março 02, 2009

Têm início atividades de recepção aos calouros no IB

Na manhã de hoje, 2 de março, tiveram início as atividades de recepção aos calouros do Instituto de Biociências (IB) da Unesp,câmpus de Botucatu.

O diretor do IB, Renato Eugênio da Silva Diniz, saudou os ingressantes e lembrou da proibição do trote. “O Instituto recebe vocês de braços abertos e deseja sucesso. Não admitiremos trote,esse deve ser um momento de felicidade e não de sofrimento”, disse.

Ele ressaltou também a missão do Instituto, salientando o compromisso da instituição em proporcionar aos acadêmicos um ensino de qualidade. “Vocês vão encontrar aqui uma equipe empenhada na missão de oferecer uma formação de qualidade”, complementou Diniz.

Os alunos também participaram de ações de integração em que puderam conhecer o câmpus. Entre os trabalhos programados para amanhã, estão feira de projetos de extensão universitária e oficinas.

No período da manhã do dia 4, será realizada uma aula. Já às 17 horas, está programado um evento no Teatro Municipal Camilo Fernandez Dinucci, organizado pela Comissão Central de Recepção dos Calouros do câmpus de Botucatu, e que reunirá, além dos calouros do IB, também os alunos ingressantes da Faculdade de Medicina, da Faculdade de Ciências Agronômicas e da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia.

A atividade contará com apresentação de malabares, participação do Grupo de Teatro Dona Maria Inês, composto por alunos do IB, e da Banda Frei Caneca.

Laboratório de Biologia Molecular Estrutural integra Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia em Toxinas

O Laboratório de Biologia Molecular Estrutural do Departamento de Física e Biofísica do Instituto de Biociências (IB) da Unesp, câmpus de Botucatu, que é supervisionado pelo professor Marcos Roberto de Mattos Fontes,passou a integrar o Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia em Toxinas (INCTTOX), sediado no Instituto Butantan e aprovado pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) Esse Instituto, que é coordenado pelo pesquisador Osvaldo Augusto Brazil Esteves Sant'Anna, realizará estudos sobre as ações quantitativas e qualitativas de toxinas, de bioprospecção, imunidade e resistência inata ou adquirida, de processos de envenenamento e respostas terapêuticas.

O Laboratório do IB, que tem desenvolvido trabalhos com proteínas de veneno de serpentes brasileiras, será o responsável pela área de Toxinologia Estrutural.

O INCTTOX é um dos 123 Institutos Nacionais de Ciência e Tecnologia. Entre as metas desses órgãos estão agregar e viabilizar estudos realizados em diversos centros e em áreas estratégicas para o desenvolvimento sustentável do país, além de estimular pesquisas científicas e tecnológicas de ponta que tenham aplicações práticas e propiciar ambientes atraentes e estimulantes para alunos do ensino médio à pós-graduação.

Fotos do Jardim Botânico do IB em exposição na Biblioteca da Unesp

No período de 3 a 28 de março, será realizada, no Mezanino da
Biblioteca do câmpus de Rubião Júnior da Unesp, a exposição
fotográfica “Flores e folhas do Jardim Botânico do IBB”, de autoria de
Yuri Fanchini Messas (foto ao lado), aluno do 3º ano do curso de Ciências Biológicas
do Instituto de Biociências (IB).

A mostra é composta por 35 imagens e integra as atividades de recepção
aos calouros promovidas pelo câmpus.

A exposição poderá ser conferida de segunda a sexta-feira das 8h às
20h50 e, aos sábados, das 9h às 12h50.

Assessoria de Imprensa do IBB

HC/Unesp de Botucatu entre os melhores do Estado de São Paulo

O Hospital das Clínicas (HC) da Faculdade de Medicina de Botucatu/Unesp foi indicado entre os melhores do Estado de São Paulo, segundo pesquisa realizada pela Secretaria de Estado da Saúde, feita com usuários do SUS (Sistema Único de Saúde), que apontou aqueles que se destacam no atendimento público à saúde. Os 10 primeiros colocados serão conhecidos em cerimônia de premiação, que será realizada dia 6 de março, às 19 horas, no auditório do MASP (Museu de Artes de São Paulo), na Capital. O Hospital Estadual Bauru “Arnaldo Prado Curvêllo” também está entre os indicados.

Foram enviados questionários para as casas de aproximadamente 1,5 milhão de pessoas e colhidas informações daqueles que passaram por consulta, internação, cirurgia ou exames nos hospitais públicos entre 2008 e 2009.

De acordo com ofício encaminhado pela Assessoria de Comunicação Social do governo estadual, além de confirmar informações sobre os procedimentos médicos pelos quais passaram, os usuários puderam avaliar a qualidade e agilidade do atendimento dos profissionais e da infra-estrutura oferecida.

Para o superintendente do HC/Unesp de Botucatu, professor Antonio Rugolo Júnior, essa indicação é resultado de um trabalho conjunto desenvolvido por todo o corpo clínico, docentes e médicos residentes que atuam no hospital. “Este reconhecimento faz aumentar ainda mais nossa responsabilidade de promover um atendimento público de qualidade, humanizado e que possa, cada vez mais, satisfazer as necessidades de nossa região de abrangência”, declara Rugolo.

Sobre o HC

O Hospital das Clínicas, mantido pela Faculdade de Medicina de Botucatu é a maior instituição pública vinculada ao Sistema Único de Saúde na região. Estima-se que a abrangência populacional de atendimento do HC seja de 1,5 milhão de pessoas vindas de 68 municípios.

Em constante ampliação, o hospital possui área de 70 mil m² e disponibiliza à população avançado Centro de Diagnóstico por Imagem, registros gráficos, exames de análises clínicas, aparelhos de ressonância magnética, radiologia digital, tomografia e ultrassom. Também oferece serviços de quimioterapia, hemocentro, endoscopia, partos de risco, medicina nuclear, hemodiálise e moderno centro cirúrgico. O Centro Cirúrgico conta com 16 salas e o Obstétrico com 3.

A unidade conta com 415 leitos e 52 de UTI (30 adultos, 15 neonatal e 7 pediátricos), 194 consultórios médicos e 31 salas especializadas realiza, em média, 2 milhões de exames, 600 mil consultas, 20 mil internações e 11 mil cirurgias por ano.

Em números absolutos, o hospital realizou, até dezembro de 2008, 252.192 consultas em ambulatórios, 8.008 cirurgias e 18.930 internações. Foram, no mesmo período, 110.783 consultas em seu Pronto-Socorro. Há 1.900 servidores técnico-administrativos, 340 residentes, 180 médicos, 260 docentes e 82 aprimorandos atuando nas dependências do HC.

A unidade também possui um templo para a realização de celebrações ecumênicas e uma capela, onde os fiéis católicos fazem suas preces. Ambas as estruturas ficam em um jardim, cujo acesso se dá através do corredor central do HC.

Botucatu sediará festival de vôo livre

A rampa de vôo livre 'Na Base da Nuvem' vai abrigar nos próximos dias 7 e 8 o primeiro festival botucatuense de vôo livre. O evento é organizado pela escola Base da Nuvem e tem apoio da Prefeitura Municipal, através da Guarda Civil Municipal, da secretaria de Esportes e Lazer, e das subsecretarias de Turismo, e Comunicação e Informação.

São esperados mais de 100 pilotos brasileiros e estrangeiros. “Já temos quatro pilotos canadenses confirmados e esperamos oito pilotos suíços também”, conta o organizador Carlos Eduardo Tozzeto, piloto há 24 anos e que já promoveu encontros do gênero em diversas cidades brasileiras.

De acordo com Tozzeto, o esporte é de contemplação à natureza e muito seguro. “Se houver qualquer condição desfavorável, que coloque a integridade física dos pilotos em risco, não há decolagens”, explica.

O festival contará com pilotos de parapente e asa delta, de vôo acrobático e lazer. “É um evento para apresentar Botucatu ao vôo livre e a cidade aos pilotos de todo mundo”, diz. “Botucatu não deixa nada a desejar a nenhuma cidade do mundo que possui a prática de vôo livre”, completa.

O piloto que deseja participar do festival deve apresentar a carteira de habilitação em vôo livre, laudo emitido pela fábrica de revisão do equipamento; e capacete.

Paulista – Tozzeto comenta que Botucatu entrou no circuito do campeonato paulista. “Vamos sediar uma etapa, fomos autorizados pela Federação [Paulista]”.

O Parapente ou paraglider é um aeroplano mais pesado do que o ar, cuja asa inflável e semelhante a um pára-quedas fica suspensa por linhas. O vôo de parapente [conhecido em alguns países como paragliding] é uma modalidade de vôo livre que pode ser praticada tanto para recreação quanto para competição.

A entrada para o público é franca

Como chegar: Rampa Na Base Da Nuvem - Fazenda Monte Selvagem- estrada Geraldo Biral.

Mais informações sobre o evento: [14] 9124-6202
Para saber mais: www.abvl.com.br / www.fpvl.com.br

Da Assessoria de Comunicação e Informação da Prefeitura Municipal de Botucatu

Botucatu terá Centro de Formação de Guardas Municipais

O secretário de Segurança Adjair de Campos [foto], o comandante da Guarda Civil Municipal [GCM] Salvador Theodoro e o Inspetor da GCM Paulo Renato da Silva estiveram em Osasco na última quinta-feira [26], realizando uma visita técnica para a troca de informações sobre a implantação do policiamento comunitário e o Centro de Formação de Guardas. Osasco tem um efetivo de 600 homens.

“A primeira turma de Guardas Civis de Botucatu foi formada em Osasco, a partir de agora eles receberão a formação básica aqui em Botucatu”, comenta Adjair.

Cursos – em março será instalado no prédio da Guarda Civil Municipal um telecentro para a realização de cursos de capacitação e qualificação que são oferecidos pela Secretaria Nacional de Segurança Pública [Senasp]. “Esses cursos são muito importantes para a melhoria dos serviços e permanente atualização do efetivo”, finaliza o secretário.

Da Assessoria de Comunicação e Informação da Prefeitura de Botucatu

Hector Bohamia em Botucatu

Por Renato Fernandes

O Bailarino Héctor Bohamia traz para Botucatu a turnê mundial do espetáculo "Estado de Liberdade". A apresentação acontece no dia 13 de março, às 20h30, no Teatro Municipal Camillo Fernandez Dinucci.
Segundo a crítica especializada, Héctor Bohamia é um dos artistas “argentino-alemão” mais prestigiados atualmente no mundo, dentre os destaques de sua geração familiarizados ao expressionismo.

Radicado há mais de duas décadas em Frankfurt, Alemanha, Bohamia sempre se manifestou como um homem inquieto e interessado na transformação. Essa postura permitiu que ele sobrevivesse em um ambiente de artistas-criadores. Foi bailarino do Tanztheater del Wuppertal da célebre Pina Bausch e no Tango Argentino em New York (período que cumpria sua bolsa de estudos na Juilliard School Dance of Music). Viajou pelo mundo com seus solos inacreditáveis em busca de novos horizontes. Toda sua voltagem imaginativa parece ter a precisão de uma câmera fotográfica.

Para as revistas especializadas as ideias cênicas de Bohamia possuem profundas raízes expressionistas e enorme visão de vanguarda. A linguagem conquista o espectador de maneira difícil de explicar, descrevendo com emoção a difusa sensação de enfrentamendo do efeito artístico distinto do que é mostrado ou proposto nas maiorias das turnês.

Héctor trabalhou para as Operas de Sidney, Roma, Dresden, Hannover, Chicago, Ottawa, San Francisco, Philadelphia entre outras. Em 1997 estréia Aufstieg ünd Fall der Stadt Mahogonny de Kut Weill-Bertolt Brecht, no consagrado Berlin Ensemble, com enorme aceitação por parte da imprensa e do público.

Com o espetáculo “Estado de Liberdade” o artista iniciou sua segunda turnê mundial.

Calouros são recepcionados na FM/Unesp

Cerca de 130 novos alunos dos cursos de graduação de Medicina e Enfermagem da Faculdade de Medicina de Botucatu/Unesp (FMB) iniciaram oficialmente, dia 2 de março, sua jornada acadêmica. A recepção aos calouros aconteceu no salão nobre da FMB e prossegue durante toda a semana com atividades de integração.

A mesa de autoridades foi composta pelo diretor da FMB, professor Sérgio Müller, os coordenadores de curso de Medicina e Enfermagem, professores Joélcio Francisco Abade e Eliana Mara Braga, respectivamente; além dos superintendentes do Hospital das Clínicas, Dr. Antônio Rugolo Júnior, e do Hospital Estadual de Bauru, Dr. Emílio Curcelli. A presidente da Comissão de Recepção aos Calouros, professora Regina Popim completou a mesa.

Como primeira atividade do ano letivo, os novos acadêmicos assistiram uma explanação inicial do diretor, que abordou sobre a história da FMB e da Unesp como um todo, ressaltando a inserção que a instituição tem dentro da universidade e sua responsabilidade perante a comunidade na qual está inserida. Em sua saudação inicial, Muller enfatizou a importância dos calouros para a faculdade. “É um instante em que a universidade se renova”, declarou.

O diretor aproveitou a oportunidade para reforçar o crescimento da excelência do ensino, pesquisa e extensão oferecidos pela faculdade e o alto índice de procura pelos cursos nos vestibulares. O curso de Medicina foi novamente o mais concorrido em toda a Unesp, com mais de 10.400 inscritos para 90 vagas (média de 115,6 candidatos/vaga). Já Enfermagem registrou novamente crescimento na procura por vestibulandos ao registrar mais de 690 candidatos para 30 vagas, com média
(23,2 c/v). “São proporções altíssimas e os que ingressaram em nossos cursos fizeram por mérito. É mais uma responsabilidade perante à sociedade”, ressaltou Müller.

A proibição ao trote, regulamentada pela lei estadual nº 10.545, de 20/12/1999, e pela resolução Unesp nº 86, de 4/11/1999, foi amplamente abordada durante a recepção aos calouros. O diretor frisou o empenho da instituição em coibir estas atividades, sendo que a FMB conta atualmente com ações para evitar os trotes. A fiscalização tem sido redobrada pela direção que disponibiliza um número de telefone (3815-9000) para receber denúncias 24 horas ao dia.


No período da tarde, os calouros conheceram as instalações e atividades do Centro Acadêmico Pirajá da Silva (CAPS) e da Associação Atlética Carlos Henrique Sampaio Almeida (AAACHSA).

Atividades de recepção prosseguem com ‘Trote Cidadão’

Além de acompanharem o segundo dia de aula no campus de Rubião Júnior, os novos alunos da Unesp, em especial os graduandos em Medicina e Enfermagem ainda terão mais atividades de integração.

A programação de recepção aos calouros da FMB prossegue com a realização, dia 3 de março, de um ‘trote cidadão’, em Botucatu. A concentração dos acadêmicos acontece a partir das 14 horas no Largo da Catedral de Sant’Anna e os alunos realizarão arrecadação de alimentos, material escolar e de higiene pessoal.

Dia 4 de março, os alunos terão palestras e conhecerão o Serviço de Apoio Psicológico ao Estudante (Seapes), além de realizarem um tour pelo campus. Às 17 horas participam de um encontro no Teatro Municipal Camilo Fernandez Dinucci, onde serão recepcionados pelo prefeito João Cury (PSDB), junto com outros calouros das demais faculdades que compõem o campus da Unesp em Botucatu.

Flávio Fogueral
Jornal da FMB