maio 31, 2009

Gustavo Aguiar, o empresário por trás das festas

Gustavo Aguiar: de palhaço de festas infantis a um
dos principais produtores de eventos da cidade

Por Renato Fernandes

A reportagem do blog O Grito Notícias / Diário da Serra entrevistou esta semana o empresário do ramo de entretenimento Gustavo Aguiar, sócio-proprietário da produtora Agfest.
Aguiar e sua equipe de profisisonais, são responsáveis por boa parte dos eventos realizados na cidade de Botucatu.
O sucesso nas organizações garantiram ao empresário o convite para assumir a diretoria social da Câmara de Dirigentes Lojistas de Botucatu.
Confira os principais trechos da entrevista.


O Grito - Quando percebeu a aptidão para organizar eventos?
Gustavo Aguiar - Desde minha adolescência. Sempre fui ativo em meio dos amigos, organizava os churrascos e montava toda logística de bebidas, recolher o dinheiro, ligar para todos, sempre no agito. Depois na faculdade fiz parte do Diretório Acadêmico e ali, ajudei em vários Jogos Jurídicos, fazia parte das comissões, organizava eventos para a comissão de formatura, sempre no meio.

Tudo isso fazia por aptidão, amor mesmo, mas descobri outro “dom” quando, com um grande amigo meu, fizemos uma parceria e montamos um CIA de Palhaços, era o Grupo Ratáta (com os palhaços Rapadura e Amendoin), aprendi muito. Foi quando iniciei meus primeiros ensinamentos na área de vendas, meu amigo (Caco) fazia o material de divulgação e eu saia por toda São Paulo vender os shows nos Buffets infantis.

Foram mais de 4 anos nos picadeiros da vida. Foi ai que descobri o meu talento. Durante o dia era estagiário de Direito e atuante nas negociações coletivas pelo Sindisider ( Sindicato Nacional das Empresas de Produto Siderúrgicos) e Sinamge (Sindicato Nacional das Empresas de Medicina de Grupo), nos finais de semana vendia shows e atuava como palhaço. Era o começo de tudo.

O Grito - Como surgiu a AG Fest?
Gustavo Aguiar - Depois de anos, morando em São Paulo, e Há cinco anos afastado do dia-a-dia da cidade Natal (Botucatu), entrei em férias. Foram 30 dias, longe dos fóruns, correria de São Paulo. Lembrando dos meus amigos, e querendo reviver momentos saudosos de minha adolescência. Convidei um amigo (Alexandre Conceição), para montarmos juntos um Mega Churrasco para revermos toda a turma.

Foi aí que tudo começou, já não era um churrasco comum, era uma Mega Festa, que se chamou Churrasco dos Amigos, com 12 horas de picanha, cerveja, mais de 7 bandas, queima de fogos, mais de 600 pessoas estiveram presente. Depois dessa “festinha”, Iniciamos nosso primeiro e grandioso projeto, nascia ali, o Carnabotuca que depois de anos, com muita garra e suor tornou-se a festa oficial da Cidade, com turistas vindo de todo País.

O Grito - No início da carreira quais foram os maiores problema enfrentados?
Gustavo Aguiar - Todo começo é difícil, foram muitas cabeçadas, tombos, mas aprendendo sempre, jamais nos furtamos de querer aprender e receber críticas construtivas. Fizemos projetos grandes e de repercussão regional logo no começo da carreira como o Carnafolia no Rio Bonito, com trio elétricos e camarotes. No primeiro ano de empresa já havíamos realizado o Carnabotuca, o Carnafolia (com cobertura da antiga TV Modelo e atual TV Tem), o primeiro ‘Interunesp’, ‘Internutri’, a ‘Festa È O Bixo’, e quando nos vimos já estávamos inseridos em vários outros projetos que deram continuidade aos nossos trabalhos. Mas o maior problema que enfrentemos no começo foi a pouca experiência e a falta de credibilidade dos profissionais que na atuam na área.

O Grito - Qual o segredo para o sucesso dos eventos?
Gustavo Aguiar - Vários fatores são importantes para o sucesso de qualquer projeto de vida. O primeiro fator é o Amor ao que fazemos, a base de todo começo. O sucesso não vem do dia pra noite, tem que ser conquistado, planejado.
Acredito que nossa empresa completando 10 anos na área do entretenimento, buscano inovar sempre e efetuar parcerias sólidas, realizou festas inéditas, promoveu inúmeros eventos históricos, não esquecendo dos 10 anos de Diário da Serra, junto com Pedro e sua equipe. Demos inicio com Dr.Marco (ex presidente do BTC) um projeto pequeno que hoje cresceu e virou uma das melhores festas Carnavalescas da região, a Sexta Carnavalesca, demos os primeiros passos vendendo um Réveillon pequeno que mais tarde tornaria-se um dos melhores da região com bandas baianas, trouxemos nos 90 anos de AAB, um show internacional com veiculação nacional, carimbamos o Carnabotuca como evento oficial da cidade e inúmeras outras ações que foram formando o DNA da empresa e mostrando para nós mesmo o caminho a seguir.

O Grito - Alguma vez, os concorrentes chegaram a lhe irritar por algum tipo de postura?
Gustavo Aguiar - A Empresa hoje completa 10 anos, não foi à toa, desde o inicio tivemos empresas concorrentes se organizando, montando eventos no dia dos nossos, pois este é o maior problema em nossa classe, a desunião. Acredito que todos possuem seu lugar ao sol, e a Agfest em sua base, montou alicerce, procedeu na forma natural, e hoje mais maduro e experiente agradeço a todos meus concorrentes, pois fizeram a minha empresa crescer.

O Grito - Atualmente, podemos dizer que a cidade de Botucatu oferece opções de diversão e entretenimento, para todas as idades e gêneros, ou ainda somos carentes de uma agenda de eventos consistente e ampla?
Gustavo Aguiar - Acredito ainda na união dos produtores de eventos de Botucatu para agendamentos de datas, uma classe mais unida. As opções de lazer são boas, mas ainda não ideais para o porte da nossa cidade, precisamos urgente da construção de um local apropriado para organização dos grandes eventos, já em estudo e projetado pela atual administração, também acreditamos na construção de um Shopping, a instalação de um SESC, tudo isso fortalece e valoriza nossas opções de laser.

O Grito - Quais seus objetivos como diretor social da ACE/CDL?
Gustavo Aguiar - Estamos todos unidos no planejamento de um gestão séria e com propósitos sólidos. Para este ano, vários eventos em nosso calendário estarão movimentando o comércio local, no mês de julho organizaremos o primeiro concurso de Pizza de Botucatu, daremos continuidade com o concurso de petiscos no verão, uma mega festa já está sendo organizada para a comemoração dos 116 anos do Baiiro, com promoções em todo comércio na Vila dos Lavradores e muitas novidades para o famoso e respeitado evento Destaque Lojista (único Prêmio reconhecido e com Selo de Qualidade ACE/CDL), que este ano faremos com muito glamur, trazendo até um espetáculo de peso.

O Grito - Conquistar o respeito e parcerias deve ser uma preocupação constante? Como vocês trabalham para ter próximos órgãos, entidades e instituições com ideias afinadas com o da AgFest?
Gustavo Aguiar - Respeito e parcerias sólidas não são somente nossa preocupação, mas também uma missão. A Agfest não se baseia em Gustavo Aguiar e Alexandre Haddad, temos um respeito muito grande por nossos colaboradores, é uma grande família, o pessoal da promoção, administrativo, logística, equipe de apoio, tudo que fazemos e organizamos não fazemos sozinhos, agradeço todos os dias a Deus, em ter uma equipe unida. Se eu falar aqui o nome de todos, poderia esquecer alguém, mas cada um sabe de quem estou falando. Este é o segredo da nossa afinação, criatividade e união da equipe.

O Grito - Qual o maior desafio: apresentação de ídolos e perosnalidades do meio artístico ou as festas populares e institucionais?
Gustavo Aguiar - Desafio sempre é bom, mas para ambos os conceitos podemos citar exemplos de superação, organizar um evento internacional como o ‘The Platters’, contratação de interpretes, mega produção, nossa assessoria de imprensa em contato com todo o Brasil. Já no exemplo de festas populares podemos citar o Carnabotuca que comemora 9 anos e nosso desafio é continuar mostrando para todo o Brasil nosso evento e a cidade, onde pela primeira vez na história do ramo de bebidas, o Carnabotuca foi inserido no Layout de um rótulo de ICE, mais de Um Milhão e Meio de garrafinhas para todo o Brasil foram vendidas e mais uma vez Botucatu para todo Brasil.

O Grito - Que evento você gostaria de produzir, e qual você produzirá um dia?
Gustavo Aguiar - Ao longo dos 10 anos, tivemos o prazer de executar inúmeros eventos. Lembramos com carinho do maior Réveillon que a cidade já teve no ano que passou com dois dias de entretenimento, bandas baianas, projeto nosso que foi aceito por toda a população, os tradicionais Carnavais da Praça do Paratodos, que a 3 anos organizamos em parceria com a prefeitura Municipal, o próprio CARNABOTUCA, calendário oficial da cidade, visto pela crítica um dos maiores eventos da região, e analisando a evolução dos nossos eventos e empresa, gostaríamos de produzir o Aniversário da Cidade de Botucatu, nossa empresa o ano todo organiza eventos e traz para a cidade milhares de pessoas, somos atuantes no município, vestimos juntos a camisa da Cidade e já merecíamos um convite.

O Grito - O que os botucatuenses podem esperar ainda esse ano?
Gustavo Aguiar - A Agfest tem trabalhado muito para continuar trazendo para a cidade novidades, eventos diferenciados, sempre com o “selo Agfest” : qualidade e comprometimento. Na direção do CDL na área social estaremos sempre comprometidos em movimentar e aquecer o comércio, não diferente dos eventos da nossa empresa, e preparem a agenda pois no segundo semestre estaremos cheios de eventos, promoções para toda a população e idades.

Para o Carnabotuca nova edição já estamos organizando excursões de todo Estado e atrações de peso virão para a festa. O Bairro (Vila dos Lavradores) estará em festa e resgataremos os saudosos eventos que ali aconteciam. Muita coisa boa vem por ai.

O Grito - Teria algo a acrescentar?
Gustavo Aguiar - Para mais informações da empresa acesse www.agfest.com.br e confiram todas nossas noticias e eventos e aproveito para convidar a todos para a tradicional Festa de Santo Antônio, de Rubião Junior, que estamos organizando junto com o Padre Max e Nelson, montando para este ano, estrutura de palco profissional, iniciando as festividades com shows na sexta e um mega show no sábado (dia 13 de junho) com a renomada Banda Católica Vida Reluz, já no domingo (dia 14 de Junho) show sertanejo com a banda Emerson e Marcelo para encerramento.

Agradeço a todas as pessoas e empresas que nestes 10 anos nos apoiaram e fortaleceram, a toda a equipe da Agfest, principalmente a minha família, que sempre nos erros e acertos esteve presente, minha esposa em especial, por perseverar sempre ao meu lado e a Deus, pois sem Ele não teria história para contar.

Requerimento pedirá detalhes sobre o cinema

Renato Fernandes

O requerimento do vereador Lelo Pagani, pedindo explicações sobre as condições de funcionamento do Cine Teatro, que será apresentado amanhã, na sessão da Câmara Municipal de Botucatu, terá três pontos principais. “Fiz um histórico e estou pedindo esclarecimentos e fiscalização nos seguintes itens: a liberação da meia entrada para estudantes; a regularização do imóvel junto ao poder público e a respeito dos álvarás de funcionamento do cinema, para evitarmos tragédias futuras”, diz o parlamentar.

O requerimento trará anexada as leis municipais existentes a respeito da doação de um terreno público ao Teatro Amador da Escola Normal “Dr. Cardoso de Almeida” (Taenca), onde hoje funciona o Cine Nelli e legislações municipais e estaduais sobre a meia entrada de estudantes. “Pelo o que eu ví, a lei estadual não nada fala sobre prazos e datas nas carteirinhas de estudante”, coloca o parlamentar.

Nas últimas semanas vários estudantes têm reclamado de desrespeito à lei que prevê desconto de 50% a estudantes, no acesso aos cinemas.

A reclamação acabou no Procon, com o registro de vários casos sobre o assunto. O órgão de defesa do consumidor garante que a lei vem sendo descumprida, enquanto que a cinematográfica Araújo garante estar agindo de acordo com a lei, ao impedir o acesso de estudantes com carteiras que tenham data de vencimento posterior a 2009. (RF)

Show de Oscar Filho acontece hoje no La-Salle

Renato Fernandes

Após o adiamento da apresentação que aconteceria no dia 23 de abril, o humorista e repórter do CQC, Oscar Filho, estará hoje em Botucatu, apresentando o espetáculo “Putz Grill”, no auditório do Colégio La-Salle, às 20h30.

O ator tem sido considerado pela mídia como um dos protagonistas da nova geração do humor brasileiro.

A peça “Putz Grill” é uma comédia stand-up, formato de show sem figurino especial, cenário, sonoplastia ou iluminação complexa. Um espetáculo de “cara limpa”, cujo único objetivo é contar histórias e fazer o público rir.

“Putz Grill” faz a linha “comediante e microfone”, com um repertório onde há besteirol e tiradas sobre políticos e fatos do cotidiano do humorista, além de piadas com situações da própria televisão brasileira.

O humorista lamenta a necessidade que teve em adiar a primeira data do show em Botucatu (23 de maio), e explica que isso ocorreu por razões contratuais com a Rede Bandeirantes de Televisão, onde existe o comprometimento de priorizar as gravações do CQC.

Oscar Filho foi indicado como melhor ator no Prêmio Coca-Cola Femsa de Teatro em 2004. Em 2005, deixa de lado a comédia “pastelão” e adota uma versão “cara limpa”, sem figurinos ou personagens, para dar vida ao Clube da Comédia Stand Up, com Marcelo Mansfield, Rafinha Bastos, Marcela Leal e Danilo Gentili.

O sucesso do Clube tem garantido casa cheia em apresentações dentro e fora de São Paulo. No início de 2008 esteve em cartaz em três lugares diferentes na capital. Oscar já atuou em comerciais de TV, fez locuções, além de se apresentar em bares paulistanos com um projeto que levava humor aos freqüentadores quatro noites por semana. A originalidade dos textos e sua capacidade de improvisação lhe renderam seu ingresso na MTV e, logo depois, o convite para a atuação como repórter no telejornal humorístico da Band, o CQC – Custe o que Custar.

Os ingressos podem ser comprados na Banca Paratodos e na loja Dalu.
Preços: Antecipado: R$30,00 Inteira: R$40,00 Meia: R$20,00 Informações: (14)3879-0350