fevereiro 17, 2009

Rio Claro vai distribuir 30 mil preservativos no Carnaval

Durante o Carnaval, a Fundação de Saúde de Rio Claro distribuirá 30 mil preservativos. Destes, 18 mil através da Secretaria Estadual da Saúde e o restante adquiridos com recursos próprios. A distribuição faz parte da campanha do Programa Municipal de Prevenção à Aids e inclui a divulgação de material de orientação ao público e camisetas.

Além das escolas de samba e foliões, a campanha envolve dezenas de entidades rio-clarenses, como os grupos de terceira idade, indústrias e usuários das unidades de saúde.

Mensalmente a rede pública municipal de saúde distribui aproximadamente 22 mil preservativos. A distribuição é feita em todas as unidades de saúde e no Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA), que funciona na Rua 5, entre as avenidas 2 e 4, no centro da cidade, de segunda a sexta-feira das 7 às 17 horas.

Quem comparece pela primeira vez para retirar os preservativos, tem que fazer um cadastro e recebe orientações sobre planejamento familiar, doenças sexualmente transmissíveis e uso do preservativo. Cada pessoa tem direito a até 12 preservativos por mês.

Qualquer pessoa com vida sexualmente ativa, independente da classe social e sexo, pode retirar o material. O preservativo, além de evitar a gravidez precoce, protege as pessoas das doenças sexualmente transmissíveis, como Aids, sífilis e hepatites B e C. As equipes do CTA também desenvolvem projetos com profissionais do sexo e com dependentes de drogas, fazendo a orientação sobre doenças sexualmente transmissíveis e entrega de preservativos.

Maiores informações sobre o assunto podem ser conseguidas nos telefones 3523-3232 e 3533-3350 ou diretamente nas unidades de saúde.

Do site oficial do município de Rio Claro

Clube Recreativo sedia o Carnaval de Pederneiras

A Prefeitura Municipal de Pederneiras realizará quatro noites de folia e duas matinês no Clube Recreativo Comercial (CRC), com animação da Banda Chapéu da Máfia. A entrada é franca.

"Será uma festa muito bonita. Toda a população poderá se divertir com segurança e alegria ao som de uma banda maravilhosa", explica o diretor de Cultura e Turismo Jaime Assêncio referindo-se a Banda Chapéu da Máfia, grupo com 12 anos de carreira e mais de 450 músicas no repertório.

Nas quatro noites (21, 22, 23 e 24 sábado, domingo, segunda e terça, respectivamente), a animação terá início por volta das 23 horas. Nas matinês, dias 22 e 24 (domingo e terça, respectivamente), os foliões poderão pular o carnaval a partir das 15 horas.

O clube fica na avenida Paulista, nº. 166.

Lençóis Paulista quer áreas da RFFSA para o município

Durante sua estada em Brasília, a prefeita de Lençóis Paulista, Izabel Cristina Campanari Lorenzetti (PSDB) aproveitou para visitar gabinetes de deputados federais onde foram encaminhados projetos e pedidos para liberação de verbas para o município. Bel, em companhia do diretor do Serviço Autônomo de Água e Esgotos (SAAE), José Antônio Marise, e da diretora administrativa, Sílvia Gasparotto, fizeram uma visita ao ao gabinete do deputado Milton Monti (PR-SP).

Na ocasião foi ratificado o pedido para que o deputado intermediasse, junto ao Governo Federal, a doação de áreas que pertencem à antiga Rede Ferroviária Federal (RFFSA) para o município. Trata-se dos prédios onde estão as estações de trem de Alfredo Guedes e Virgílio Rocha.

A boa notícia veio logo em seguida, quando a comitiva lençoense participou da abertura do Encontro Nacional de Prefeitos realizada esta semana. Durante seu discurso, o presidente Lula declarou que os imóveis de propriedade da antiga RFFSA, passarão para a Secretaria de Patrimônio da União. “Esta fala do presidente nos motivou, pois isto facilitará a transferência da propriedade dos imóveis para o município”, comentou Bel.

Segundo a prefeita, a administração tem interesse nestas duas áreas e já entrou com pedidos de cessão junto à RFFSA desde 2005. Bel comentou que a idéia da prefeitura com as estações vai além da manutenção do patrimônio. “Em Alfredo Guedes pretendemos desenvolver projetos sociais e culturais, além de incluí-la no projeto Circuito Turístico Caminhos do Centro-Oeste Paulista, assim como a estação de Virgílio Rocha”. Já na estação ferroviária, onde atualmente funciona o comitê da Ação da Cidadania contra a Fome, a Miséria e pela Vida, a utilização poderá ser destinada para melhorias no trânsito no entorno da área.

Do site oficial de Lençóis Paulista

Fiesp e Sesi-SP promovem o V Prêmio do Cinema Paulista

O prêmio, que está com inscrições abertas até 20 de fevereiro, contemplará 12 categorias. Os três finalistas de cada modalidade serão escolhidos pelo público durante mostra que será realizada em março.

Até 20 de fevereiro, estão abertas as inscrições para produções cinematográficas de longas e curtas-metragens concorrerem ao V Prêmio FIESP/SESI-SP do Cinema Paulista.
Nesta edição, a premiação contemplará doze categorias: melhor filme, melhor diretor, melhor roteiro, melhor atriz, melhor ator, melhor fotografia, melhor ator coadjuvante, melhor atriz coadjuvante, melhor montagem, melhor trilha sonora, melhor direção de arte e melhor filme de curta-metragem.
Para se inscrever e disputar o prêmio, os filmes de longa-metragem devem atender dois pré-requisitos: ser produzidos por empresas paulistas e ter estreado nas salas de cinema do circuito comercial no ano de 2008. Já os de curta-metragem precisam apresentar nota fiscal da primeira cópia em 35mm, emitida obrigatoriamente no ano passado, e também devem ser o resultado de produtoras paulistas.
As produções interessadas deverão apresentar ficha de inscrição devidamente preenchida (disponível no site www.fiesp.com.br/cinema), duas fotos do filme, uma foto do diretor, nota curricular do diretor e elenco, quatro cópias do filme e trailer em DVD - codificado para as regiões 4 ou 0 - e uma carta de autorização em papel timbrado da empresa, assinada e carimbada, concedendo os direitos de uso dos materiais acima mencionados, bem como autorização de exibição do filme nas unidades dos Centros de Atividades do SESI-SP. Especificamente para os curtas é obrigatória a apresentação de cópia autenticada da nota fiscal da primeira cópia de veiculação do filme.
Todos os filmes inscritos serão exibidos, gratuitamente, em uma mostra com três sessões diárias, que será realizada em três endereços, entre os dias 2 e 15 de março: Mezanino do Centro Cultural Fiesp - Ruth Cardoso, no SESI Vila Leopoldina e no SESI Franca. Nesse período, um júri popular (público) elegerá, no local ou via internet, os três finalistas em cada uma das doze categorias de premiação.
Para definir o ganhador de cada modalidade, o Comitê de Ação Cultural da Fiesp (Comcultura) contará com um júri oficial, constituído por profissionais ligados à área cinematográfica e cultural.
André Sturm, diretor-adjunto do Comitê de Ação Cultural da Fiesp e presidente licenciado do Sindicato da Indústria Audiovisual do Estado de São Paulo (Siaesp), ressalta a relevância da quinta edição do Prêmio FIESP/SESI-SP do Cinema Paulista para o setor: "O Prêmio a cada ano se firma o evento da atividade com presença e repercussão crescente. Um apoio para o cinema sem precedentes".

A cerimônia de premiação será realizada no dia 23 de março, na sede da Fiesp. Os melhores de cada categoria receberão prêmio em dinheiro, troféus e certificados, que totalizam R$ 45 mil.

Histórico

O prêmio, que está em sua quinta edição, é uma iniciativa da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) e do Serviço Social da Indústria (SESI-SP), em parceria com o Sindicato da Indústria Audiovisual do Estado de São Paulo (Siaesp).
O objetivo é incentivar a produção cinematográfica paulista, divulgar o cinema brasileiro, facilitar o acesso público às últimas produções de filmes nacionais e formar novas platéias.
Segundo Fernando Greiber, diretor do Comitê de Ação Cultural da FIESP, a idéia é promover a democratização do conhecimento na área cultural, atingindo o público que não costuma ter contato com projetos artísticos, trazendo produções e atividades de alto nível.

Dados do setor

Segundo o Sindicato da Indústria Audiovisual do Estado de São Paulo (Siaesp), o setor hoje emprega diretamente cerca de 30 mil pessoas e disponibiliza, indiretamente, outros 10 mil empregos.
No ano passado, a arrecadação no circuito de salas de cinema do País foi de R$ 750 milhões, sendo cerca de R$ 84 milhões com produções nacionais. O público geral foi de 90 milhões de ingressos, dos quais 14 milhões para o cinema brasileiro, uma participação de mercado de cerca de 12%.
No mercado brasileiro, o cinema paulista representa 40% da produção nacional.

Serviço:
IV Prêmio FIESP/SESI-SP do Cinema Paulista
Datas: Inscrições: até 20 de fevereiro de 2009
Exibições: de 2 a 15 de março de 2009, no Centro Cultural Fiesp - Ruth Cardoso, no SESI Vila Leopoldina e no SESI Franca.
Premiação: dia 23 de março de 2009
Informações: Em edital disponível no site www.fiesp.com.br/cinema, ou pelo telefone (11) 3146-7407 e e-mail: ccultura@sesisp.org.br
Inscrições: Correio - Divisão de Desenvolvimento Sociocultural do SESI-SP
Avenida Paulista, 1.313 - Intermediário - Cerqueira César - 01311-923 - São Paulo/SP.

Fiocruz produz remédio contra a Aids

O primeiro lote da versão genérica do Efavirenz, produzido pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), foi entregue ontem, segunda-feira (16) ao ministro da Saúde, José Gomes Temporão, no Complexo Tecnológico de Medicamentos (Farmanguinhos), em Jacarepaguá (RJ). O medicamento é uma das 17 drogas que compõem o coquetel anti-Aids, consumido por 85 mil dos 185 mil pacientes atendidos pelo Programa Nacional de DST/Aids. Durante o evento, a Fiocruz homenageou Herbert de Souza, o Betinho, como patrono da produção antirretroviral de Farmanguinhos. "A produção nacional do Efavirenz é um marco para o programa de combate à Aids. Trata-se de uma garantia de atenção aos portadores do HIV e demonstra a capacidade nacional de pesquisa e produção de medicamentos", afirma o ministro Temporão.

Os 2,1 milhões de comprimidos devem ser utilizados em São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Paraná e Espírito Santo - estados onde vivem cerca de 62% dos pacientes que usam o Efavirenz. Até o final de 2009, a fundação enviará ao Ministério da Saúde um total de 15 milhões de unidades. O consumo nacional atual é de 30 milhões de comprimidos por ano, que serão garantidos também pelo recebimento de 16 milhões unidades do laboratório indiano Aurobindo. A expectativa é que a partir de abril de 2010 o consumo do Efavirenz seja 100% nacional.

A formulação do genérico brasileiro do Efavirenz é resultado de uma parceria público-privada. Os laboratórios oficiais Farmanguinhos e Lafepe desenvolveram a tecnologia e a produção final do medicamento, e um consórcio formado por três empresas fabricam do princípio ativo. O Efavirenz será o 8º medicamento do coquetel produzido por Farmanguinhos. Os outros são o Zidovudina (AZT), Lamivudina (3TC), AZT+3TC, Estavudina, Indinavir, Nevirapina e Saquinavir. Ao todo são 17 os medicamentos utilizados com coquetel anti-aids.

Licenciamento - A decisão de declarar o licenciamento compulsório do Efavirenz foi tomada pelo ministro Temporão em 2007, ao final de um processo de negociação frustrada entre o laboratório Merk e o Ministério da Saúde. A proposta brasileira era que o laboratório praticasse o mesmo preço pago pela Tailândia, de US$ 0,65 para cada comprimido de 600 mg. O Brasil pagava, à época, US$ 1,59. A diferença entre os preços praticados pelo mesmo laboratório para os dois países era de 136%. A empresa propôs uma redução de apenas 2%,que foi recusada pelo governo brasileiro.

Após licenciamento compulsório, o Ministério da Saúde passou a importar da Índia genéricos pré-qualificados pela OMS - por meio de organismos internacionais (Unicef e Opas). O primeiro lote do medicamento genérico chegou ao Brasil em julho de 2007. Essa medida provocou um impacto imediato de US$ 30 milhões de economia para o País.

Programa de fitoterápicos ganha força em Botucatu

A Subsecretaria de Agricultura e Abastecimento reuniu, na última sexta-feira, 13, sete representantes de instituições públicas e privadas para discutir a produção de plantas medicinais e fitoterápicos para utilização no Sistema Único de Saúde [SUS].

Além dos representantes da equipe da Subsecretaria de Agricultura, estiveram presentes na reunião o vereador Dr. Bittar [PCdoB], professores do Instituto de Biociências [IB] e da Faculdade de Ciências Agronômicas [FCA], do Instituto Giramundo Mutuando e da empresa Centro Flora.

Na reunião, os presentes fizeram as apresentações pessoais e colocaram em pauta os repasses sobre a Política Nacional e Estadual de Medicina Natural e práticas complementares no SUS, aprovadas pelo Conselho Nacional de Saúde.

Segundo o vereador Dr. Bittar, para se colocar em prática o programa de fitoterápicos será necessário fazer parcerias. “A construção de um programa municipal de fitoterápicos necessita de várias parcerias para acontecer, por isso tenho procurado diferentes setores e segmentos para buscar informações e hoje reunimos aqui em Botucatu: Universidades [IB, FCA e FMB]; pesquisadores [UNESP, Fiocruz e FAPESP]; Secretarias Municipais [Saúde, Ciência e Tecnologia, Desenvolvimento Econômico]; empresas e entidades da sociedade civil, produtores rurais e horticultores comunitários”, explicou. “Botucatu possui cenário favorável ao tema, desde o cultivo de plantas medicinais até o processamento de medicamentos fitoterápicos por empresas para introdução em alvos terapêuticos dentro do SUS”, completou.

O professor Dr. Cláudio Di Stasi, do IB, passou informações do Ministério de Saúde ao grupo. “Esta semana o Governo Federal liberou uma lista contendo 71 espécies medicinais da flora brasileira que serão utilizadas no Sistema Único de Saúde”, disse. “Um programa botucatuense de fitoterápicos no SUS pode ter como base esta lista inicial, lançada agora em 2009 pelo Ministério da Saúde”, completou Dr. Stasi.

Márcio Campos, diretor da Agricultura, revelou que as reuniões fazem parte de ações realizadas de forma itinerante. “Já aconteceram encontros na FEPAF/FCA, na Secretaria de Saúde, na Secretaria de Agricultura e a próxima será no dia 2 de março, no Instituto de Biociências [IB] no Departamento de Farmacologia”, disse.

O diretor de Agricultura apontou que o objetivo do grupo é aproximação de outros setores da classe médica em relação ao assunto da fitoterapia. “Talvez realizaremos este ano um evento que possa trazer experiências de referencia, pesquisadores e cientistas que atuam na área das plantas medicinais e fitoterápicos, vindos da Fiocruz, FAPESP e Ministério da Saúde”, revelou Campos.

Interessados no programa podem obter mais informações na Subsecretaria Municipal da Agricultura, localizada na Rua Miguel Cioffi, n. 325 – Vila dos Médicos, pelos telefones: [14] 3882-9959 ou [14] 3882-6313 ou via e-mail: agricultura@botucatu.sp.gov.br.

Subsecretaria de Comunicação e Informação de Botucatu

GCM: Chuva causa alagamento em residências

A forte chuva que caiu em Botucatu na manhã desta segunda-feira, 16, ocasionou diversos transtornos à população.

Apenas no período diurno, a Defesa Civil Municipal realizou sete atendimentos de alagamentos em residências e desmoronamento de muros em áreas de risco da cidade.

Por volta das 15 horas, a Guarda Civil Municipal [GCM] compareceu a Travessa Particular, às margens do Rio Lavapés, para atender a ocorrência de alagamento em oito residências, com danos a bens materiais.

Além dos problemas com a chuva, a GCM atendeu ocorrências de Auxílio ao Público, Apreensão de Objetos em via Pública, Apoio à Ambulância e Apoio ao Migrante.

Todos os casos foram direcionados para que as providências necessárias sejam tomadas.

Dicas da Defesa Civil:

Antes -
- Lembre-se de consertar as calhas e o telhado, resolvendo goteiras.
- Levante os móveis e objetos de valor.
- Desligue a chave geral de eletricidade e os registros de água.
- Leve o lixo para área não sujeita a alagamento.
- Procure abrigo em local alto e seco.

Durante a chuva:
- Evite o contato com a água. Ela pode estar contaminada e provocar doenças graves com leptospirose.
- Se estiver em local seguro, não se deslocar.
- Todos os locais alagados devem ser evitados. Buracos e bueiros podem provocar graves acidentes, portanto, evite transitar nessas áreas.
- Beber somente água filtrada ou fervida na ocorrência de qualquer sintoma como febre, dores musculares [principalmente na batata da perna], dor de cabeça, ferimentos ou outros sintomas procure a unidade de saúde mais próxima.

Depois
- Não se arrisque em locais que estejam inundados.
- Descarte os alimentos e outros produtos que tiveram contato com a água a lama.
- Não use água de poços e fontes.
- Descontamine os locais de caixas de água com uma colher de água sanitária para cada litro de água.
Mais informações: 199

Subsecretaria de Comunicação e Informação de Botucatu

Espaço Cultural recebe ensaio dos blocos e feira de artesanato e gastronomia

Desde domingo, 15, até a próxima quinta-feira, 19, acontecem os ensaios e apresentações dos sambas-enredos dos blocos do Carnaval 2009 de Botucatu, organizado pela Subsecretaria de Turismo.

Os ensaios, que acontecem no Espaço Cultural “Dr. Antônio Gabriel Marão”, são realizados das 19h às 23 horas.

Além dos preparativos para o desfile dos blocos, o evento conta com feira de artesanato e gastronomia, com entrada franca.

Abaixo a relação dos dias e dos blocos no Espaço Cultural:
- Dia 17/02 – Bloco da Imprensa + Bloco Camiseta Preta e Bloco Mundo da Fantasia
- Dia 18/02 – Bloco Botucatu Futebol Clube e Bloco Fiel Botucatu + Bloco Gente Unida de Vila Maria
- Dia 19/02 – Bloco Cata-loko + Bloco Vai Quem Quer + Bloco Unidos da Mina + Bloco Prá Firmá Mizade; Bloco Rabo de Galo + Bloco Hospital Cantídio de Moura Campos + Bloco Os Cornaxus.

Subsecretaria de Comunicação e Informação de Botucatu

Após melhorias, Teatro Municipal está pronto para receber atrações

O Teatro Municipal “Camillo Fernandez Dinucci” passou por melhorias para maior conforto e segurança do público e está em plena condições de receber suas atrações já no próximo mês. As informações são do administrador Tico Villela.

Após encontrar salas abandonadas e em mau estado de conservação, Villela providenciou os reparos necessários no Teatro Municipal. “Fizemos a troca dos drives da caixa de som, revisamos todos os cabos e as vias de retorno para o palco, que agora estão em perfeito funcionamento”, disse o administrador. “Ainda estão sendo trocadas as lâmpadas queimadas e as lentes que estavam quebradas”, completou.

O problema da saída de emergência, que estava obstruída por mesas, cadeiras, e parte do antigo aparelho de ar condicionado do Teatro, que era considerado emergencial pelo administrador, foi solucionado. “Finalmente conseguimos que esses objetos fossem retirados do local. Agradecemos a agilidade e presteza da equipe da Secretaria de Obras, agora há mais segurança, organização e limpeza”, avisou Villela.

O administrador está satisfeito com a atual situação do Teatro Municipal “Camillo Fernandez Dinucci”. “Estas são algumas melhorias e reparos que fizemos desde que assumimos. Posso dizer que o mais importante está sendo cuidado e o Teatro já está em plenas condições de uso, com todo o seu potencial”, finalizou.

Subsecretaria de Comunicação e Informação de Botucatu / Com Giovana Polo - Sec. Cultura

MAC retoma atividades com exposição Mundo Feminino

O Museu de Arte Contemporânea Itajahy Martins retoma as atividades de 2009 com a exposição Mundo Feminino, entre os dias 7 e 28 de março. A inscrição para a exposição de trabalhos vão até o dia 4 de março.

A exposição Mundo Feminino é uma iniciativa da Secretaria de Cultura para incentivar a produção nas artes visuais e reunir artistas locais e da região, valorizando a expressão e a criatividade com destaque especial para a temática do universo feminino da mulher.

REGULAMENTO

EXPOSIÇÃO TEMÁTICA MUNDO FEMININO

1. O participante poderá inscrever-se com até dois trabalhos recentes e ou inéditos nas seguintes categorias: desenho, pintura, escultura, fotografia, tapeçaria e patchwork [painel].

2. A inscrição é gratuita e deve ser feita no MAC Itajahy Martins até dia 4 de março de 2009 das 9 às 18h mediante a apresentação do trabalho e o preenchimento completo da ficha de inscrição.

3. O participante poderá inscrever-se em mais de uma categoria. Para isto deve-se preencher uma ficha de inscrição diferente para cada trabalho inscrito.

4. A exposição será no MAC Itajahy Martins no período de 7 a 28 de março de 2009.

5. Os trabalhos não retirados no prazo estipulado passarão a fazer parte do acervo do museu.

6. O ato de inscrição implica em plena e expressa aceitação das normas constantes neste regulamento.

Calendário:

Inscrição: 16 de fevereiro a 4 de março

Abertura: 7 de março às 10h

Exposição: 7 a 28 de março

Devolução dos trabalhos: 1 a 9 de abril de 2009

Informações e inscrições: Secretaria de Cultura – [14] 3882.14.89/ [14] 3882.17.47

MAC ITAJAHY MARTINS - Av. Dom Lúcio, 755 - macbtu@botucatu.sp.gov.br

Subsecretaria de Comunicação e Informação de Botucatu

Botucatu sedia encontro de radiodifusão

A cidade está abrigando hoje [17] a terceira edição do encontro paulista de radiodifusão. O evento acontece me um hotel da cidade e é promovido pela Associação Paulista das Emissoras de Rádio e Televisão do Estado de São Paulo [Aesp].

De acordo com o presidente da Aesp, Edilberto Paula Ribeiro, serão discutidos assuntos relacionados à área técnica, como a implantação do sistema digital; e recursos humanos. Ribeiro ressaltou o poder da comunicação em tempos de crise. “Não temos que maquiar nada, apenas informar como as coisas realmente são”, disse.

A abertura do encontro contou com a presença do prefeito João Cury que ressaltou o poder da comunicação na sociedade. “A comunicação é fundamental no processo democrático. Não há democracia sem informação e participação; e as emissoras têm um poder e uma responsabilidade muito grande nesse processo”, fala.

Subsecretaria de Comunicação e Informação de Botucatu

ATFPMB inaugura nova sede administrativa

A nova sede administrativa da Associação dos Trabalhadores e Funcionários Públicos Municipais de Botucatu foi inaugurada oficialmente na manhã desta terça-feira[17], atendendo no mesmo prédio onde está situado o Procon, à Rua Marechal Deodoro, nº 304.

O evento contou com a presença do prefeito e vice-prefeito de Botucatu, João Cury Neto e Prof. Antonio Luiz Caldas Junior, secretários municipais, os vereadores Abelardo, Curumim e Nenê e demais autoridades políticas.

O atual presidente da entidade, Paulo Sérgio Alves, agradeceu a presença de todos durante a cerimônia. “A Associação só tem a agradecer todo o apoio que foi dado pelo prefeito João Cury e também a participação de todos aqui neste evento. Com esta nova sede, temos mais conforto e podemos oferecer um melhor atendimento aos associados”, discursou.

João Cury colocou a Prefeitura à disposição da Associação. “Quero ressaltar que a Prefeitura está sempre de portas abertas para qualquer assunto a ser tratado. Quando fui procurado, o Paulinho sempre se mostrou uma pessoa bastante preocupada e interessada em conseguir o melhor para a Associação e associados. Todos os responsáveis estão de parabéns por mais essa conquista”, falou o administrador municipal.

Após o descerramento da placa, Paulo Sérgio Alves entregou um título de sócio benemérito da ATFPMB ao prefeito João Cury e ao vice prefeito Antonio Luiz Caldas Junior.

Mais informações: 3815-9112, 3882-4723 e 3814-5470.

Subsecretaria de Comunicação e Informação de Botucatu

Desenvolvimento Econômico reúne-se com gerentes da CEF

A equipe da Secretaria de Desenvolvimento Econômico composta pelo Secretário Ricardo Veiga e subsecretários das pastas de Comércio e Serviços, Turismo e Lazer, Ciência e Tecnologia, Indústria, Agricultura e Abastecimento reuniram-se na manhã dessa terça-feira com gerentes da Caixa Econômica Federal [CEF], na Prefeitura Municipal de Botucatu. O encontro teve como motivo a aproximação da instituição como o principal agente financeiro de desenvolvimento econômico e social com o governo municipal.

Os gerentes da CEF apresentaram a linha completa de programas, produtos e serviços do banco voltados para a modernização da gestão pública municipal. Outro fato de grande importância apresentado às Subsecretarias são referentes aos convênios com os Ministérios do Governo Federal que possuem ampla atuação e recursos nas áreas do Desenvolvimento Econômico que são assinados e repassados ao Governo Municipal através de convênios com a Caixa. Durante a reunião foi colocado aos gerentes a existência de dois convênios em tramitação com a nova gestão municipal, sendo um com o Ministério do Turismo e outro com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento [Mapa].

O Secretário de Desenvolvimento Econômico Ricardo Veiga, solicitou informações aos gerentes da CEF sobre como estimular novos investimentos para o município de Botucatu e declarou que “deseja ampliar os benefícios municipais aos empresários, industriais e comerciantes que queiram instalar-se em Botucatu, através de incentivos fiscais, garantia de recursos e qualificação na mão-de-obra necessária aos setores interessados”

Outro ponto importante frisado na reunião foi ”de que o município precisa viabilizar mais investimentos e obras de infra-estrutura para os empresários, industriais e comerciantes já instalados em Botucatu, isso geraria mais empregos, mais renda e oportunidade de bons negócios ao Município, tornando-se referência regional no desenvolvimento de pólo tecnológico” conclui Veiga.

Subsecretaria de Comunicação e Informação de Botucatu

Fundo Social doa leite para Asilo e Desafio Jovem

O Fundo Social de Solidariedade da Prefeitura Municipal de Botucatu entregou 500 litros de leite para o Asilo Padre Euclides e a organização Desafio Jovem. As doações aconteceram na semana passada e na tarde de ontem.

As caixas de leite longa-vida foram doadas ao Fundo Social de Solidariedade por um pastor evangélico que promoveu um evento cujo a entrada era um litro de leite. Os 500 litros restantes serão doados em breve para entidades que necessitem.

O Fundo de Solidariedade preserva a missão básica de assistir solidariamente os mais necessitados. Entretanto, imprime a essa missão um significado mais amplo, ao enfatizar programas que, além de permitirem a geração de trabalho e renda, levam ao desenvolvimento pleno do ser humano como cidadão autônomo, o qual, beneficiando-se das oportunidades apresentadas, é capaz de construir seu próprio crescimento e de libertar-se das amarras que lhe são impostas pela necessidade e pela exclusão.
Mais informações: [14] 3811-1541

Subsecretaria de Comunicação e Informação de Botucatu

Programa Mutirão Futebol Clube começa amanhã

O programa Mutirão Futebol Clube começa nessa quarta-feira [18], no campo do Sete de Setembro. O mutirão consiste na recuperação, limpeza e manutenção dos campos de futebol da cidade. De acordo o secretário de Esportes, professor Pereira, esses espaços estão em má condições, com entulho, grama alta, ervas daninhas e com as reformas oferecerão melhores condições de lazer e treinamento.

'Não vamos fazer plantio de grama e sim a limpeza, corte, colocação de herbicidas e fazer melhorias nos arredores”, comenta Pereira.

O Mutirão Futebol Clube ainda terá participação secretaria de Meio Ambiente que fará o plantio de flores, plantas e mudas nas redondezas dos campos.

Os trabalhos estão programados para acontecem até a sexta-feira da próxima semana [27] e serão recuperados os campos do Sete de Setembro, Vila Maria, Beira Rio, Monte Mor, Estádio Municipal Mário Pilan, Vila Real, 24 de maio, Cohab IV, Vila São Benedito e Rubião Jr.

Subsecretaria de Comunicação e Informação de Botucatu

Karatecas de Botucatu conquistam 19 medalhas em Caçapava

Com o apoio da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer [SEMEL], 18 atletas Botucatu participaram do Campeonato de Karatê Interestilos, em Caçapava-SP.

Os karatecas botucatuenses, que treinam no Ginásio Municipal de Esportes “Governador Mário Covas Júnior”, com o professor Mário José Massagli, conquistaram 19 medalhas. Foram 10 de ouro, quatro de prata e cinco de bronze.

O Campeonato de Karatê de Caçapava, organizado pela FPKI [Federação Paulista de Karatê Interestilos], contou com a participação de mais de 500 atletas de 35 academias do Estado.

Acompanhe os resultados dos atletas da SEMEL de Botucatu:

Amarildo Andrade – Ouro no Kata e Ouro no Shyai Kumite
Ramon Maitan – Bronze no Kata e Prata no Shyai Kumite
Samuel dos Santos – Ouro no Kata e Bronze no Shyai Kumite
Lucas Thomaz – Ouro no Shyai Kumite
Fábio Fudoli – Prata no Kata e Ouro no Shyai Kumite
Paulo Henrique Jr. – Bronze no Kata e Prata no Shyai Kumite
Sandra Fudoli – Bronze no Kata
Sabrina Lima – Bronze no Kata e Ouro no Shyai Kumite
Nayara Brunellis – Ouro no Kata e Ouro no Shyai Kumite
Sheila Pedroso – Ouro no Kata e Ouro no Shyai Kumite
Dara Fudoli – Prata no Shyai Kumite

Subsecretaria de Comunicação e Informação de Botucatu

FMB/Unesp mostra crescimento em defesas de teses e mestrados

Conhecida por sua excelência em ensino e pesquisa, a Faculdade de Medicina de Botucatu/Unesp (FMB), obteve números expressivos de dissertações para seus programas de pós-graduação. Superando expectativas, a instituição registrou no ano passado, um total de 148 defesas de teses de pós-graduação e dissertações de mestrados.

As defesas envolvem especialidades e abrangem aspectos da saúde como um todo. Até dezembro de 2007, a instituição registrou 835 dissertações de mestrado e 450 teses de doutorado. A crescente neste número pode ser observada nos dois primeiros meses de 2009. A previsão, conforme a Seção de Pós-Graduação da FMB é de que até o final de fevereiro tenham sido defendidas 74 teses de pós-graduação e dissertações de mestrado.

A presidente da comissão de pós-graduação da FMB, professora Denise Fecchio, ressalta que a quantidade de dissertações e teses reflete a procura pelos programas de pós-graduação que a instituição oferece. Ela declara que esta demanda é resultado das avaliações positivas obtidas perante à Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes). “Todos os nossos programas se destacaram obtendo notas expressivas. Antes de 2006, tínhamos somente o programa de Patologia com a nota 5 e após a última avaliação da Capes, passamos a contar com cinco disciplinas a terem a nota máxima de conceituação”, explica.

Além disso, outro fator observado por Denise refere-se aos acordos de cooperação e intercâmbio que a FMB mantém com diversas instituições de ensino. “Ao longo dos anos houve acordos de intercâmbio em níveis nacional e internacional. Isso facilitou o acesso aos nossos programas e muitos dos estudos são continuados na FMB”, complementou a professora.

A Faculdade de Medicina de Botucatu oferece oito programas de pós-graduação, com ênfase à pesquisa e desenvolvimento de produção científica. São desenvolvidas atividades nas áreas de anestesiologia, bases gerais da cirurgia, fisiopatologia em clínica médica, doenças tropicais, ginecologia, obstetrícia e mastologia; patologia, pediatria e saúde coletiva. Além disso, dois programas de mestrado profissional (pesquisa e desenvolvimento em biotecnologia médica e enfermagem), completam a gama de atividades desenvolvidas na pós-graduação da FMB.

Flávio Fogueral / Jornal da FMB

Governo oferece 840 vagas para estágios em escolas do interior

A Secretaria da Educação fará processo seletivo para o preenchimento de 840 vagas de estagiários. Os selecionados vão assessorar os alunos da rede estadual e trabalhar no Acessa Escola, programa que transforma as salas de informática das escolas em espécies de lan houses, abertas durante todo o período de aulas. As vagas destinam-se às regiões de Bragança Paulista (129), Itu (144), Jacareí (132), Jundiaí (192), São Roque (81) e Sorocaba (162). Podem participar do concurso estudantes do 1o e 2o ano do ensino médio dos colégios dessas regiões.

As inscrições vão de 26 de fevereiro a 16 de março. O salário será de R$ 340, mais auxílio transporte, por jornada de quatro horas diárias (sempre no turno inverso ao dos estudos). O candidato deve ter 16 anos completos até a data da contratação. O interessado fará prova objetiva que irá avaliar seu raciocínio lógico e sua familiaridade com a informática. A data da prova e a quantidade de questões do concurso ainda não foram definidas pela Fundap, órgão da Secretaria de Gestão responsável pela seleção.

A jornada de trabalho será das 8 às 12 horas, das 12 às 16 horas ou das 16 às 20 horas. O contrato de estágio será de até 12 meses, o qual poderá ser prorrogado por mais um ano. O prazo mínimo de contrato será de seis meses. Todos os estagiários serão supervisionados por assistentes técnico-pedagógicos das Diretorias de Ensino. No caso de escolas sem candidatos, alunos da instituição de ensino mais próxima serão chamados, seguindo a ordem de classificação.

O Acessa Escola permite a abertura dos laboratórios em período integral, oferece estágio para estudantes do ensino médio e capacita os adolescentes para atuarem como monitores (recebem treinamento em seis módulos sobre informática). A primeira fase do programa atendeu escolas da capital e Grande São Paulo, e agora chega ao interior.

Serviço

Para se inscrever basta acessar o site www.fundap.sp.gov.br. Após preencher e imprimir o formulário, deverá efetivar sua inscrição com o pagamento de R$ 12 na rede bancária

Da Agência Imprensa Oficial

Dom Aloysio, arcebispo emérito de botucatu, recebe alta médica

Boletim informativo emitido pela Assessoria de Comunicação e Imprensa (ACI) da FMB e HC, revela que o arcebispo emérito de Botucatu, dom Aloysio José Leal Penna, que permaneceu internado durante um mês e seis dias no Hospital das Clínicas (HC) da Faculdade de Medicina de Botucatu/Unesp (FMB) rececebeu alta médica na segunda-feira, 16 de fevereiro, às 18 horas. Após deixar a Unidade de Terapia Intensiva (UTI), ele estava instalado na enfermaria de convênios.

De acordo com a equipe médica que acompanha o religioso, ele deixou o hospital com um quadro estável, consciente e se comunicando bem. Uma auxiliar de enfermagem do HC deverá acompanhar Dom Aloysio, em casa, durante sua reabilitação.

O arcebispo foi internado no dia 10 de janeiro, após ter um mal súbito durante a celebração de uma missa na Catedral Metropolitana e sofrer um trauma crânio-encefálico após a queda. Antes de ser submetido a uma tomografia, o religioso teve uma piora discreta em seu estado de consciência - o que impôs a realização de cirurgia para a retirada do tecido danificado. A intenção foi evitar um aumento da pressão dentro do crânio. O procedimento foi considerado um sucesso.