maio 07, 2009

‘Saúde e Alimentação Viva’ na Demétria

Amanhã, sexta-feira dia 8, acontece oi evento “Saúde e Alimentação Viva: para encontrar novos caminhos de parceria entre escola, produtores e Prefeitura de Botucatu”, a partir das 19 horas, no Salão de Euritmia da escola Aitiara, Bairro Demétria.

As atividades serão abertas por um evento musical e emseguida acontecem as palestras: “ciclo Vital da Produção dos Produtos Agrícolas”, ministrada pelo engenheiro agrônomo Pedro Jovchelevich (integrante da Associação Biodinâmica de Botucatu) e “Saúde e Alimentação Viva”, proferida pelo médico e vereador José Bittar. As palestras tem entrada franca.

Às 20h15, os participantes são convidados a partticipar de um jantar por adesão (R$ 15 adulto e R$ 10 crianças). No cardápio, alimentos biodinámicos e orgãnicos.

No encontro será apresentado o projeto “Crescer Vivo”, que visa a implantação de uma ‘Cantina Pedagógica’, nas dependências da Aitiara, que visa, também, abrir caminho viável, saudável e educativo levando em conta os princípios da pedagogia Waldorf, servindo assim, de modelo para outras escolas.

Informações e vendas de cupons, no Jardim Florescer, Quintana Verde Vivo, Grêmio Escolar da Aitiara, Empório da Terra e Sítio Bahia.

Informações na secretaria da Aitiara, pelo telefone: (14) 3815-3290, ou pelo e-mail: amritejas7@gmail.com

Ministro dos Esportes visita Botucatu nesta sexta

O Ministro dos Esportes, Orlando Silva Júnior, estará em Botucatu nesta sexta-feira, 08, para anunciar oficialmente a construção da Praça da Juventude, que teve o recurso liberado em março.

O Complexo de esporte e lazer incluiu campos de futebol, teatro arena, pista de skate com espaço para a terceira idade, quadra de vôlei de praia, quadra poliesportiva coberta, pista de caminhada, pista para salto e área de exercício. O projeto deve ser implantado no bairro Lavapés, próximo aos conjuntos habitacionais, onde o Ministro irá fazer uma avaliação da área, acompanhado pela comitiva municipal.

A intenção do Ministério dos Esportes com a construção das Praças é oferecer oportunidade para a prática esportiva a toda população, principalmente, às regiões mais carentes, onde a comunidade tenha fácil acesso aos benefícios que o esporte possa trazer.


Da Subsecretaria Municipal de comunicação e Informação de Botucatu

GCM encaminha homem à DDM por constranger filha de 10 anos

A Guarda Civil Municipal [GCM] encaminhou um homem ao plantão policial por ele constranger a filha de 10 anos e a esposa com gestos obscenos enquanto estava embriagado. A GCM foi acionada pela equipe de saúde mental da Unidade Básica de Saúde de Rubião Junior. O Conselho Tutelar também foi chamado. O fato aconteceu no início da tarde de ontem [5].

Encontro de objeto – a GCM encontrou na manhã de ontem [5], na praça das Bandeiras, no Centro da cidade, uma antena receptora de sinal de Internet. O objeto foi recolhido e apresentado no 1º DP, onde foi elaborado o Boletim de Ocorrência de apreensão.

Atuação - A mudança de foco implantada pela filosofia do patrulhamento comunitário que a Guarda Civil Municipal [GCM] está utilizando desde o início do ano está surtindo efeitos e refletindo no número de chamadas que a corporação recebe da população. Em dezembro de 2008 a GCM recebeu 70 chamadas, em abril desse ano foram 760, um aumento de mais de 10 vezes. As informações são do inspetor Paulo Renato da Silva.

Segundo o inspetor, em janeiro foram 315 chamadas, fevereiro 400, março 431, culminando nos 760 de abril. “Isso mostra como a mudança de foco e postura da Guarda Civil Municipal refletiu na confiança que a população nos deposita atualmente”, analisa.

Para acionar a GCM ligue: 199

Da Subsecretaria Municipal de Comunicação e Informação

Semana da Faxina será realizada no no final do mês em Botucatu

O Projeto Cidade Limpa, promovido pela TV TEM em parceria com a Prefeitura Municipal, estará em Botucatu na última semana do mês de maio. Entre os dias 25 e 29, caminhões da Prefeitura vão percorrer todos os bairros da cidade e zona rural para retirar móveis e objetos que não servem mais e, normalmente, a coleta de lixo não recolhe.

A cidade será dividida em cinco regiões diferentes, que serão atendidas durante a semana. O ideal é que cada morador já deixe o material na calçada antes das 8h, para facilitar o trabalho dos agentes de limpeza, já que eles não podem entrar nas residências.

Os únicos materiais que não serão recolhidos são entulhos, lixo orgânico, galhos e vegetação.

Da Subsecretaria Municipal de Comunicação e Informação





Powered by ScribeFire.

Vereadores de São Manuel visitam o IMES

O Instituto Municipal de Ensino Superior de São Manuel (IMES), “Prof. Dr. Aldo Castaldi”, recebeu na última terça-feira, 5 de maio, os vereadores que compõem a atual na Câmara Municipal. Estiveram presentes, o presidente do legislativo municipal, Paulo Zaparolli (PV) e seus colegas: Paulo Peres (PV), Anízio Josepetti (PSB), Laércio Aparecido Tavares – Buca - (PPS), Pedro Norival Cicarelli (PMDB), João Paulo Piovan (PPS) e o jornalista José Antônio Di Santis. Participaram também da reunião, os professores Sérgio Massagli, Flávia Padovani, Sandra Macedo e a secretária Adriana Godoi.

O convite para visitar o IMES partiu do diretor da faculdade, Marcelo Totti, em recente visita a casa de leis de São Manuel. Na oportunidade, o diretor disse que o encontro era para fortalecer os laços entre a instituição com os parlamentares da cidade.

Na pauta, vários assuntos foram abordados, entre eles, o crescimento da faculdade e dos desafios para os próximos anos. Totti apresentou sua preocupação com relação a instalação de uma praça de pedágio entre São Manuel e Botucatu, na rodovia Marechal Rondon.

Foram apresentados números do IMES. No total, 38 pessoas trabalham diretamente na faculdade, além dos trabalhos indiretos que a instituição gera no Distrito de Aparecida. “Somos maiores que algumas empresas do município. Estamos com nossas contas em dia, no azul. Mas, precisamos investir para crescer”, acrescenta Totti.

O diretor da instituição pediu aos vereadores ajuda para traçar uma política estrutural ao IMES. “O curso de Artes Visuais deverá ser oferecido ainda este ano e, para poder abrigá-lo, temos a necessidade de construir um novo prédio com salas de aula. Para isso, pensamos conseguir recursos oriundos de uma emenda parlamentar”, comenta.

Os vereadores presentes destacaram a importância do convite para conhecer a faculdade. Todos ficaram impressionados com a atual estrutura do IMES e da qualidade de suas instalações. Por unanimidade, se colocaram a disposição para ajudar no crescimento da autarquia municipal. Após a reunião, os parlamentares visitaram o novo anexo de aulas, bem como o prédio principal da faculdade.

Arcebispo emérito de Botucatu é internado com hidrocefalia

A Assessoria de Comunicação e Imprensa da Faculdade de Medicina e Hospital das Clínicas da Unesp de Botucatu, divulgou às 11h30, de quinta-feira (7 de maio), um boletim médico referente ao estado de saúde do arcebispo Emérito de Botucatu, dom Aloysio Leal Penna

Segundo a nota, em decorrência de uma hidrocefalia (acúmulo de água dentro do crânio), na terça-feira, 5 de maio, o arcebispo emérito de Botucatu Dom Aloysio José Leal Penna foi internado no Hospital das Clínicas (HC) da Faculdade de Medicina de Botucatu/Unesp (FMB) para passar por uma cirurgia. O procedimento foi realizado para que fosse feita uma drenagem do líquido. Sua alta está programada para hoje, 7 de maio.

De acordo com o neurocirurgião Dr. Carlos Clayton Macedo de Freitas, responsável pelo atendimento do religioso, a cirurgia foi um sucesso. "Ontem (quarta-feira), Dom Aloysio passou bem e hoje (quinta-feira) seu quadro é estável", explica. O médico diz que a hidrocefalia não era uma complicação esperada, mas pode acontecer em pessoas que sofreram traumas, como foi o caso do arcebispo emérito - que sofreu um trauma crânio encefálico após uma queda, dia 10 de janeiro de 2009.

Dom Aloysio passou por uma tomografia há aproximadamente um mês e meio, quando não foi diagnosticada nenhuma alteração. Entretanto, há poucos dias, foi novamente submetido ao exame e a hidrocefalia pôde ser percebida. "Os sintomas que ele apresentava eram sonolência, se comunicava menos, estava apático. Agora, após a cirurgia, ele está mais acordado", esclarece Dr. Carlos Clayton.