamentos Califórnia aguardarão os pareceres da Cesteb, que deverão ser emitidos dentro de um prazo de 60 dias, e, enquanto isso, todos se reunirão constantemente com Rodrigo Betman para agilizar os procedimentos junto ao cartório de registro de imóveis.

Para o vereador Lelo Pagani, que motivou a reunião, o encontro foi positivo. “Acredito que saímos daqui hoje com uma solução para as questões envolvendo a regularização do loteamento Califórnia. Foi extremamente importante reunir os membros da Cesteb, Sabesp, Corregedoria, Prefeitura, representante dos moradores e loteadores para assim definir uma situação que vem prejudicando e preocupando muitos munícipes moradores dos loteamentos. Acredito que dentro de 60 dias podemos receber uma boa notícia”, conclui Pagani.

Unesp confirma caso de gripe suína no Hospital das Clínicas de Botucatu

No final da tarde de terça-feira, dia 30 de junho, foi confirmado que um dos pacientes atendidos pelo Hospital das Clínicas de Botucatu, vinculado à Faculdade de Medicina da Unesp, está contaminado pelo vírus da Gripe Suína H1N1.

O paciente é um homem de 31 anos, que reside no município de Fatura. Segundo informações da Assessoria de Imprensa da Faculdade de Medicina, o paciente retornou recentemente de uma viagem ao Chile.

O paciente, está em isolamento domiciliar. Ele chegou a ficar internado durante três dias na Enfermaria de Moléstias Infecciosas da unidade hospitalar, assim como outras nove pessoas que vem sendo atendidas pelo Hospital das Clínicas/FMB/Unesp nas últimas semanas e cujo resultado dos exames colhidos ainda é desconhecido.

Leia também - Botucatu registra morte por Gripe Suína (H1N1)

Exposição "Devaneios, a Natureza Próxima e Distante", chega a Botucatu

O SESI Botucatu apresentará, gratuitamente, de 7 a 20 de julho, a exposição Devaneios, a natureza próxima e distante.

A mostra, que reúne 134 obras da artista plástica Zizi Baptista realizadas desde 1998, apresenta um olhar que vagueia pela natureza tal qual o dos primeiros registros dos artistas-viajantes e naturalistas que rastrearam a terra coletando e documentando espécies de vegetais, animais e minerais, no período desde o Descobrimento até o final do século XIX.
Tratam-se de gravuras em metal, sobre matriz de cobre, impressas em papel importado, isoladas ou em conjunto, preto e branco e coloridas. As técnicas utilizadas são no geral as de água-forte, lift ground, ponta-seca e buril.
A mostra apresenta 134 obras de Zizi Baptista, cujo trabalho tem um olhar que vagueia pela natureza. A entrada é franca.

A artista mantém o olhar curioso e organizador dos viajantes - o horizonte distante lembra os primeiros vislumbres deste Brasil nas imagens de Franz Post, Albert Eckhout, Louis Choris, Jean-Baptiste Debret, Nicolas Antoine Taunay, Tomas Ender, Maria Dundas Graham Callcot, Hercules Florence, Johann Georg Grimm, - e aproxima o olhar, por meio de lupas e lentes, criando uma nova paisagem - microscópica. Por meio dela, convida o espectador a passear pelo acervo, apreciando as formas dos animais retratados neste espírito setecentista que se sucedem em uma longa série de desenhos mais tarde chamados de Gabinete das Maravilhas.

Sobre a artista

Com cerca de 20 anos de carreira, Zizi Baptista participou de 33 exposições coletivas e individuais, das quais três internacionais na França, Itália e México: 2ª Trienal de Gravuras (1991), 4ª Bienal Internacional Acuarela (2000) e Exposição Brasil Água Acqua Venezia (2000), respectivamente.
Destacam-se também as mostras individuais Seleção FUNARTE (São Paulo-2003), Exposição Insetos, MUBE (São Paulo-2002) e Investigações: a gravura brasileira, Itaú Cultural (São Paulo-2001). Formada em artes plásticas (licenciatura plena) pela FAAP, recebeu prêmios nos 1º Salão de Artes Plásticas de Guarulhos (São Paulo-1988) e 19º Salão de Arte Contemporânea Santo André (1991), bem como na 1ª Bienal de Gravura (Santo André-2001).

Serviço

Exposição: Devaneios, a natureza próxima e distante
Local: SESI Botucatu - Rodovia Marechal Rondon, Km 247,4 - Bairro 24 de Maio.
Datas e horários: de 7 a 20 de julho - De terça a domingo, das 10 às 17 horas, exceto feriados.
Informações: (14) 3815-3733 / 3815-4346
Entrada: franca

Criança que venceu câncer é o símbolo do McDia Feliz 2009

Em Botucatu, a FAMESP - Fundação para o Desenvolvimento Médico e Hospitalar será a entidade beneficiada pela campanha

A edição 2009 do McDia Feliz, maior campanha do país em prol das crianças e adolescentes com câncer, terá um rosto diferente: a menina Caroline Valença Medeiros, de 11 anos. Ela será a grande estrela da campanha de divulgação da iniciativa, que irá ao ar em todo o país, e também do evento de lançamento nacional da campanha deste ano, marcado para a próxima terça-feira, 16 de junho, no Espaço Vila Uber, na capital paulista.

Caroline foi tratada em São Paulo, no GRAACC (Grupo de Apoio ao Adolescente e à Criança com Câncer), uma das 100 instituições já beneficiadas pelo Instituto Ronald McDonald, coordenador nacional do McDia Feliz. Ela está curada de um câncer no sistema nervoso central e foi escolhida como símbolo das crianças já salvas com as doações da campanha, para enfatizar que se há 30 anos, a chance de cura era de 15% em média, atualmente ela pode chegar a 85%, quando a doença é diagnosticada precocemente e tratada adequadamente.
Maior campanha de combate ao câncer infanto-juvenil do País tem lançamento nacional com nova identidade visual e venda de tíquetes antecipados de Big Mac

Este ano a meta do McDia Feliz, marcado para 29 de agosto, é arrecadar mais de R$ 12 milhões com a venda de sanduíches Big Mac em todos os 568 restaurantes McDonald’s brasileiros, um crescimento de 4% em relação ao ano anterior.

Em 2008, o McDia Feliz arrecadou R$ 11.524.268,99 com a venda de aproximadamente 1,5 milhão de sanduíches Big Mac. Desde a primeira edição do McDia Feliz, em 1988, já foram arrecadados mais de R$ 90 milhões. “Atingida a meta de 2009, a campanha superará a marca de R$ 100 milhões em doações realizadas. Todo este valor já possibilitou mais de 300 construções e reformas de hospitais e alas dedicadas à criança e ao adolescente com câncer, mais de 120 construções e reformas de ambulatórios e quimioterapia, e foram adquiridos cerca de 100 veículos e equipamentos para tratamento, entre outros projetos que beneficiam a cada ano mais de 30 mil crianças e familiares atendidos nas instituições participantes” comemora Francisco Neves, superintendente do Instituto Ronald McDonald.

“Promovemos o McDia Feliz no Brasil há mais de 20 anos, uma campanha que hoje envolve mais de 65 mil pessoas, entre funcionários, fornecedores, franqueados e voluntários. Além de proporcionar fundos para que as instituições beneficiadas possam oferecer um tratamento de qualidade às crianças, a campanha tem o objetivo de incentivar o diagnóstico do câncer cada vez mais cedo, o que faz com que as chances de cura possam superar os 70%”, ressalta Flávia Vigio, Vice-Presidente de Comunicação da Arcos Dourados, empresa que gerencia os restaurantes McDonald’s na América Latina.

A partir do evento de lançamento, será iniciada a venda de tíquetes antecipados de sanduíches Big Mac para o McDia Feliz. Os interessados em adquirir tíquetes ou se tornar voluntários da campanha devem entrar em contato com as instituições beneficiadas, indicadas no site www.instituto-ronald.org.br.

Sobre o Instituto Ronald McDonald

O Instituto Ronald McDonald é uma instituição sem fins lucrativos que promove e apóia ações em prol de crianças e adolescentes com câncer. O principal objetivo do Instituto é aumentar o índice de cura do câncer infanto-juvenil e sua maior fonte de arrecadação para essa finalidade é o McDia Feliz. O Instituto coordena a campanha e a verba arrecadada, repassando as doações para projetos apresentados por instituições beneficentes de todo o país que cuidam de crianças e adolescentes com câncer. Os projetos são selecionados e aprovados pelo Conselho Científico do Instituto, formado por alguns dos maiores oncologistas do país, entre eles o Diretor-Geral do Instituto Nacional de Câncer. Desde a primeira edição do McDia Feliz, já foram doados mais de R$ 90 milhões de reais para o combate ao câncer infanto-juvenil, que atualmente apresenta taxas de cura superiores a 85% quando a doença é diagnosticada precocemente.

Sobre o McDonald’s Brasil

O McDonald's é líder no segmento de alimentação fora de casa e conta com 568 restaurantes e 57 McCafé no Brasil. Há 30 anos atuando no país, a rede está presente em 138 cidades, localizadas em 22 estados e no Distrito Federal.

Em 2008, a empresa registrou um faturamento de R$ 3,3 bilhões, um crescimento de 22% em relação ao ano anterior, atendendo 1,6 milhão de clientes por dia. Esses números garantiram à empresa a oitava posição em vendas no ranking de países da corporação. O McDonald's é um dos maiores empregadores privados do Brasil, com mais de 48 mil funcionários e uma das empresas que oferece o maior número de oportunidades de primeiro emprego.

Assista um vídeo e possibilite a doação de um vídeo-game à Apae de Botucatu

O Método SUPERA promove um concurso nacional que dará de prêmio três vídeos-game a um de seus alunos. Para ganhar o estudante precisa que seu vídeo seja o mais visto da rede de escolas que trabalham com o método.

Com muita criatividade os alunos Pedro Jovelli e Bruna Rocha, estabeleceram uma parceria com a Apae - Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais, de Botucatu e dará de presente um dos equipamentos à entidade caso ganhem a disputa. Para possibilitar que as crianças recebem esse prêmio é necessário assistir à animação abaixo. O concurso acontece até o dia 31 de julho.

Alunos da rede estadual terão desconto no vestibular da Fuvest

Cerca de 400 mil estudantes do Ensino Médio das escolas estaduais de São Paulo poderão solicitar desconto de 50% na taxa de inscrição do vestibular 2010 da Universidade de São Paulo (USP).

Com isso, os alunos do último ano, com renda familiar até R$ 1.163, que se inscreverem para o vestibular, pagarão R$ 50 - a taxa normal é de R$ 100. Os jovens com rendimento até R$ 605 terão isenção total. Serão concedidos 65 mil descontos.

Os interessados deverão se inscrever até o dia 10 de agosto no site www.fuvest.br.
Abatimento será de 50% na taxa de inscrição para participar do processo seletivo 2010

Além de preencher o formulário, o candidato deverá encaminhar cópia do RG, comprovante de matrícula do ensino médio em escolas públicas, comprovante de renda, comprovante de residência e certidão da escola que comprove a condição de estudante. A classificação dos beneficiados será divulgada no site da Fuvest no dia 23 de agosto.

"Esta é uma iniciativa brilhante, que vai possibilitar maior participação de nossos alunos num dos processos seletivos mais importantes do País", disse o secretário estadual da Educação, Paulo Renato Souza.