setembro 30, 2009

Botucatu assina convênio com Governo do Estado

Na tarde de ontem, o Prefeito Municipal de Botucatu João Cury Neto esteve presente em São Paulo no evento que marcou a assinatura Programa Especial de Melhorias [PEM] pelo Vice-Governador Alberto Goldman e o Secretário de Estado de Habitação, Lairs Krähenbühl. O projeto vai marcar a execução das obras de infra-estrutura dos conjuntos habitacionais [CDHU], desenvolvidadas em uma parceria entre Estado e os Municípios. Durante a solenidade também houve a adesão de 123 cidades ao Programa Cidade Legal, que fornece auxílio ao municípios na regularização fundiária.

O investimento total é de R$ 30,4 milhões para 180 municípios, sendo que 138 vão assinar os protocolos no evento e 42 já firmaram anteriormente. A Secretaria da Habitação vai repassar os recursos para as prefeituras executarem melhorias em antigos núcleos habitacionais, proporcionando mais conforto, segurança e qualidade de vida aos moradores. São obras estruturais de recapeamento, muros de arrimo, galerias de águas pluviais, calçadas, construção e reforma de praças, parques, centros comunitários e de convivência, áreas de lazer e quadras poliesportivas.

'Nós estamos mudando o caráter dos planos habitacionais no Estado. No novo projeto da CDHU, os conjuntos habitacionais não são apenas casas ou apartamentos, são lares. Os projetos apresentam diferenças que dão dignidade às famílias que vão ocupar aqueles espaços e, além de tudo, tem a questão da regularização fundiária que dá ao cidadão o título da propriedade do imóvel, o título daquilo que é seu', disse o vice-governador Alberto Goldman.

'Nós recebemos uma nova diretriz do governador José Serra de tratar com muita atenção a questão da qualidade de vida dos empreendimentos existentes e não apenas fazer novos conjuntos. Desde 2007, nós já repassamos às prefeituras mais de 92 milhões para obras de infraestrutura e com os convênios que estamos assinando hoje, esse montante supera os 120 milhões', afirmou o presidente da CDHU, Lair Krähenbühl.

Com a adesão dos 123 municípios ao programa 'Cidade Legal', será possível regularizar mais 1.188 núcleos habitacionais, o que vai beneficiar 271 mil famílias. O programa tem como objetivo normatizar junto às prefeituras as regras para que as unidades habitacionais já construídas tenham sua documentação oficializada. Para participar, as prefeituras precisam assinar um termo de convênio com o Governo do Estado. Até agora, 197 municípios paulistas já aderiram ao programa o que vai permitir a regularização de 1,6 milhões de imóveis.

Durante a solenidade, o Prefeito João Cury Neto fez um discurso sobre o tema. Cury foi escolhido como representante dos 645 municípios para falar em nome dos mesmos, e assinou junto aos representantes do Estado, o convênio do PEM e do Cidade Legal. “Acho que o mais importante de toda essa situação é que podemos mais uma vez conquistar investimentos para a população de Botucatu junto ao Estado como já fizemos com o Governo Federal”, afirmou Cury, mostrando mais uma vez que a cidade esta cada vez mais na rota dos grandes projetos do Governo do Estado.

Da Subsecretaria Municipal de Comunicação e Informação

Pronto-Socorro do Hospital Sorocabano será transferido para novas instalações

Na manhã desta quinta-feira, [01/10], o atendimento do Pronto-Socorro do Hospital Sorocabano passará a ser na antiga ala do Pronto-Atendimento da UNIMED, que nos últimos meses passou por reformas feitas pela Prefeitura Municipal de Botucatu, segundo informações do Secretário da Saúde, Antonio Luiz Caldas Júnior.

De acordo com o Secretário, os atendimentos infantis estarão concentrados no Pronto-Socorro da Universidade Estadual Paulista [UNESP], tornando o atendimento do Sorocabano exclusivo à adultos e pacientes do setor de ortopedia.

Serviço

O Hospital Sorocabano fica na Praça Alexandre Fleming, 11 – Vila dos Lavradores
O horário da entrega das novas instalações é 11h.

Da Subsecretaria Municipal de Comunicação e Informação

Brasil reciclou 91,5% das latas de alumínio produzidas em 2008

Da Agência Brasil

O coordenador da Comissão de Reciclagem da Associação Brasileira do Alumínio (Abal), Henio De Nigola, e o diretor-executivo da Associação Brasileira dos Fabricantes de Latas de Alta Reciclabilidade (Abralatas), Renault de Freitas Castro, concedem entrevista sobre a reciclagem de latas de alumínio no Brasil
Brasília - O coordenador da Comissão de Reciclagem da Associação Brasileira do Alumínio (Abal), Henio De Nigola, e o diretor-executivo da Associação Brasileira dos Fabricantes de Latas de Alta Reciclabilidade (Abralatas), Renault de Freitas Castro, concedem entrevista sobre a reciclagem de latas de alumínio no Brasil
Brasília - O Brasil reciclou 91,5% das latas de alumínio produzidas para embalagens de bebidas em 2008, um total de 165 mil toneladas de sucata. O índice é menor que o de 2007, quando o país reciclou 96,5% das latas comercializadas no mercado interno.

De acordo com a Associação Brasileira do Alumínio (Abal) e a Associação Brasileira dos Fabricantes de Latas de Alta Reciclabilidade (Abralatas), a queda se deve à crise econômica, que forçou o aumento dos estoques e reduziu o montante de sucata enviado à indústria para reaproveitamento.

“A lata foi coletada mas não chegou na totalidade à indústria. Os vendedores mantiveram os estoques e só voltaram a vender quando a indústria [que utiliza a sucata, como a siderúrgica] retomou a produção, em março”, afirmou hoje (30) o coordenador da comissão de reciclagem da Abal, Henio De Nicola.

Apesar da queda, o Brasil manteve a liderança mundial de reciclagem de latas de alumínio. A Argentina, segunda colocada, reciclou 90,4% da produção, e o Japão, 87,3%. Nos Estados Unidos, o índice de 2008 foi de 54,2%, mas o volume da produção é muito maior, de 98 bilhões de latas por ano, sete vezes maior que a brasileira, por exemplo.

A reciclagem de latas no país movimentou cerca de R$ 1,6 bilhão em 2008, volume de recursos 11% menor que em 2007. Desse total, R$ 492 milhões foram injetados diretamente na coleta. De acordo com o empresariado, o volume de latas de alumínio coletado em 2008 equivale à geração de pelo menos 184 mil empregos.

Mesmo com os bons resultados para o setor, que apesar da crise mundial cresceu 8,8% em 2008 e espera alcançar 10% este ano, o preço para os catadores, que estão na base da cadeia produtiva, não se recuperou. Na avaliação de De Nicola, da Abal, o problema está nos intermediários, que não repassam os ganhos para quem coleta.

“O valor pago aos catadores hoje ainda está baixo por causa da queda de braço da cadeia produtiva. O preço pago pela indústria não chega ao catador, os vendedores intermediários estão se capitalizando”, avaliou.

Tanto a indústria de produção quanto a de reciclagem de latas apontam a falta de regulamentação como um dos entraves para garantia de sustentabilidade do setor. O diretor executivo da Abralatas, Renault Castro, acredita que a Política Nacional de Resíduos Sólidos, em tramitação no Congresso Nacional, poderá ser um dos instrumentos para definir responsabilidades dos setores público e privado e criar instrumentos sociais de apoio aos catadores.

“O texto que está hoje no Congresso não interfere em nenhum mecanismo de preço, o que é saudável. No caso do alumínio, inclusive, nem é necessária interferência, mas o governo pode contribuir com políticas para apoiar com equipamentos, crédito, formação”, apontou.

Blog Espaço do Bem muda layout

O blog Espaço do Bem, de Botucatu, teve mudanças em seu layout. A intenção é trazer um modelo mais atrativo aos seus leitores. A página começou como um projeto de ação social, depois ganhou cara de noticiário e, agora, volta ao seu modelo original, tratando principalmente de assuntos “do bem”.

O Blog também é o espaço onde o jornalista Cristiano Alves também fala de ações no “Assessoria Um Comunicação” e Jornal Diário da Serra. Daniela Venegas, é a responsável pelo novo layout do Espaço do Bem.

Cineclube Ybitukatu fará mês especial com filmes nacionais

O cineclube Ybitukatu comemora um ano de atividades e para festejar, a entidade desenvolverá, durante o mês de outubro, uma programação especial, voltada ao cinema nacional, com algumas sessões acompanhadas de palestras e debates sobre a história e movimentos cinematográficos.

Confira a agenda: dia 3: O Pagador de Promessas (Anselmo Duarte, 1962); dia 10: Assalto ao Trem Pagador (Roberto Farias, 1962), dia 17: Terra em Transe (Glauber Rocha, 1967), dia 24: O Bandido da Luz Vermelha (Rogério Sganzerla, 1968) e no dia 31: Vidas Secas (Nelson Pereira dos Santos, 1963.

As sessões acontecem no Centro Cultural de Botucatu, na Praça XV de Novembro, nº 30. A entrada é franca, mas os participantes podem colaborar com o Asilo Padre Euclides doando um quilo de alimento não perecível, antes das sessões.

Horário de verão começa dia 18 de outubro e vai até 20 de fevereiro de 2010

Da Agência Brasil

O horário de verão este ano começará à zero hora do próximo dia 18 de outubro, quando os relógios deverão ser adiantados em uma hora. Serão 126 dias até a meia-noite de 20 fevereiro de 2010, segundo informou hoje (30) o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS). O governo federal estima que a economia de energia chegará a 5% nos horários de pico de consumo.

A medida foi criada para amenizar as frequentes faltas de energia em diversas regiões do país durante o verão e, assim, aumentar a segurança do sistema elétrico. Os críticos do horário de verão salientam que a medida é desnecessária, porque os reservatórios das principais usinas hidrelétricas estão cheios e garantem o fornecimento sem problemas.

Segundo o governo, a economia de energia nas regiões Centro-Oeste e Sudeste está estimada em 1.800 megawatts, enquanto a Região Sul deverá ter uma redução no consumo de 500 megawatts. O horário de verão vai vigorar em estados das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste, além do Distrito Federal.

setembro 29, 2009

Quico Cuter se emociona em lançamento de livro

Por Renato Fernandes
Foto Marcelino Dias


Na noite de sexta-feira (25), o jornalista esportivo e policial Quico Cuter recebeu amigos e convidados, no salão social da Associação atlética Botucatuense (AAB), para o lançamento de seu livro biográfico “Aconteceu Comigo... As Peripécias de um Repórter”. “Foi um dos dias mais emocionantes de minha vida. Fiquei impressionado com o carinho que recebi de todos aqueles que estavam presentes”, disse.

Segundo ele, o momento mais emocionante da noite, foi quando o jornalista Haroldo Amaral subiu ao palco e convocou patrocinadores, apoiadores e companheiros de redação a contarem histórias vividas ao lado do autor. “Não esperava esse carinho todo. Quase tive um infarte”, brinca. “Foi uma surpresa muito grande o Haroldo (Amaral) subir ao palco e chamar antigos companheiros de imprensa para relatar histórias que não constavam, nas páginas do livro”, disse.

A emoção tirou o sono do repórter, que anunciou o interesse em lançar uma nova publicação. “A adrenalina foi tanta que não consegui dormir, já penso em uma nova publicação, com histórias enviadas por companheiros de trabalho”, coloca.

Outro momento marcante, foi a entrega de uma moção de congratulações que o jornalista recebeu da Câmara Municipal de Botucatu, homenagem de autoria dos parlamentares Benedito José Gamito e Reinaldinho, assinada por unanimidade na Casa de Leis. “Só senti falta das autoridades policiais da Cidade. Pessoas com quais trabalhei durante anos”, disse.

O livro conta histórias que marcaram os 20 anos de carreira do jornalista. Período que compreende a sua saída da Duratex, até os dias atuais. Nas páginas, Cuter revela situações que passou ao lado de entrevistados, fontes e companheiros de trabalho, na busca pela matéria isenta e verdadeira.

Obra já pode ser encontrada em livrarias

O livro “Aconteceu Comigo... As Peripécias de um Repórter”, pode ser encontradao nas livrarias e bancas de jornais da cidade por R$ 29.

A publicação tem a tiragem de mil exemplares com trabalho gráfico assinada pela Incubadora Cultural de Botucatu.

Dizer o quê agora?

O quê é que eu poderia dizer depois do lançamento do meu livro ocorrido naquela noite de 25 de setembro de 2009, no salão social da AAB - Associação Atlética Botucatuense? O quê vou dizer para todos que lá estiveram? Minha família e meus amigos? O quê dizer para minha mulher Rita e para minha filha Valéria, que participaram de tudo isso? Estendo todas as homenagens que me fizeram a elas.

Queria poder citar aqui, um por um, o nome de todos que lá estiveram, mas correria o imperdoável risco de esquecer alguém. Pergunto-me: Meu Deus, será que sou merecedor de tudo aquilo que aconteceu? Sou merecedor de todas as palavras a mim dirigidas?

O quê eu vou dizer, por exemplo, do Haroldo Amaral, que na base do improviso tomou o microfone e me fez subir no palco? Não bastasse isso, chamou também os vereadores Benedito José Gamito e Reinaldinho (este presidente da Câmara Municipal), para entregar uma moção de congratulações e aplausos assinada pela unanimidade dos vereadores. Esta homenagem foi uma iniciativa do Gamito. O quê dizer para esses vereadores?

Já era emoção demais para aquela noite, mas o Haroldo queria mais. Chamou os parceiros que estiveram comigo neste projeto literário: o presidente da AAB, Carlos Alberto Bonaldo, o Carlão; o presidente do Sindicato dos Comerciários, Sérgio Ortiz; o Secretário Municipal de Educação, Narciso Minetto, o diretor responsável do Jornal Diário da Serra, Pedro Manhães (que me fez chorar, o danado), ou o editor do Diário, Carlinhos Pessoa.

E fora do palco teve mais: Fazer dedicatórias para pessoas de quem eu sou fã de carteirinha, também foi o máximo. Ah! E o quê dizer do prefeito João Cury, que também abraçou esse projeto e compareceu na AAB para me prestigiar e dizer-me todas aquelas palavras carinhosas?

Gente, o quê dizer de todas as palavras elogiosas a mim proferidas? Se a ideia era presenciar um infarto ao vivo, por muito pouco não conseguiram. Não bastasse isso, o que falar dos companheiros que também subiram ao palco para lembrar fatos inusitados?

Meu Deus , como meu coração, que já passou de meio século, aguentou tudo aquilo? O quê dizer de disso tudo? Não bastasse isso, acabei me tornando imortal...Imortal, meu Deus...Até agora a “ficha” não caiu.

De verdade: agora acredito que dinheiro é muito bom, sem dúvida, mas não é tudo nesta vida. Não mesmo! Que dinheiro paga as homenagens sinceras que me fizeram? Todas aquelas palavras de carinho... Meu choro...Definitivamente, há coisas que o dinheiro não pode pagar!

Jesus! O quê dizer para cada uma das pessoas que estiveram presentes nesse evento? Meu Deus, eu não sabia que essas pessoas gostavam tanto de mim...

Então, a todos, indistintamente, que compareceram na AAB, assim como aqueles que por motivos vários não puderam comparecer, mas estavam lá de coração, só posso dizer duas palavras:
Muito obrigado!

Quico Cuter


Inscrições abertas para a Paixão de Cristo de Piracicaba

Associação Cultural e Teatral Guarantã está com inscrições para as oficinas teatrais preparatórias da “Paixão de Cristo de Piracicaba 2010”, que ocorrerá no Engenho Central (Piracicaba/SP), através do III Curso Livre de Teatro Guarantã. As aulas têm início no domingo (4/10) e acontecerão das 9h às 12h, semanalmente até o dia 13/12/2009.

O curso será dividido em 03 (três) grupos: Crianças com os oficineiros Washington Poppi e Gabriela Elias; Adolescentes e Jovens com Viviane Palande e Adultos com a Mariana Henrique.

O diretor da 21ª edição do espetáculo, João Scarpa, já adiantou que serão organizados testes, em dezembro, para cada ator ter a chance de representar os personagens de interesse. “Vou tentar dar chance a todos, até porque o ritmo das oficinas é puxado e não posso deixar de fora gente interessante e que tem muito a contribuir para a montagem”, afirma Scarpa, que já viveu Judas, Satanás e João Batista em outras Paixões.

As inscrições para as oficinas podem ser feitas pelo site do Guarantã (www.guaranta.org.br), no link “Participe de Paixão” ou através pessoalmente antes do início das oficinas, e são gratuitas. O endereço eletrônico também apresenta informações sobre a história da montagem, álbum de fotos, contatos para reserva de ingressos e muito mais.

Paixão de Cristo de Piracicaba 2010

A montagem do próximo ano será dirigida pelo piracicabano João Scarpa e a cenografia ficará a cargo do renomado professor Cyro Del Nero, que prestigiou a encenação deste ano e se surpreendeu.

A nova diretoria do Guarantã (2009/2011) tomou posse em agosto e é presidida por Rosângela Pereira. Os demais membros são Marcelo Leandro Torrezan, Sérgio Regonha, Ivan Daniel de Arruda, Maristela dos Santos de Sousa, Magna Eliez, Deiwson Jean de Sousa, Peterson Lambstein.

Serviço
Mais informações pelo telefone (19) 3413.7888, das 13 às 17h, pelo site www.guaranta.org.br,
ou pelos e-mails guaranta@guaranta.org.br e paixaodecristo@guaranta.org.br.


Cinema do interior paulista é resgatado por festival multimídia

Fruto de uma pesquisa realizada junto a cineclubes, acervos particulares e instituições públicas que guardam a memória do cinema caipira, o 3º CONTATO - Festival Multimídia de Rádio, TV, Cinema e Arte Eletrônica da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) realiza a Mostra de Cinema do Interior Paulista, entre 8 e 10 de outubro. A atividade exibirá grandes filmes desconhecidos pelo grande público, que não se encontram no circuito comercial, nem em espaços alternativos de exibição.

Os filmes que fazem parte da programação foram realizados no interior paulista a partir da segunda metade do século XX. Na maioria serão apresentadas produções amadoras de pessoas autodidatas, que se envolveram naturalmente com o cinema ao longo de suas vidas. Por outro lado, compõem a programação coproduções regionais com a Vera Cruz, indústria cinematográfica brasileira da década de 50, que retratam a natureza e os costumes da região.
Filmes desconhecidos do público e que não aparecem no circuito comercial serão exibidos durante o 3º CONTATO, que acontece de 7 a 12 de outubro em São Carlos

A Mostra acontece em Água Vermelha, distrito de São Carlos (a 235 km da capital do Estado), e exibirá, dentre outras obras, os curtas-metragens de Henrique de Oliveira Jr., produzidos em Campinas entre 1952 e 1977; o filme "Santo Antônio e a Vaca", produzido em Araraquara em 1958; e ''Aconteceu naquele dia'', produzido em Brodowsky em 2007. Haverá também debates com os realizadores dos filmes.

O objetivo é aprofundar o pensamento sobre o imaginário cinematográfico do interior de São Paulo. Além disso, o público terá a oportunidade de entrar em contato com filmes que constituem a memória social da região em que o Festival CONTATO está inserido.

Toda a programação da Mostra de Cinema do Interior Paulista pode ser obtida no site www.contato.ufscar.br.

setembro 28, 2009

Projeto que limita meia-entrada é tema de audiência

A Comissão de Legislação Participativa realiza audiência pública nesta terça-feira (1º) para discutir o Projeto de Lei 4571/08, do Senado, que limita a meia-entrada ao máximo de 40% do total de ingressos oferecidos ao público em salas de cinema, espetáculos de teatro e circo, museus, parques e eventos educativos, esportivos e de lazer.

O projeto não tramita nessa comissão, mas o deputado Deputado Sebastião Bala Rocha (PDT-AP) considerou importante estender o debate por avaliar que há o risco de retrocesso na concessão de meia-entrada aos estudantes. "O que se faz necessário é tornar mais rigorosos os mecanismos de controle na expedição de carteira de estudante", afirma.

Já aprovada pelo Senado, a proposta está iniciando sua tramitação na Câmara. Ela será analisada em caráter conclusivo pelas comissões de Defesa do Consumidor; de Seguridade Social e Família; de Educação e Cultura; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Na primeira comissão, já foi tema de uma audiência pública. O relator, deputado Chico Lopes (PCdoB-CE), apresentou parecer favorável, com emendas.

Da Agência Câmara

setembro 25, 2009

Quico Cuter e a história do prego

Por Renato Fernandes

O jornalista Quico Cuter lançou na noite de hoje (25/09/2009) a obra biográfica “Aconteceu Comigo... Peripécias de um Repórter”, no salão social da AAB – Associação atlética Botucatuense.

No livro, ele reúne histórias que marcaram seus mais de 20 anos de profissão. Carreira essa pontuada pelo profissionalismo, bom humor e o romantismo só encontrado nas antigas redações.

Durante o evento, foi lançado o desafio de se contar a história do prego. Vários profissionais foram chamados ao palco para explicar ao público esse causo. Coube a eu tentar descrever a pegadinha que o jornalista aplicava aos focas e novos funcionários de qualquer setor dos veículos de comunicação por onde passou.

Acredito não ter conseguido contar a história direito, nunca me dei bem com a tal da oratória, e antes mesmo de descer do palco escutei que talvez algumas pessoas não tivessem entendido. O que considero comum, já que minha praia é mesmo a web e no jornalismo impresso.

Fiquei devendo lucidez para a história, mas explicarei aqui como ocorria a tal pegadinha.
Cuter sempre se gabou de sua virilidade e desafiava os novatos ao teste, ou seja: ele garantia que conseguia pregar um prego em uma mesa de madeira com apenas uma marretada. Detalhe, no lugar de um martelo normal ele utilizaria uma parte de seu corpo. Já deu para imaginar como ele faria a façanha!?

Os focas duvidavam e chegavam a apostar. Então, Cuter tirava um prego, geralmente pequeno, do bolso e dava para o funcionário e dizia. “Segura o prego para que eu possa dar a marretada. Estou tremendo um pouco hoje, mas se eu errar você não vai ligar? Não se preocupe que ta limpinho”.

Os novatos largavam o prego e se irritavam. Perdiam a aposta sempre. Essa história não está no livro, mas para quem não conhece os bastidores da imprensa fica a dica. Vale à pena ler o livro “Aconteceu Comigo... As Peripécias de um Repórter”.

setembro 09, 2009

Feunarte chega em sua 14ª edição

O Centro Acadêmico Pirajá da Silva (CAPS), entidade representativa dos alunos da Faculdade de Medicina de Botucatu/Unesp (FMB), promove entre os dias 28 e 30 de setembro, a 14ª edição do Festival Universitário de Artes (Feunart). Evento que acontece em uma casa noturna da Avenida Vital Brasil, a partir das 20 horas. A entrada será um quilo de alimento não-perecível ou um litro de leite que serão repassados à filantropia.

O festival é a oportunidade de acadêmicos, docentes e servidores exporem seus trabalhos artísticos, em um dos festivais mais tradicionais da região. Aberto para a visitação de toda comunidade, o evento concentrará exposições de artes plásticas (fotografia, escultura, pintura e desenho), música nos mais diferentes estilos, teatro e literatura (poesia e prosa). Todos os trabalhos concorrerão à premiação em suas modalidades.

No dia 28, acontecem exposições de artes plásticas (pintura e escultura) e também apresentações musicais nos estilos blues/jazz, rock e instrumental. Na noite seguinte, o tom do festival será centrado no pop/rock, expressão corporal, desenhos e literatura.

O Feunart termina no dia 30 com ampla exposição de fotografias e mostra de prosas. O concurso musical encerra-se com a mistura da Música Popular Brasileira, regional e melhor canção original.
Informações na sede do CAPS, no campus da Unesp, em Rubião Júnior, ou através dos telefones (14) 3811-6020 ou 3815-5618, das 8 às 16 horas; ou através do site www.capsunesp.com.br.

Site permite criar histórias com a turma da Mônica com pouco esforço

Os fãs da Turma da Mônica têm a chance de produzir suas próprias histórias com os personagens da turma no site Máquina de Quadrinhos, um conjunto de ferramentas tecnológicas disponíveis no endereço eletrônico www.maquinadequadrinhos.com.br. Com elas, o internauta pode criar roteiros utilizando os personagens, cenários, objetos e onomatopeias utilizados nas revistas de Mauricio de Sousa.
Nova ferramenta está disponível na internet e as melhores
histórias poderão até ser publicadas nas revistas da Turminha


Para isso, basta o internauta – adulto ou criança - se cadastrar gratuitamente no portal e usar a imaginação para criar suas próprias tirinhas ou histórias com a Mônica, Magali, Cebolinha, Cascão, Bidu e todos os outros personagens da Turma.

Para ler, votar e criar suas histórias, os participantes do Portal não precisam pagar nada. Um pacote de imagens está sempre disponível gratuitamente para todos os participantes cadastrados. No entanto, para quem quiser criar histórias utilizando uma quantidade maior de imagens, e também ter acesso a imagens exclusivas, estarão à venda no portal pacotes de imagens mais amplos e variados, e também assinaturas anuais.

Todo o conteúdo produzido será monitorizado por uma equipe de moderadores para evitar que desenhos e diálogos inadequados sejam disponibilizados.

As histórias podem ser postadas no portal e a grande novidade é que as melhores poderão até ser publicadas nas revistas da Turma da Mônica.

Serviço
Máquina de Quadrinhos
Ferramenta de internet para estimular a participação dos leitores da Turma da Mônica a criar suas próprias histórias com os personagens.
Site: www.maquinadequadrinhos.com.br
Já disponível na internet


setembro 04, 2009

Os sete erros de Xuxa na internet

Especialista em marcas no mundo digital afirma que polêmica com celebridades no Twitter por causa de erros de comunicação pode ser evitada com alguns cuidados básicos para quem lida com a web

Se a apresentadora Xuxa Meneghel tivesse tomado alguns cuidados básicos antes de ingressar no mundo das redes sociais, poderia ter evitado os problemas de comunicação na internet nas últimas semanas, por causa de erros de Português nas postagens de sua filha Sasha no Twitter. É o que afirma o especialista em branding digital Gabriel Rossi, profissional de marketing com foco na criação e na gestão da reputação de marcas, empresas e pessoas no universo digital.


O episódio ocorreu quando sua filha Sasha, ao postar uma mensagem no Twitter na qual dizia que gravaria um filme da mãe, escreveu a palavra “sena”, com S, referindo-se à cena cinematográfica. Em pouco tempo, o universo web discutia e zombava da menina, o que enfureceu a apresentadora.

A apresentadora acaba de retomar sua empreitada na web. Gabriel Rossi listou alguns dos erros que ela cometeu e que são dicas que valem para todas as celebridades e políticos que desejam estreitar o contato com o público através das redes sociais:

1° Antes de tudo, é importante saber "ouvir" nas redes sociais: Analisando com cuidado as conversas que ocorrem na rede, seria possível conhecer a audiência e assim entrar e se manifestar nestas comunidades com relevância, arquitetando as mensagens corretas e se preparando para feedbacks - desejados ou indesejados, conhecendo as etiquetas e definindo se a ferramenta que deseja usar é adequada ou não. É o que ocorre no Twitter. Talvez o primeiro erro de Xuxa foi não estar preparada para o que poderia ouvir nesta plataforma (Twitter).

2° Responder os influenciadores: Quem são os (micro) blogueiros que mais impactam na comunidade web e que deliberadamente estão discutindo sobre o assunto? Como conversar com os mesmos? Xuxa poderia, com o auxílio de profissionais, responder de forma inteligente e planejada tudo o que foi falado a respeito.

3° Identificar os guardiões: Uma celebridade do peso de Xuxa possui diversas pessoas que conhecem sua história e se identificam com se trabalho. É hora de identificar estas pessoas que estão espalhadas nas redes sociais, criando uma espécie de embaixada digital para que estes aliados defendam e fortaleçam a reputação da apresentadora no mundo digital e fora dele.

4° Bilateralidade (O mundo mudou): Não é possível embarcar neste novo paradigma digital sem estar aberto ao diálogo. É necessário, neste caso, descer do pedestal de superstar, falando de igual para igual com a comunidade web. No final das contas, as redes sociais contribuem para um processo de humanização da sociedade em geral. Microcomunidades como as que nascem no Twitter são feitas de pequenas trocas diárias, feitas por pessoas que erram e acertam.

5° Preparar o Website (www.xuxa.globo.com) para responder e se relacionar: Esta é uma parte vital de todo o processo. Plataformas de contato mais visíveis por todo o canal, por exemplo, podem dar a oportunidade para que público de Xuxa se comunique com ela e receba feedback de diversas formas. O website precisaria se transformar em uma ferramenta mais humanizada e menos promocional. Em épocas de crise, o website da celebridade deveria funcionar como um verdadeiro canal de esclarecimento e diálogo, sem barreiras, provendo e recebendo feedback das mais variadas formas (video, FAQ, formulário entre outros).

Se alguém ouviu ou leu (onde quer que seja) que sua imagem ficou abalada e afetada, seu site (ou blog) será muito provavelmente visitado por essa pessoa, que estará em busca de mais esclarecimentos e um posicionamento sobre o rumor. Um vídeo de esclarecimento, por exemplo, seria uma boa idéia.

A posição privilegiada que websites e blogs possuem em sites de busca como Google e Yahoo!, é um dos fatores que tornam essas ferramentas tão importantes para qualquer estratégia de gestão de crise.

6° Bom senso na publicidade: O mundo offline, ou seja, o mundo real, possui uma relação simbiótica com o mundo online. Uma perspectiva mais conservadora é recomendada para que não haja mais "buzz" na internet e isso não reflita principalmente nos sites de busca.

7° Monitorar o Wikipédia, o site que funciona como uma enciclopédia pública na internet: Não é sempre possível alterá-la, porém este site serve de termômetro da mídia gerada na internet. A enciclopédia colaborativa possui muita influência, principalmente, entre os jovens. Além disso, deve se considerar o impacto que a Wikipédia terá nos sites de busca, que jogam quem procura, por exemplo, o nome “Xuxa” para este website.


São José do Rio Preto sedia penúltima etapa do Arena Cross

A maior cidade do noroeste do Estado de São Paulo é palco do evento no dia 26 de setembro; Ingressos já podem ser trocados por dois quilos de arroz ou de feijão

São José do Rio Preto se torna a capital do motocross no dia 26 de setembro. A cidade do noroeste paulista vai receber a sexta e penúltima etapa do Arena Cross, campeonato que reúne os principais pilotos brasileiros da modalidade. O ingresso já pode ser trocado por dois quilos de arroz ou de feijão nas concessionárias Honda da cidade Danda Motos e Faria Motos. Crianças com mais de dois anos também precisam adquirir o ingresso. Todos os alimentos arrecadados serão doados ao fundo social da prefeitura do município.

Seguindo o exemplo das etapas anteriores, cujos ingressos estiveram esgotados no dia do evento, vale a pena garantir o bilhete de forma antecipada nos postos de troca. As provas serão realizadas às 19 horas, na Represa Municipal, ao lado do Palácio das Águas, e os treinos começarão às 13h. A competição é formada por sete etapas com a participação de cerca de 80 pilotos em cinco categorias: Pro, Júnior, 85cc, 65cc e 50cc.

Após cinco etapas, a classificação geral da Pro, a categoria de elite, tem o campeão brasileiro de motocross de 2009, Wellington Garcia, na frente com 137 pontos. Na categoria Júnior, Hector Assunção continua na liderança com 93 pontos, mas o piloto Gustavo Takahashi se aproxima com 72 pontos. Os líderes do campeonato em outras categorias são Everaldo Filho (85cc, com 80 pontos), Pedro Bueno (65cc, com 84 pontos) e Enzo Lopes (50 cc, com 80 pontos).

O Arena Cross 2009 possui ainda o campeonato por equipes, no qual cada time soma o número de pontos de seus dois pilotos na categoria Pro. A equipe Honda/ASW, dos pilotos Wellington Garcia e Swian Zanoni, está na frente com 246 pontos, seguida pela Honda/Pirelli (Leandro Silva e Jean Ramos - 209 pontos), Suzuki/Petrobras (Roosevelt Assunção e Rafael Zenni – 181) e Honda/Mobil (Marcello “Ratinho” e Thales Vilardi – 175).

Arena Cross 2009 – 6Ē etapa em São José o Rio Preto (SP)
Data: 26 de setembro (sábado)
Local: Represa Municipal (ao lado do Palácio das Águas)
Ingressos: Troque dois quilos de arroz ou feijão por um ingresso nas lojas da concessionária Honda Danda Motos e Faria Motos.

Programação
Treinos: 13h
Provas: 19h

O Arena Cross tem os patrocínios de Honda e BB Seguro Auto e co-patrocínios de Consórcio Nacional Honda, Red Nose e a Revista da Moto! E conta com o apoio da da Prefeitura Municipal de São José do Rio Preto e BAND FM. O evento é uma realização da Carlinhos Romagnolli Promoções e Eventos.

Parque Tecnológico de Botucatu é cadastrado ao Sistema Paulista de Parques Tecnológicos

Em solenidade realizada dia 03 de setembro no Auditório da Faculdade de Ciências Agronômicas da Unesp, câmpus de Botucatu, foi assinado o Termo de Convênio para o credenciamento provisório do Parque Tecnológico de Botucatu no Sistema Paulista de Parques Tecnológicos.

Compuseram a mesa da sessão solene: professor Herman Cornelis Jacobus Voorwald, magnífico reitor da Unesp; Geraldo Alckmin, secretário de Desenvolvimento do Estado de São Paulo; Edivaldo Domingues Velini, diretor da Faculdade de Ciências Agronômicas da Unesp; João Cury Neto, prefeito municipal de Botucatu; o vice-prefeito de Botucatu Antonio Luiz Caldas Junior; Reinaldo Moreira, presidente da câmara municipal de Botucatu e os deputados estaduais Bruno Covas, Milton Flávio e Pedro Tobias.

Na abertura dos trabalhos, o professor Velini fez um breve histórico sobre o processo de criação do Parque Tecnológico, incluindo a definição de seu foco de atuação. “Depois de muito debate, o tema bioprocessos foi definido como o eixo orientador dos trabalhos”.
Solenidade aconteceu nesta quinta-feira, na FCA. Iniciativa é uma parceria entre Unesp, governo estadual e município

Segundo a definição do professor Velini, bioprocessos são os procedimentos tecnológicos que utilizam sistemas biológicos, organismos vivos e seus componentes e derivados para produzir ou modificar produtos ou processos para um determinado uso. “Existe uma infinidade de aplicações para os bioprocessos, tais como produção de vacinas, medicamentos, biocombustíveis, alimentos e até recuperação ambiental. Todos os centros de pesquisa e tecnologia de Botucatu guardam relações com esse tema”.

Outros tipos de atividades devem ser desenvolvidas no Parque Tecnológico de Botucatu, como enumerou o professor Velini. Dentre elas estão produtos naturais da fauna e flora; políticas públicas; serviços ambientais e, principalmente, tecnologias sociais. “Essa é uma vocação, não da FCA, mas de toda a Unesp, que consiste em transformar ciência e tecnologia em ações sociais que gerem benefícios para toda a sociedade”.

O deputado estadual Bruno Covas ressaltou os benefícios da instalação do Parque Tecnológico para Botucatu e região. “Esse investimento em ciência e tecnologia vai gerar emprego e renda para a população e oportunidades para os jovens e as empresas regionais”, afirmou. “O Parque Tecnológico vai oferecer a alternativa que faltava em Botucatu para que os egressos das nossas universidades possam exercer sua competência em benefício da região”, complementou o deputado Milton Flavio.

Na sequência, o magnífico reitor da Unesp professor Herman Jacobus Cornelis Voorwald discursou destacando a parceria pública tripartite entre universidade, governo estadual e município. “A união do poder público com a competência intelectual da universidade tem tudo para ser bem sucedida”, disse. “Principalmente pela qualidade das unidades que compõem o câmpus da Unesp em Botucatu, notadamente a Faculdade de Ciências Agronômicas que integra a área de ciências agrárias da Unesp, certamente a mais pujante no país”.

O prefeito municipal de Botucatu João Cury Neto também salientou a importância da parceria institucional. “Precisamos aproveitar a capacidade intelectual que temos no nosso município, através das pesquisas desenvolvidas na universidade, para melhorarmos a vida das pessoas. Transformar ciência em produtos e negócios que vão gerar empregos e renda para a população. Através de ações como esta, a universidade faz o seu gesto na direção de atender as necessidades de desenvolvimento de Botucatu e região”.

Em seguida, foi assinado pelo reitor da Unesp, o prefeito municipal de Botucatu e o secretário estadual do Desenvolvimento o Termo de Convênio para o credenciamento provisório do Parque Tecnológico de Botucatu no Sistema Paulista de Parques Tecnológicos.

O texto do documento dispõe que a Prefeitura Municipal de Botucatu “se compromete a envidar esforços na sua área de atuação para tornar realidade o citado empreendimento”. Segundo o mesmo Termo, a Unesp “se dispõe a se empenhar para o sucesso do citado empreendimento por meio da capacitação e formação de recursos humanos para atendimento das demandas decorrentes do Parque e da realização de pesquisas e geração de conhecimentos aplicáveis às atividades produtivas”.

No encerramento da cerimônia, o secretário do Desenvolvimento do Estado de São Paulo Geraldo Alckmin fez uso da palavra e também saudou a união dos diversos atores sociais envolvidos na constituição do Parque Tecnológico. “O Parque Tecnológico vai integrar os empreendedores, a iniciativa privada a um centro de pesquisa e formação como a Unesp, universidade pública, gratuita e parceira do povo de São Paulo. A cidade de Botucatu dá um grande passo ao conseguir unir tudo isso. Agora cabe ao governo local coordenar esse processo e garantir condições para que a iniciativa prospere”.

A ciência e a tecnologia como fatores fundamentais para o desenvolvimento do país também foram destaques na fala do secretário. “Esse é o caminho ideal para o país crescer, com melhoria de renda e geração de empregos. Será a tecnologia que fará a diferença para que o Brasil consiga vencer os desafios que o futuro nos apresenta”.

A solenidade também contou com a presença do professor Julio César Durigan vice-reitor da Unesp; do professor José Matheus Yalenti Perosa, vice-diretor da Unesp; professor Iraê Amaral Guerrini, diretor-presidente da Fundação de Estudos e Pesquisas Agrícolas e Florestais; Ricardo Antonio de Arruda Veiga, secretário municipal do Desenvolvimento Econômico e professor emérito da Faculdade de Ciências Agronômicas, além de diversos prefeitos, vereadores e secretários de municípios da região de Botucatu.

Após a cerimônia, os presentes participaram de um coquetel na sede da Fundação de Estudos e Pesquisas Agrícolas e Florestais (Fepaf).

Parque Tecnológico
O Parque Tecnológico de Botucatu será implantado em duas áreas paralelas, que somam 286 mil m² – equivalentes a 34,6 campos de futebol com as mesmas dimensões do Maracanã. O empreendimento terá como objetivo principal incentivar e promover o desenvolvimento socioeconômico sustentável da região, por meio do fomento à inovação tecnológica em bioprocessos, serviços ambientais, produtos florestais, produtos naturais da fauna e da flora, tecnologias sociais e logística.

As áreas ficam localizadas à margem da Rodovia Gastão Dal Farra, a 3 km da Rodovia João Hipólyto Martins [SP-209] – que liga a Rodovia Castelo Branco a Botucatu. Os locais estão estrategicamente posicionados nas proximidades da Faculdade de Tecnologia [Fatec], do aeroporto municipal, da Empresa Brasileira de Aeronáutica [Embraer], do Centro de Treinamento da Prefeitura e da Estância Demétria.

Dentro do plano, está prevista a implantação de um condomínio industrial para empresas de base tecnológica, além de auditório, praça de alimentação, laboratórios, estacionamentos, biblioteca, incubadora de empresa, e centros de ensino, pesquisa, e difusão de indústrias de base tecnológica.

ASSESSORIA DE IMPRENSA - Faculdade de Ciências Agronômicas da Unesp de Botucatu - FCAFundação de Estudos e Pesquisas Agrícolas e Florestais - FEPAF

setembro 03, 2009

Polícia Rodoviária receberá novas viaturas

A partir de amanhã, dia 04 de setembro, a frota da Polícia Militar Rodoviária contará com mais 21 veículos de patrulhamento, 4 viaturas para o grupo Tático Ostensivo Rodoviário (TOR) e 6 motocicletas. O reforço, um investimento total de cerca de R$ 920 mil, foi garantido pelo Programa de Concessões Rodoviárias do Governo do Estado de São Paulo e viabilizado pela Concessionária Rodovias Tietê.

Os novos veículos são destinados às operações da PMRv, patrulhamento e fiscalização da malha rodoviária do trecho leste do Corredor Marechal Rondon, reforçando diretamente a segurança rodoviária. Ao todo, a 2ª Etapa do Programa de Concessões Rodoviárias garante a entrega, ainda esse ano, de 131 veículos à Polícia Militar Rodoviária.

Programa de Concessões Rodoviárias do Governo do Estado de São Paulo

O Programa de Concessões Rodoviárias do Estado de São Paulo teve início em 1997 com a concessão de 3,5 mil quilômetros de rodovias estaduais divididos em 12 lotes rodoviários. Os investimentos já realizados na malha dessa 1ª Etapa somam R$ 15,5 bilhões. São recursos destinados às obras de ampliação e à modernização de esquemas operacionais que fizeram destas, as melhores rodovias do país, de acordo com pesquisa da Confederação Nacional dos Transportes. O principal resultado são viagens mais seguras – o índice de mortos nas rodovias concedidas está 50,7% menor com relação ao ano 2000.

Em 2007, o Governo do Estado de São Paulo iniciou a 2ª Etapa do Programa. Foram selecionados seis corredores rodoviários, totalizando 1.747 quilômetros de rodovias que receberão R$ 7,5 bilhões em investimentos.

Polonês afirma ter visto e filmado o Pé Grande

Estudiosos de todo o mundo voltam as suas atenções ao vídeo do polonês Piotr Kowalski, de 27 anos, que afirma ter visto o famoso Pé Grande enquanto caminhava pelas Montanhas Tatra, na Polônia. Ele tenta provar a aparição da criatura lendária apresentando as imagens de uma pedreira, de onde se vê uma figura peluda circulando no terreno acidentado.

Sua versão da história foi levada ao público pelo jornal "Austrian Times". Na matéria, ele explica que registrou a criatura enquanto focalizava a filmadora em uma cabra.



As lendas de que as Montanhas Tatra é a residência do Pé Grande já é antiga, entretanto, o autor do vídeo diz que não acredita na lenda.

O vídeo foi encaminhado para a organização Nautilus Foundation, especializada em Pé Grande.

Segundo a Wikipédia - Apesar de sua existência ser discutida, o Pé-grande, também conhecido pelos seus nomes em inglês de "Bigfoot" ou "Sasquatch" (termo derivado do halkomelem, um idioma do grupo linguístico salishan, natural do sudoeste da Columbia Britânica), é descrito como uma criatura na forma de um grande macaco que vive nas regiões selvagens e remotas dos Estados Unidos e Canadá. Reivindica-se que seria um animal aparentado do Iéti tibetano (o "Abominável Homem das Neves").

Em 15 de agosto de 2008, dois caçadores norte-americanos foram à mídia dizendo terem em suas mãos o corpo congelado do famoso Bigfoot. Porém, após a análise do "corpo", foi descoberto que o suposto cadáver do monstro não passa de uma fantasia de macaco congelado. Em defesa, os dois caçadores disseram terem sido enganados e comprado o corpo de dois outros caçadores por um preço "inacreditavelmente baixo", mas decidiram levar a farsa a diante. Com isso, o Bigfoot continua sendo apenas uma lenda.

Muitas expedições foram realizadas atrás de encontrar provas ou até o próprio pé-grande em pessoa. Mas nada foi encontrado.

Confira o vídeo




Apaixonados por Star Wars participam de Saturday Fever

Especializada no nicho de colecionáveis, onde reúne aficionados por diversos tipos de produtos, a Comercial Semaan, já conhecida por seus tradicionais pontos de encontro de miniaturas, fez parceria com a Hasbro, uma das maiores fabricantes de brinquedos do mundo, e realiza pela primeira vez o Saturday Fever - 1º Encontro Hasbro de Colecionadores Star Wars. O evento acontece no dia 12 de setembro, a partir das 9 horas. Como é distribuidora exclusiva da marca para a grande São Paulo, a Semaan convidou duas outras lojas especialistas no assunto, Coleciona e ACME Brinquedos, para participar do encontro.

Durante o dia acontecerão exposições de raridades e itens exclusivos, serão feitas blitz com distribuição de baralhos e de cards Star Wars. Personagens fantasiados trazidos pelo Conselho Jedi, Clubes 501, Mandalorianos e Rebel Legends divertirão os amantes da série de todas as galáxias. Camisetas Saturday Fever serão distribuídas. Além disso, todos os produtos Star Wars vendidos no dia terão um selo com o nome do evento e um quebra-cabeça exclusivo com o selo dos fãs clubes será vendido com 40% de desconto. Muitos produtos inéditos e exclusivos – estátuas, bustos, figuras de ação, mochilas, estojos e estojos entre outros - estarão à venda no Brasil pela primeira vez e alguns deles até 40% abaixo de seu preço normal.
Semaan traz colecionadores do Star Wars para expor seus maiores tesouros

A Caça aos Cristais será uma das grandes atividades para os apaixonados pela série. Cada loja participante terá um cristal de cor diferente. Na compra de qualquer item Star Wars Hasbro, o participante terá direito a um cristal. Juntando os três cristais de cores diferentes automaticamente terá o direito a um produto ou Pack Star Wars.

O evento espera reunir cerca de mil pessoas, entre adultos, jovens e crianças, que devem circular entre as três lojas onde acontecerá o evento.

Serviço
Saturday Fever – 1º Encontro Hasbro de Colecionadores Stars Wars
Data: 12 de setembro das 9 às 18
Local: Comercial Semaan
Rua Cavalheiro Basílio Jafet, 138 - Metrô São Bento

setembro 02, 2009

USP é eleita a 38ª melhor universidade do mundo

Da Agência FAPESP

A Universidade de São Paulo (USP) está entre as 100 melhores universidades do mundo. A USP ocupa, atualmente, o 38º lugar entre as 100 melhores universidades do mundo, segundo o ranking Webometrics Ranking Web of World Universities, elaborado pelo Ministério da Educação da Espanha.

Os resultados, divulgados no final de julho, referem-se ao ano de 2009. A classificação da USP corresponde a um avanço de 49 posições, se comparado com a última edição anunciada em janeiro de 2008. Além disso, a USP é a primeira na América Latina e no país.

O ranking existe desde 2004 e é publicado duas vezes ao ano, em janeiro e julho. O Webometrics classifica 6 mil instituições no plano mundial, dentre 17 mil avaliadas. Entre os critérios estão incluídos indicadores de pesquisa e de qualidade de estudantes e docentes, além da visibilidade e o desempenho global da instituição.

Universidades dos Estados Unidos dominam o topo da lista, ocupando as 21 primeiras posições no Webometrics. As três primeiras são, pela ordem, Instituto de Tecnologia de Massachusetts e as universidades de Harvard e Stanford. No Brasil, a USP é a primeira, seguida da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

Também faz parte dessa classificação o Ranking of World Repositories Top 300 Institutions, que atribui notas às instituições por meio das bibliotecas digitais de dissertações e teses. Neste ranking, a USP ocupa o 57º lugar, o que significa um crescimento de 29 posições em relação a 2008.

Já na edição 2009 do Performance Ranking of Scientific Paper for World Universities, do Higher Education Evaluation & Accreditation Council of Taiwan, a USP ficou no 78º lugar, subindo 22 posições em relação a 2008. O ranking avalia a pesquisa desenvolvida, levando em conta critérios de produtividade, impacto e excelência na investigação científica.

Mais informações: ranking.heeact.edu.tw/en-us/2009/Page/Methodology / www.webometrics.info


Consulta pública discute a proibição de câmaras de bronzeamento

Preocupada com os novos indícios de agravos à saúde relacionados com o uso de câmaras de bronzeamento artificial, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) abriu, nesta quarta-feira (02), uma consulta pública prevendo a proibição do uso estético desses equipamentos e também do comércio, aluguel, doação e importação. Durante 30 dias profissionais de saúde, usuários, população em geral e representantes do segmento industrial vão poder opinar sobre o assunto.

A proibição proposta não se aplica aos equipamentos com emissão de radiação ultravioleta destinados a terapias médicas. Isso inclui a utilização para o tratamento de doenças como psoríase e vitiligo.

Em vigor

A Agência já possui, desde 2002, quando se intensificou o uso estético desses equipamentos no Brasil, um regulamento sobre o assunto, que entre outros pontos, veda o uso por menores de 18 anos e estabelece um intervalo mínimo entre cada sessão. Em julho deste ano, a Iarc (International Agency for Research on Câncer) classificou as câmaras de bronzeamento na lista de fatores comprovadamente carcinogênicos. A Iarc é uma instituição vinculada à Organização Mundial da Saúde (OMS) dedicada à pesquisa e combate ao câncer.

Panorama do câncer de pele no Brasil

Estima-se que em 2008 tenham ocorrido aproximadamente 126 mil casos de câncer de pele no país, o que demandou investimentos da ordem de R$ 24 milhões do Ministério da Saúde para assegurar o tratamento dos pacientes pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Dentre os cânceres de pele, o melanoma é um dos tipos que apresenta maior letalidade. Apenas no ano passado foram registrados cerca de 6 mil casos no Brasil. Trata-se de um tipo menos freqüente do que os outros tumores de pele, porém sua letalidade é mais elevada.

A Organização Mundial de Saúde estima que anualmente ocorram cerca de 130 mil casos novos de melanoma no mundo. A Sociedade Americana de Câncer estimou que, em 2007, ocorreram cerca de 60 mil casos nos Estados Unidos, relacionados com a exposição à radiação ultra-violeta. Tem-se observado um expressivo crescimento na incidência deste tumor em populações de cor de pele branca.

A maioria dos casos de câncer de pele é associada à exposição excessiva à radiação ultravioleta - UV. Por isso, a prevenção inclui ações de prevenção primária - que são efetivas e de baixo custo - por meio de proteção contra a radiação UV.

Informações: Ascom/Assessoria de Imprensa da Anvisa

Câmara aprova regulamentação da profissão de turismólogo

A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania aprovou, em caráter conclusivo, o Projeto de Lei 6906/02, do Senado, que regulamenta a profissão de turismólogo. O projeto retorna para o Senado, por ter recebido emendas.

O exercício da profissão, de acordo com a proposta, ficará reservado aos bacharéis em curso superior de Turismo ou Hotelaria e aos profissionais não-diplomados que comprovadamente já a desempenhem há pelo menos cinco anos, contados da data de publicação da lei. O diplomado em cursos equivalentes no exterior também poderá exercer a profissão no Brasil, desde que revalide seu diploma.

O projeto lista 18 atividades relacionadas à profissão de turismólogo, entre elas: organizar e dirigir estabelecimentos ligados ao turismo; coordenar a classificação de locais de interesse, visando ao adequado aproveitamento dos recursos naturais e culturais; formular propostas para o desenvolvimento do setor nos municípios, regiões e estados da Federação; criar e implantar roteiros; pesquisar informações sobre a demanda turística; e elaborar projetos de marketing na área.

Da Agência Câmara

Aneel sugere redução de tarifas de energia elétrica por meio de reforma tributária

Da Agência Brasil

O diretor-geral da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), Nelson José Hubner Moreira, afirmou hoje (2) que a saída mais viável para a redução das tarifas de energia elétrica no país passa pela reforma tributária e pela redução do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS). Segundo ele, a agência não tem condições de unificar essas tarifas.

“Há diversos fatores que inviabilizam essa unificação como o nível de receita e a necessidade de realizar grandes investimentos no setor”, disse Hubner. “Mas alguns mecanismos podem ser adotados, principalmente pelo Legislativo, e eles passam pela redução do ICMS, que pesa demais, e pela reforma tributária”, completou o diretor da Aneel.

A declaração foi feita durante audiência pública realizada pela comissão parlamentar de inquérito (CPI) destinada a investigar a formação dos valores das tarifas de energia elétrica no Brasil. O objetivo da CPI é esclarecer os motivos que fazem a taxa média brasileira ser maior do que a de países desenvolvidos.

Para o presidente da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), Maurício Tolmasquim, as tarifas englobam muitos custos que vão além da geração de energia, e isso, segundo ele, inviabiliza unificá-las em todo o território nacional.

“Há muitos fatores que inviabilizam isso, como o custo maior para as áreas rurais, a inadimplência, o número de indústrias na região, a prática de 'gatos' [ligações clandestinas], e a distância percorrida para a transmissão da energia”, argumentou Tolmasquim.

Os deputados Márcio Junqueira (DEM-RR) e Ilderlei Cordeiro (PPS-AC) contestaram o argumento de que os “gatos” justifiquem o alto preço das tarifas.


Gripe suína não é mais fatal no Brasil que em outros países, diz OMS

Da Agência Brasil

O grande número de mortes causadas pela influenza A (H1N1) – gripe suína, no Brasil, não é um indicativo de que a doença seja mais fatal aqui do que em outros países, afirmou David Mercer, diretor regional do Departamento de Doenças Infecciosas da Organização Mundial da Saúde (OMS) na Europa, em entrevista concedida hoje (2) à Agência Saúde, do Ministério da Saúde.

Para o diretor, um dos fatores que explicam o alto número de óbitos registrados no país é a transparência do governo em divulgar os casos. No Brasil e nos Estados Unidos, que registram os maiores números de mortes em decorrência da influenza A (H1N1) - gripe suína, os governos são transparentes na divulgação dos dados, segundo Mercer.

O diretor considerou acertada a política do Brasil para a indicação do medicamento fosfato de oseltamivir (Tamiflu), como recomenda a OMS. O remédio é indicado somente para os pacientes com doença respiratória grave, pertencentes a grupos de risco.

Mercer alertou para a possibilidade de escassez de vacina contra a doença, por isso orientou para que os gripos de risco tenham prioridade na imunização. Segundo o diretor da OMS, o Brasil, por sua condição de produtor da vacina, estará numa posição melhor do que alguns países, mas, mesmo assim, não poderá deixar de fazer um levantamento da quantidade de pessoas que deverão ser vacinadas.

A vacina para a gripe suína está em fase de testes clínicos e só imunizará contra a influenza A (H1N1) - gripe suína. Para se proteger contra a gripe sazonal, as pessoas deverão tomar a vacina específica.


Bauru registra novos casos de gripe A H1N1

A Secretaria Municipal de Saúde de Bauru, recebeu do Instituto Adolfo Lutz, nesta quarta-feira (02/09), 07 resultados positivos referente a gripe AH1N1, através da Divisão de Vigilância Epidemiológica.

Todos os pacientes já receberam tratamento, bem como alta médica.

Em Bauru foram registrados até o momento, 122 casos positivos de Gripe A, dos quais 78 por exames e 44 por critério epidemiológico. Cinco óbitos foram confirmados pela doença no município.

Vinte e três pessoas estão internadas, sendo 01 em UTI.

Dezessete pessoas aguardam resultado de exames na cidade.

Fonte: Da Prefeitura de Bauru



Veterinários pagam meia, em espetáculo

A Quadrilha de Teatro Notívagos Burlescos, grupo de teatro de Botucatu, volta a apresentar o espetáculo de improviso “Doroteia e os Farsantes”, no Teatro Municipal Camillo Fernandez Dinucci, no dia 09 de setembro, às 20h30.

A apresentação ocorrerá na data em que se comemora o dia do Veterinário, o que incentiva os atores a desenvovlerem uma promoção especial, garantindo, a esses profissionais, o pagamento de meia entrada.

O elenco de ‘Dorotéia e os Farsantes’ é formado por sete atores (Danilo Batista, Erick de Barros, Fernando Bassetto, Murilo Andrade, Rafael dos Santos, Renan Lushon e Sérgio Viana), mais o mestre de cerimônias (Robert Coelho) que coordena as dinâmicas e faz a mediação com a plateia. Toda apresentação é aberta com uma cena curta que conta a participação de todo elenco.

Em seguida, durante aproximadamente uma hora, os atores se revezam em cerca de oito a dez jogos de improvisação. A escolha dos atores que participarão dos jogos é feita através do sorteio de bolas coloridas. O grupo recentemente participou do programa “Tudo a Ver Interior” na Rede Record e realizou uma pequena turnê regional com apresentações em São Manuel, Botucatu, Avaré e Jaú.

Os ingressos custam R$ 10.
O Teatro fica na Praça Coronel moura, nº 27. Informações pelo telefone: (14) 3882-9004.

Artesãs de Marajó mostram fibra do tururi em Paris

“O tururi já está internacionalmente conhecido!”, comemora a diretora de vendas da Cooperativa das Artesãs Flor do Marajó, Ângela Cristina de Almeida Paes. O motivo de tanto orgulho é que as bolsas e bijuterias fabricadas a partir da fibra do tururi (fruto da palmeira ubuçu) serão expostas pela primeira vez em Paris.

O resultado do trabalho dos 24 artesãos que compõem a Cooperativa sediada em Manuá, na Ilha do Marajó (PA), estará exposto na Semana de Prêt-à-Porter, um dos mais importantes eventos mundiais de moda que se realiza de 1º até dia 8, na capital francesa. A participação no evento é resultado do trabalho desenvolvido há 15 anos e que, a partir do Programa Talentos do Brasil, do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA), ganhou notoriedade nacional.

Foi longo o caminho percorrido até levar para o exterior o resultado do trabalho feito a partir desta fibra que é farta na Ilha do Marajó. Há 15 anos, a recém-criada cooperativa, então associação, começou com apenas três pessoas.

A primeira oportunidade de expor no próprio município de Muaná surgiu em 1997, durante a Feira do Festival do Camarão. Antes de chegar a Paris, o trabalho das artesãs foi divulgado na primeira edição da Feira da Agricultura Familiar, realizada em Brasília em 2004. Naquela oportunidade, o estilista Renato Ambroisi conheceu de perto o trabalho das artesãs de Muaná. “Aí começou esse trabalho do MDA com a gente e mudou muita coisa, mudou bastante mesmo, a produção aumentou e também porque a gente tem que fazer um produto com mais qualidade”, avalia Ângela.

As bolsas, colares, pulseiras e brincos produzidos com a fibra do tururi se valorizaram com a inclusão de detalhes em couro, sugestão de outros estilistas renomados, como Renato Loureiro e Jum Nakao. Depois disso, o trabalho passou a ser exposto também em feiras do Rio de Janeiro e São Paulo. “Assim, a gente aumentou bastante a produção, que ficou ótima, e tivemos que aumentar o número de pessoas. Antigamente eram três, depois passou para oito, depois estava em 12, agora já está em 24 pessoas”, comemora a diretora de vendas.

Mas, para Ângela Paes, tão importante quanto o reconhecimento internacional é a valorização do trabalho da mão-de-obra local. “Já estamos pensando nisso que a gente está intitulando como revolução, porque a gente pensa assim: depois dessa feira, vão aumentar muito mesmo (as vendas), até o produto vai valorizar mais ainda porque aqui, no nosso município, nem os nossos munícipes valorizam. Por isso que a gente está trabalhando desse jeito, pra provar para a sociedade toda que nós temos como mudar a condição de trabalho aqui no nosso município”, destaca a artesã.


Cia de Ballet Sopro apresenta "Jogado", em Botucatu

Teatro Municipal Camillo Fernandez Dinucci, recebe hoje, quinta-feira 3 de setembro, o espetáculo “Jogado”, da Cia de Ballet Sopro, às 20h30.

Na montagem, os bailarinos da companhia desenvolvem movimentos e coreografias de alto nível técnico e artístico, relacionados com temas cotidiano. trabalhados de forma leve, bem humorada e intelectual. O “Ballet Sopro” foi fundado há nove anos pelos bailarinos Roberto Amorim e Tatiana Portella, que assinam a direção geral deste espetáculo.

“Nossa vida é um jogo permanente. Um jogo de mentira ou de verdade. Depende de buscar-se, ser coerente, de procurar-se agir com lealdade, fazendo da empatia, ingrediente nos relacionamentos”, coloca Amorim.

As performances fazem menção de partidas reais como futebol e basquete, e revela as diferentes reações dos jogadores em relação à disputa, no decorrer da vida.

A montagem conta com a participação de nove bailarinos que condensam a vida nas dimensões de uma quadra ou um tabuleiro.
Considerado pela crítica como cômico e leve, ‘Jogado‘ ultrapassa a dança e avança na dramaturgia para comunicar com a a plateia.

“Assim, como qualquer jogo, o embate da vida também tem que ter seus desafios, são eles que fazem aflorar em nós, as nossas melhores habilidades”, explica Amorim.

Ingressos custam R$ 20 com meia entrada sendo vendida a R$10.
Informações pelo telefone: (14) 3882-9004.


Praça dos abolicionistas será reinaugurada no domingo

Por Renato Fernandes

A Praça dos Abolicionistas, localizada entre as Ruas Jorge Barbosa de Barros e Attilio Losi, região do Jardim Paraíso, será reinaugurada no dia 6 de setembro, às 15 horas, com apresetnações artísticas e culturais.

Segundo a União Cultural Negra de Botucatu, haverá apresentação do grupo de dança Kuanda, Banda Badauê e shows de hip-hop, capoeira e samba com o grupo Emoção Popular.

Na ocasião ocorrerá o ato de inauguraão de um monumento com cerca de 2,5m desenvolvida pelo escultor Pedro César. A escultura retrata um escravo rompendo os grilhões, marcando o fim da escravidão.

Para Conceição Vercesi, presidente da União Cultural Negra de Botucatu, a reinauguração da praça é o reconhecimento da valorosa contribuição do “Povo Negro” na formação da Nação brasileira, e sinaliza com o fim de toda forma de discriminação racial no Município. “É um verdadeiro marco na iniciativa da Promoção da Igualdade e Ações Afirmativas”, diz.

A praça recebeu este nome através do Decreto Municipal 3346 de 12 de Maio de 1983 em homenagem aos Abolicionistas que lutaram sacrificando a própria vida para o fim da escravidão no Brasil.

A reinauguração da Praça dos Abolicionistas é uma iniciativa da Prefeitura Municipal de Botucatu. O local recebeu melhorias, mas manteve suas características originais da sua sua inauguração. “Este presente vem no mês em que a União Cultura Negra de Botucatu comemora 31 anos de existência. As comemorações não terminarão por aí. Pretendemos encerrar o mandato 2007-2009 em 26 de Setembro com o tradicional ‘Baile Luis Gama’, e, para isso, buscamos parceiros e esperamos contar com o apoio do Movimento Negro de Botucatu e todos os seus fundadores, associados, simpatizantes e parceiros”, coloca Conceição.

Circo do Marcos Frota estreia temporada de quatro dias em Botucatu, na próxima semana

O Grande Circo Popular do Brasil (Marcos Frota Circo Show) vem comemorando 20 anos de existência, e realizará uma temporada de Espetáculo em Botucatu, no período entre os dias 10 a 14 de setembro, próximo ao Ginásio Municipal de Esportes.

O Circo é o Núcleo Itinerante da Unicirco (Primeira Universidade Livre do Circo do Brasil) Projeto Social e Cultural que tem como finalidade formar uma geração de artistas de circo com nova mentalidade no País, resgatando a cidadania das crianças através das milenares artes do circo, teatro, dança e música.

O espetáculo mistura famílias tradicionais com elementos do novo circo, em espetáculo que alia o tradicional e o moderno, numa síntese dinâmica e atual.

Prefeitura lança Projeto Ação para o transporte coletivo

O Prefeito Municipal João Cury Neto e o Secretário de Habitação e Mobilidade, Vicente Ferraudo, lançaram na manhã desta quarta-feira, 02, o Projeto Ação, que prevê a Reorganização do Transporte Coletivo de Botucatu.

As mudanças previstas do Plano entram em vigor a partir deste mês, sendo divididas em duas etapas:

1 ª ETAPA- começa a valer a partir de 14 de setembro

1] Integração em 100% das linhas municipais por meio do cartão integração, o que possibilita que o usuário não pague a segunda passagem em período de até 90 minutos.

2] Criação da Linha Regular para a UNESP no sistema circular, com partidas diárias da UNESP, nos horários 00:05 e 00:35 [hora]

-Linha 1
UNESP – Rodovia Antonio Butignolli – Av. Dante Delmanto – Rua Marília – Rua Dr. Guimarães – Elevado Bento Natel – Av. Vital Brasil – Rodoviária – Av. Floriano Peixoto – Rua João Passos – Estação São Benedito – Rua Visconde do Rio Branco – Rodovia Domingos Sartori – UNESP.

-Linha 2
UNESP – Rodovia Domingos Sartori – Rua Campos Salles – Rua Curuzú – Estação Camelódromo – Av. Floriano Peixoto – Av. Te. João Francisco – Rua Cesário Mota – R. Dr. Guimarães – Rua Castro Alves – Av. Dante Delmanto – Rodovia Antônio Butignolli – UNESP.

3] Criação de nova tabela para a linha Cohab/Vila Paulista, com ponto final na Vila Paulista , eliminando o percurso até a UNESP
Saída da COHAB 00:00 / 00:20 e 00:35
Esta linha passará a atender também o Bairro Convívio Park residencial, toda 00: 25.

4] Criação da Linha Comerciário/UNESP via Vila Assumpção.
Itinerário: O mesmo corredor já existente no Comerciário e saindo pela Rua Emílio Cani, para a Vila Assumpção - Rod. Marechal Rondon – UNESP.
Saída Comerciário: 06:20 / 07:20 / 13:00 / 16:30 / 17:30
Saída UNESP: 07:00 / 08:00 / 11:40 / 16:10 / 17:10 / 18:10

5] Criação da Linha Centro/Lageado via R. José Barbosa de Barros com ampliação de horários com substituição da Linha Cohab/Lageado.
Itinerário: Estação São Benedito – R. Curuzú - Estação Camelódromo – Av. Floriano Peixoto – R. Vitor Atti - R. José Barbosa de Barros – Lageado.
Saída Estação Camelódromo: 00:35
Saída UNESP Lageado: 00:00 [Atendimento dos Prédios no Jd. Paraíso]

6] Implantação de nova tabela com horários fixos na Linha Cohab / Jardim Paraíso.
Saída Cohab: 00:10 / 00:40
Saída Jd. Paraíso[final]: 00:10 / 00:40

7] Criação da Linha Fatec / Centro – Ida e Volta.
Itinerário: Estação Camelódromo - Rua João Passos Estação São Benedito - Av. Itália, Fatec, ITE.
Horários de saída [centro]: 06:30 / 07:30 / 12:30 / 14:30 / 17:30 / 18:30.
Horários de saída [Fatec]: 07:05 / 08:05 / 13:05 / 15:05 / 18:05 / 19:05.

8] Implantação de nova tabela horária do Jardim Brasil com antecipação no centro da cidade. Antecipando o horário no Jardim Brasil 06:15 ampliando a integração no centro para todos os destinos e corrigindo a frequência no sentido Centro - Cohab

9] Reorganização do Itinerário e horário na linha Santa Elisa/ Centro, possibilitando o atendimento exclusivo no Bairro [Santa Elisa, Jd. Botucatu, Riviera e Arvore Grande].
A mudança ocorre em virtude dos ônibus atuais terem horários sobrepostos.
Atendimento com 2 ônibus:
Saída Santa-Elisa :00:00/00:30 [carro atual]
via árvore Grande 06:00/07:00/17:00/18:00h

10] Continuação na linha Rubião Junior / Circular
2 ônibus: Sentido Horário e Anti-Horário somente no Bairro de Rubião Junior.

Linha 01 [oficial] – [anti-horário] 00:20
Av. Raimundo Putty - Santo Inácio – centro de Rubião Junior – CEAGESP - Av. Bento Lopes – Rodovia Domingos Sartori – R. Campos Salles – R. Curuzú-Estação Camelódromo.

Linha 02[Extra] – [horário] 06:50- 7:50- 16:50-17:50 e 18:50
Saindo da CEAGESP com itinerário sentido horário Av. Bento Lopes - CEAGESP, centro de Rubião Junior - Santo Inácio – Av. Raimundo Putty – Rod. Antonio Butignolli - Dante Delmanto – R. Major Matheus – R. João Passos – Estação São Benedito.

2ª ETAPA- começa a valer em 27 de setembro

Implantação do programa Domingo em Ponto, que prevê aos domingos e feriados os deslocamentos entre os bairros serão por meio de um sistema DIFERENCIADO com linhas “RADIAIS”. A operação será sincronizada na ESTAÇÃO – CAMELÓDROMO com todos os bairros da cidade utilizando o conceito de transferência [transbordo] para outro ônibus sem pagar uma nova TARIFA.

O Secretário ainda apresentou as principais ações do ano de 2009, que incluem:

1- Substituição da Linha V. Jardim/Jardim Planalto pela Linha Continental/Centro.
2- Substituição Linha V. Jardim/Jd. Continental pela Linha Comerciários/V. Paulista.
3- Substituição da Linha Comerciários/Itamarati pela Linha Itamarati/Centro
4- Criação da Linha Recanto Azul/Centro
5- Ampliação do Horário da Linha Cambuí /Centro em 9 viagens.
6- Alteração de itinerário da Linha Comerciário/Vital Brasil. – Via Av. Don Lúcio.
7- Entrada da Linha Monte Mor/V.Assunção na Vila São Benedito.
8- Alteração de itinerário da linha Rúbião Júnior passando pelo Jd. América.
9- Colocação de mais um ônibus na Linha de Rubião Jr.
10- Alteração de itinerário da Linha Jd. Brasil/Centro
9- Colocação de mais um ônibus na Linha de Rubião Jr.
10- Alteração de itinerário da Linha Jd. Brasil/Centro.
11- Alteração de Itinerário na Linha Cohab/V. Maria.
12- Operação alternada das Linhas Sesi/Jd. Brasil/Jd. Bandeirantes e V. Paulista

Fonte - Subsecretaria Municipal de Comunicação e Informação

Gripe suína leva à suspensão de aulas no distrito de Vitoriana em Botucatu

O Instituto Adolfo Lutz divulgou na manhã desta quarta-feira,02, o resultado positivo para o vírus Influenza 'A' (H1N1) - a popular Gripe Suína - dos exames colhidos em 3 alunos da Escola Estadual Prof. Raimundo Cintra, localizada no Distrito de Vitoriana.

Diante do resultado, a Diretoria Regional de Ensino e a Secretaria Municipal de Saúde recomendou suspensão temporária das atividades na escola por um período de 5 dias, retornando as aulas no próximo dia 08/09/2009.

Segundo o Secretário Municipal de Saúde, Carlos Macharelli, a medida é exigida pelo protocolo que orienta o manejo clínico e a vigilância da Influenza. A recomendação é que os alunos permaneçam em casa, não participem de atividades que envolvam grupos sociais e fiquem em repouso até a adequada recuperação. “Se novas medidas se fizerem necessárias estaremos então reorientando a Direção da referida escola. Reforço que todos os alunos acompanhados até o momento seguem sem sinais de agravamento, não tendo nenhum registro de casos que necessitem de internação, conclui Macharelli.

Os responsáveis pela equipe de Vigilância Epidemiológica e pela Unidade de Saúde da Família informam que estão acompanhando diariamente a evolução do surto na escola e esperam que as recomendações sejam atendidas pela Unidade Escolar bem como pelos alunos.

Protocolo de Prevenção

As medidas de prevenção e controle que devem ser adotadas, baseadas em intervenções não farmacológicas, para reduzir o risco de se adquirir ou transmitir no domicílio recomenda-se:

Não compartilhar alimentos, copos, toalhas, e objetos de uso pessoal

Evitar tocar olhos, nariz,ou boca

Lavar as mâos frequentemente com sabonete e água, especialmente depois de tossir ou espirrar

Manter o ambiente ventilado

Evitar contato próximo com pessoas

Fonte: Subsecretaria Municipál de Comunicação e Informação de Botucatu


Finais da Copa Interclubes acontecem quinta e sexta-feira

Após mais de um mês de jogos, chega ao fim a 1ª Copa Interclubes "Claus Sports" de Futebol Suíço AAFxAAB. Pela primeira vez, os dois maiores clubes recreativos de Botucatu, a Associação Atlética Ferroviária (AAF) e Associação Atlética Botucatuense (AAB) se uniram para promover um campeonato suíço.

A competição, que teve por objetivo promover a integração entre os clubes e dar a oportunidade para que os jogadores façam novas amizades, foi composta por 12 equipes, sendo seis de cada clube. Os times foram divididos por faixa de idade, sendo Faixa "A" dos 30 aos 39 anos, Faixa "B" dos 40 aos 49 anos e Faixa "C" acima dos 50 anos.

As finais das três faixas serão realizadas nesta quinta e sexta-feira, no campo da Associação Atlética Botucatuense. Na quinta-feira, 3, às 20h15, disputam o título de campeão pela Faixa B a Serralheria São Luis (AAF) e Pardi Veículos (AAB). Na sexta-feira, 4, serão disputadas as finais da Faixa C, quando a Casa das Antenas (AAB) enfrentará a Quitanda Dona Marina (AAB), e Faixa A, Supermercado Boas Compras (AAB) versus Botuvel (AAB). Após os últimos jogos, haverá premiação e festa de confraternização.

Era uma Vez na Biblioteca estréia no Centro Cultural

Por Renato Fernandes

Bolando Filmes Produções, produtora do cineasta José Renato Arena Scorsatto, apresentará o curta metragem “Era Uma Vez na Biblioteca”, dia 4 de setembro, às 19h30, na sala Raymundo Cintra, no Centro Cultural de Botucatu, Praça XV de Novembro, nº 30 - Centro.

Segundo o cineasta, o vídeo se apropria da linguagem e clichês dos westerns, para aproximar o espectador de dois grandes nomes da literatura e poesia: Carlos Drummond de Andrade e Mário Quintana.

O curta apresenta um duelo cultural entre dois cowboys dentro de uma biblioteca, onde em seus coldres, levam não, armas, mas livros e a biblioteca, num efeito sinestésico, remete ao ‘saloom’, e os livros das estantes, às bebidas deste ‘saloom’. “Se tudo correr bem, também pretendo apresentar, nesse mesmo dia, um documentário sobre o futebol Feminino de Botucatu, que gravei recentemente em um dos jogos da equipe botucatuense, onde entrevisto técnicos, jogadoras e torcedores’, adianta o Scorsatto.

O curta foi rodado na biblioteca do Centro Cultural de Botucatu, no período noturno, e conta com elenco e equipe técnica da própria Cidade.

Scorsatto cursa a faculdade de cinema no Paraná e explica que busca mostrar um pouco de sua Terra Natal, personagens e pontos históricos aos colegas universitários.

O primeiro vídeo de sua autoria, exibido no Paraná foi “Estação Fantasma”, que mostra o abandono da estação de embarque e desembarque de passageiros da extinta Fepasa.

Ele também responde pelo curta metragem “Mãonólogo”, vencedor do Festival do Minuto, em novembro de 2008, quando concorreu com 87 participantes do bimestre setembro/outubro, na categoria Melhor Minuto, que teve como Tema: “Dinheiro”.

Elenco:
Fernando Dias – Cowboy com camisa branca; Rafael Villela – Cowboy co camisa vermelha ; Marino Costa – Bibliotecário; Celso Cassoni – Leitor sentado à esquerda; Bruno Figueirôa – Leitor sentado ao centro; Julio Carvalho – Leitor sentado à direita; Isaías Barreto – Agente Funerário; Danilo Batista – Assistente do agente funerário.

Confira o trailer