outubro 13, 2008

Rodovia Eduardo Zucari recebe recape asfáltico

A Prefeitura de Botucatu, através da Secretaria Municipal de Obras, deu início na manhã desta segunda-feira, 13 de outubro, ao recapeamento asfáltico na Rodovia Eduardo Zucari.

Essa rodovia faz ligação às indústrias Duratex e Eucatex, bem como ao aterro sanitário municipal, sendo usada por um grande número de veículos pesados transportando matérias primas e funcionários das indústrias.

A estrada apresentava buracos e desníveis na pista. “A pavimentação antiga, aliada ao desgaste causado pelo tráfego de veículos de grande porte, resultou em danos à rodovia. O recape asfáltico se faz necessário. Isso vai trazer mais conforto e segurança aos usuários”, comentou José Marckis, chefe da equipe de asfaltamento da Prefeitura.



O recape favorecerá quatro quilômetros da via, desde o seu início, no cruzamento com a Rodovia João Hipólito Martins (Castelinho) até o trevo de estrada da Empresa Duratex. O recape será feito nas duas pistas, consumindo um montante aproximado de 1.100 toneladas de massa asfáltica.

A previsão é que os trabalhos no local se estendam pelos próximos 15 dias. A Secretaria de Obras pede cautela aos motoristas que utilizam a rodovia, pois durante os trabalhos o trânsito de veículos será feito em apenas meia pista.

Futsal juvenil de Botucatu avança no Paulistão – Série Prata

O futsal de Botucatu, representado pela equipe juvenil da Associação Atlética Botucatuense/Prefeitura, encerrou sua participação na primeira fase do Campeonato Paulista – Série Prata com um empate diante do MESC.
A partida contra o time de São Bernardo do Campo foi disputada em Botucatu no sábado, dia 11 de outubro, e terminou com o placar de 3 a 3. Os gols botucatuenses foram marcados por Léo, Dadá e Daniel.

A equipe comandada pelo técnico Paulo Barros já havia garantido o primeiro lugar na chave B e também uma vaga na próxima fase, não dependendo do resultado na última rodada.

O grupo botucatuense conquistou uma ótima campanha com cinco vitórias e um empate, somando 16 pontos, seis a mais que o MESC, segundo colocado.



Principal - O próximo compromisso da AA Botucatuense/Prefeitura está marcado para esta quarta-feira, dia 15 de outubro, diante do Nova Europa Futsal. O jogo será realizado no Ginásio Guilherme Fragoso, em Araraquara.

Copa Record – Botucatu foi eliminada nos pênaltis por Aparecida do Tabuado, nas quartas-de-final da competição. O jogo foi realizado em Bauru e teve transmissão ao vivo pela Rede Record de Televisão.

No tempo normal, a partida reservou grandes emoções e terminou empatada em 4 a 4. Durante a prorrogação, a equipe botucatuense abriu o placar, mas Aparecida conseguiu balançar as redes e levou a decisão para as penalidades máximas, onde conseguiu um melhor aproveitamento e a vaga para a semifinal da Copa Record.

Apoio - A AA Botucatuense/Prefeitura conta com o apoio da Unifac, Quitanda Dona Marina, CEBRAC - Centro Brasileiro de Cursos, Farmácia São Bento e Atlétic Sports.

BFC/Prefeitura e Corinthians ficam no empate pelo Paulista Feminino – 1ª Divisão

O Estádio Doutor Acrísio Paes Cruz – Ferroviária recebeu um grande público na tarde de domingo, 12 de outubro, que acompanhou o empate por 1 a 1 entre o Botucatu Futebol Clube/Prefeitura e Sport Club Corinthians Paulista, válido pelo returno do Campeonato Paulista de Futebol Feminino – 1ª Divisão.

A partida começou eletrizante e logo aos dois minutos as donas da casa abriram o placar com a atacante Grazi, que aproveitou passe de Formiga e cara a cara com a goleira adversária, tocou para o fundo do gol, sem chance de defesa.

Aos 12 minutos, o BFC teve chance de ampliar a vantagem depois que Rafinha foi derrubada na área e o árbitro apontou pênalti. Grazi desperdiçou a cobrança, chutando a bola no travessão.

Assessoria Jurídica

A partir daí, o time da capital passou a comandar as ações e empatou o duelo depois de um escanteio. A zaga não afastou o cruzamento e a bola sobrou livre para Juliana Cabral, que só teve o trabalho de empurrar para a rede.

No segundo tempo, o ritmo da partida caiu bastante pelo forte calor. A equipe botucatuense ainda teve pelo menos duas chances claras de gol, porém, desperdiçadas.

Com este resultado, a representação de Botucatu permanece na vice-liderança da competição com 06 pontos, dois a menos que o Corinthians, primeiro colocado da chave 03.

Na próxima rodada, o Botucatu Futebol Clube/Prefeitura enfrenta fora de casa o São Bernardo FC. O confronto está marcado para o dia 19 de outubro no Estádio Humberto de Alencar Castelo Branco (Baetão), às 15 horas.

São Paulo gradua primeira turma só de professores índios

Da Agência Brasil

Oitenta e um professores índios receberam hoje (13), em cerimônia realizada em São Paulo, o diploma de graduação em Pedagogia. De acordo com a Secretaria de Educação, eles compõem a primeira turma só de indígenas já formada por uma escola de ensino superior do país.

Segundo o órgão, todos os formandos já trabalham em escolas instaladas em alguma das 30 tribos existentes no estado, ministrando aulas para alunos até da 4ª série do ensino fundamental. Em uma iniciativa do governo paulista e da Universidade de São Paulo (USP), eles foram selecionados e graduados para que possam, agora, ministrar aulas para estudantes das 5ª à 8ª séries e também do ensino médio.


Exigências do Ministério da Educação (MEC) obrigam que professores de alunos além da 4ª série tenham a chamada licenciatura plena. Já uma lei vigente no estado de São Paulo proíbe que professores não-índios dêem aulas em escolas de aldeias. Por isso, a necessidade de graduar os professores indígenas.

Vivem no estado de São Paulo cinco etnias indígenas: Guarani, Tupi-Guarani, Terena, Kaingan e Kerenak. Cerca de 1.500 índios estudam em escolas instaladas em tribos.

Tempo de espera em call centers não pode passar de um minuto, estabelece governo

Da Agência Brasil

Um minuto. Esse será o prazo máximo de espera nos serviços de atendimento ao consumidor, os chamados call centers. A partir de 1º de dezembro, entra em vigor a norma que estabelece o prazo máximo para que o consumidor seja atendido. A portaria foi assinada hoje (13) pelo ministro da Justiça, Tarso Genro.

A regra vale para serviços regulados pelo governo – caso dos setores de telecomunicações, aviação civil, energia elétrica e água. As exceções são para o setor financeiro (bancos e financeiras), que deverá atender o consumidor em até 45 segundos, e de energia elétrica, contanto que haja uma pane generalizada do sistema de fornecimento. Às segundas-feiras, no quinto dia útil de cada mês e nos dias que antecedem e sucedem feriados, os call centers bancários poderão demorar até 90 segundos para atender o cliente.

“Esta regulamentação faz uma inversão: a partir de hoje, quem deve sempre é o prestador do serviço e não o tomador. É uma conquista revolucionária do consumidor brasileiro”, avaliou Tarso Genro, que disse já ter sido vítima da demora dos serviços de call center diversas vezes antes de se tornar ministro. Agora, segundo ele, “quem acaba sofrendo é minha secretária”, brincou.



De acordo com a portaria assinada hoje (que regulamenta o Decreto 6.523/08, assinado no fim de julho), o consumidor que se sentir lesado – seja pelo atendimento que ultrapasse o período previsto, seja por uma postura da empresa de não atender ao telefone – deverá procurar os Procons estaduais e registrar uma reclamação. Não será preciso levar provas: quem deverá provar inocência é a empresa.

“O consumidor deve exigir o número do protocolo de atendimento. Ele pode reclamar na própria empresa ou nos Procons, Ministério Público e Defensorias Públicas. Toda vez que esse direito é descumprido, a empresa fica sujeita a sanções. São multas que vão de R$ 200 a R$ 3 milhões, que os órgãos podem aplicar”, detalhou o diretor do Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor, Ricardo Morishita.

O valor da multa poderá variar de acordo com alguns critérios: a gravidade da infração, da vantagem aferida e da condição econômica da empresa. “O consumidor quer deixar de ser usuário de uma empresa de telefonia, mas não conseguiu. É uma infração grave, porque compromete a liberdade do consumidor de usar ou não o serviço”, exemplificou Morishita.

A regra vale para todos os setores em que não havia regulamentação específica, ou seja, internet banda-larga, transporte aéreo de passageiros, planos de saúde, transporte terrestre de passageiros, bancos, cooperativas, financeiras, seguros e transportes aquaviários de passageiros. Para telefonia, já existe regulamentação específica: o prazo é de até 10 segundos para o atendimento.

Outra novidade imposta pela portaria é que os serviços de atendimento ao consumidor devem estar disponíveis 24 horas, sete dias por semana, quando o serviço fica disponível 24 horas (como a internet banda-larga), ou quando o consumidor pode usufruí-lo a qualquer momento, como os planos de saúde e seguros.

Ministério da Cultura incentiva produção de filmes de animação

do Ministério da Cultura

O Ministério da Cultura lançou hoje (10) o Programa Nacional de Desenvolvimento da Animação Brasileira, que tem o objetivo de estimular parcerias entre produtores independentes e emissoras de televisão, além da exportação de séries de animação brasileiras, pesquisas e a capacitação e formação de produtores do setor de cinema de animação.

A Secretaria do Audiovisual estima que o Brasil produza atualmente 50 horas por ano de animação, e que essa produção possa ser multiplicada, fazendo o país se tornar um pólo de animação. Segundo a secretaria, as medidas são inéditas para o setor.

Outra iniciativa do Ministério da Cultura é o AnimaTV, um concurso para estimular o desenvolvimento da indústria brasileira de animação. Serão escolhidos, em duas etapas, 18 projetos de séries animadas destinadas ao público infanto-juvenil que serão veiculadas pelas redes públicas de TV.




O programa foi lançado no 3º Festival de Animação de Gramado (RS), com presença do ministro da Cultura, Juca Ferreira, do secretário do Audiovisual, Silvio Da-Rin, da presidente da Empresa Brasil de Comunicação (EBC), Tereza Cruvinel; do diretor de Programação da TV Brasil, Leopoldo Nunes; do diretor-presidente da TV Cultura, Paulo Markun; do representante da Associação Brasileira das Emissoras Públicas, Educativas e Culturais (Abepec), Áureo Mafra; e da representante da Associação Brasileira do Cinema de Animação (ABCA), Marta Machado.

Lotéricas ficam fora do ar por duas horas devido à greve dos bancários, diz Caixa Econômica

Da Agência Brasil

O sistema das loterias da Caixa Econômica Federal em todo o país ficou fora do ar hoje (13), das 9h20 às 10h50. Segundo a assessoria do banco, a pane ocorreu devido a uma sobrecarga do sistema e, após quase duas horas, os técnicos do banco conseguiram solucionar o problema técnico.

De acordo com a Caixa, o problema teria sido motivado pela greve dos bancários. Com os bancos fechados, as pessoas recorreram às lotéricas, o que ocasionou a falha no sistema.



O Sindicato dos Lotéricos de São Paulo informou que o sistema ainda não voltou à normalidade e que o sistema ainda está lento, saindo do ar e só está sendo possível pagar contas. Segundo os lotéricos, não está sendo possível realizar saques, pagar benefícios previdenciários e fazer apostas.

Unesp testa soro contra picadas de abelhas

Está em teste em hospitais paulistanos o primeiro soro capaz de neutralizar o veneno de abelhas no organismo humano. Inteiramente desenvolvido no País, o produto, que deverá evitar o sofrimento físico de vítimas de múltiplas ferroadas do inseto, resulta de estudos conduzidos por um grupo de pesquisadores liderado pelo bioquímico Mario Sergio Palma, docente do Instituto de Biociências (IB), câmpus de Rio Claro.

Segundo Palma, a aprovação do antídoto pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) só ocorrerá após as verificações clínicas, a serem realizadas no Hospital Vital Brazil, ligado ao Instituto Butantan, e no Hospital das Clínicas da USP, ambos em São Paulo (SP). Por recomendação da Organização Mundial da Saúde, o soro precisa ser testado em um número mínimo de 30 vítimas de abelhas antes de ser colocado no mercado.

Após a liberação, segundo Palma, o soro será distribuído pela rede pública de saúde de todo o País, como já ocorre com outros tipos de antídotos. “Mas ainda não temos previsão”, destaca.



O docente avalia que a avançada tecnologia para a produção de soros antiofídicos contra envenenamento por animais peçonhentos, principalmente cobras e aranhas, não foi suficiente para conseguir o antiveneno de abelhas. Para produzir esse antídoto, ainda segundo Palma, foi preciso avançar nos estudos moleculares para conhecer a composição do veneno e seus mecanismos de ação. Palma e seus colaboradores precisaram definir a estrutura e a função de cada uma das 134 proteínas que o compõe. “Esse conhecimento nos ajudou a desenvolver diversos testes até que o soro pudesse neutralizar totalmente a ação do veneno”.

Início - O trabalho que deu origem ao soro antiveneno de abelhas foi iniciado em 2005, por meio do Instituto de Investigações em Imunologia (iii), criado dentro do programa Institutos do Milênio do Ministério da Ciência e Tecnologia. O professor de Rio Claro destaca a importância do iii para o projeto, que possibilitou a interação entre grupos de pesquisas em diferentes áreas do conhecimento.

A rede de pesquisadores é composta por membros do Centro de Estudos de Insetos Sociais (CEIS), do Instituto de Biociências, câmpus de Rio Claro; da Fundação Instituto Butantan; da Disciplina de Alergia e Imunologia da Faculdade de Medicina da USP; Laboratório de Imunologia do Instituto de Coração e do Departamento de Tecnologia Bioquímico-Farmacêutica da Faculdade de Ciências Farmacêuticas, também da USP. Os financiamentos foram pagos pela Fapesp, Finep, CNPq e Capes.

Tratamento – Semelhante aos casos de picadas de cobras, aranhas e outros animais venenosos, a vítima de múltiplas picadas de abelhas deve iniciar o tratamento com doses pequenas de soro, cuja ação é sentida assim que atinge corrente sangüínea. O cientista avalia que o soro seja eficaz contra a picada da maioria das abelhas da espécie Apis mellifera pelo fato de estar presente em mais da metade do planeta.

Atualmente, por falta de uma medicação adequada, os acidentados são medicadas com corticóides, broncodilatadores, vasodilatadores e hemodiálise, entre outras estratégias terapêuticas. “O veneno pode circular no organismo por até três dias após o ataque”, explica Palma. Nesse período, a vítima pode sentir dor de cabeça, taquicardia, sudorese, diarréia e, em caso extremo, evoluir para o óbito.

Ataques – Dados do Ministério da Saúde e da Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo apontam que, em 2005, cerca de 3,5 mil pessoas foram atacadas por abelhas e vespas no Estado. No mesmo período, também em São Paulo, a taxa de mortalidade passou de 0,35 para 1,15 por 100 mil habitantes.

O problema também ocorre em países como os Estados Unidos. Entre 1991 a 2001, 533 norte-americanos morreram em conseqüência de ataques de abelhas e vespas, a maioria em até 22 horas após o acidente. “Além da taxa de mortalidade, nos preocupamos com as seqüelas de um ataque em massa, tais como insuficiência renal crônica, doenças cardíacas, problemas neurológicos, entre outros”, assinala o Palma.

Da Unesp

Prêmio Estímulo em Fotografia inscreve até o dia 27

Estão abertas até 27 de outubro as inscrições para o Prêmio Estímulo de Fotografia – 2008, que tem como tema a “Diversidade Regional e Cultural Paulista”. Podem participar fotógrafos amadores e profissionais.

A seleção das fotos e a premiação serão realizadas em 2 etapas: na primeira, serão selecionadas 60 fotografias para premiação e realização de uma exposição. Cada selecionado receberá R$ 1.000; na segunda, serão escolhidas as 12 melhores obras, entre as 60 selecionadas na primeira fase.

Empregos Manager Online


Os trabalhos vencedores receberão R$ 2.000 e serão publicadas pela SEC.

Edital

Da Secretaria de Cultura

Hospital do Servidor prorroga inscrição para concurso

O Hospital do Servidor Público Estadual (HSPE) prorrogou até o dia 23 as inscrições do concurso para contratação de 90 médicos em 16 especialidades. O prazo terminaria amanhã. A taxa de inscrição é de R$ 49,10.

Os interessados devem retirar e preencher a ficha de inscrição no Prédio da Administração do Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual (Iamspe) – na Avenida Ibirapuera, 981, 4º andar, sala 416– e fazer o pagamento apenas na agência do Banco Nossa Caixa, localizado no andar térreo do mesmo prédio. As inscrições podem ser feitas das 10h às 15h horas, pessoalmente ou por procuração.

O candidato deverá acompanhar a convocação para a prova e demais fases do processo seletivo pela publicação em Diário oficial, pela afixação no 4º andar do prédio da Administração do Iamspe ou pelo site do Instituto. O concurso tem validade por dois anos.

AondeNamoro.com! Totalmente Gratuito!


Mais informações podem ser obtidas nos telefones (11) 5088-8771/5088-8772.

Vagas por unidade

* Cardiologia - 10
* Cirurgia Vascular Periférica - 4
* Dermatologia - 3
* Pediatria Clínica (médico intensivista) - 4
* Psiquiatria e Psicologia Médica - 6
* Clínica Médica - 12
* Emergência - 22
* Geriatria e Crônicos - 6
* Reumatologia - 2
* Radioisotopia Clínica - 1
* Terapia Intensiva – 10
* Neurologia Clínica - 2
* Radioterapia e Oncologia - 1
* Cirurgia Torácica - 1
* Cirurgia Plástica - 3
* Ortopedia e Traumatologia - 3

Do Iamspe

Etecs oferecem mais de 56 mil vagas em 2009

As inscrições para o processo seletivo das Escolas Técnicas (Etecs) estaduais para o 1º semestre de 2009 podem ser feitas até as 14 horas do dia 17. O exame acontece em 16 de novembro. O próximo vestibulinho vai oferecer 16.043 vagas para o Ensino Médio, o que representa um aumento de 20,73% em relação ao mesmo período do ano anterior (13.288).

Para o Ensino Técnico, houve aumento de 4.325 vagas em relação ao 1º semestre de 2008, totalizando 40.032 vagas, distribuídas em 72 cursos. Desse total de cursos técnicos, quatro são inéditos: Cozinha e Modelagem do Vestuário (em São Paulo, na Etec Carlos de Campos), Produção de Cana-de-Açúcar (nas Etecs de Andradina, de Jales, Paraguaçu Paulista e Penápolis) e Serviços Imobiliários (em Praia Grande).

Entre o Médio e o Técnico serão oferecidas 56.075 vagas. Desse total, 1.690 vagas foram aprovadas pelo Centro Paula Souza após o fechamento do Manual do Candidato e, portanto, não constam da publicação.



Participam deste processo seletivo 150 Etecs e três classes descentralizadas (unidades que funcionam com um ou mais cursos em parceria com a prefeitura ou empresas da região, sob a administração de uma Etec).

Inscrições

Para concorrer a uma das vagas do Vestibulinho para o Ensino Médio, o candidato dever ter concluído o Ensino Fundamental. Os que pretendem fazer o Ensino Técnico, precisam estar cursando a partir do 2º ano do Ensino Médio ou já ter concluído esse ciclo.

O Manual do Candidato custa R$ 5 (deve ser pago em dinheiro) e pode ser comprado em qualquer Etec. Ele traz uma folha de rascunho para o preenchimento preliminar da inscrição. O atendimento funciona das 13 às 21 horas – com exceção do sábado, domingo e feriado -- , na secretaria da escola onde o candidato pretende estudar. É possível também fazer a inscrição pela internet, acessando o site www.vestibulinhoetec.com.br.

O prazo se estende até o dia 29 de outubro para inscrição de curso técnico da área de Agropecuária (como Agricultura, Agroecologia, Agroindústria, Agronegócios, Agropecuária, Agropecuária, integrado ao Ensino Médio, Cafeicultura e Florestas). O processo seletivo será centralizado nas respectivas unidades e o calendário e os procedimentos serão diferenciados.

Para efetivar a inscrição, o candidato deve levar a ficha de inscrição preenchida sem rasura, com o comprovante do pagamento da taxa de R$ 20, já pago em qualquer agência bancária.

Inclusão social

O Sistema de Pontuação Acrescida concede bônus de 3% a estudantes afrodescendentes e de 10% a oriundos da rede pública. Caso o aluno esteja nas duas situações, recebe 13% de bônus.

Para ter direito ao bônus, os candidatos afrodescentendes e/ou oriundos da rede pública devem fazer a autodeclaração no ato da inscrição.

O candidato também deve informar, no momento da inscrição, se cursou integralmente o Ensino Fundamental, de 5ª a 8ª série, em instituição pública municipal, estadual ou federal. A comprovação deve ser feita no ato da matrícula, por meio do histórico escolar do ensino fundamental ou a declaração escolar, discriminada série a série.

Outras informações pelos telefones (11) 3471-4071 (Capital e Grande São Paulo) e 0800-772 2829 (demais localidades) e pelo site www.vestibulinhoetec.com.br.

Do Centro Paula Souza

Fatecs inscrevem para o vestibular até o dia 20

As inscrições para o processo seletivo das Faculdades de Tecnologia (Fatecs) para o 1º semestre de 2009 podem ser feitas até as 14 horas dia 20, exclusivamente pela internet. O exame será aplicado em 7 de dezembro.

Entre os 45 cursos superiores gratuitos oferecidos, seis são inéditos: Comércio Exterior (Fatec Praia Grande, 40 vagas à tarde), Eventos (Fatec Jundiaí, 40 vagas de manhã), Secretariado (Fatecs Itaquaquecetuba, à tarde, e São Caetano do Sul, à tarde, 40 vagas cada), Sistemas Aeronáuticos – Manufatura, noite, e Sistemas Aeronáuticos – Mecânica e Manutenção, manhã (ambos na Fatec São José dos Campos, com 40 vagas cada) e Radiologia (Fatec Botucatu, 40 vagas à noite).

O Manual do Candidato, que traz todas as datas, normas e orientações para o processo seletivo, estará disponível somente na internet.



Desde o segundo semestre, o Vestibular das Fatecs oferece ao candidato, no ato da inscrição, a possibilidade de colocar como segunda opção um outro período do mesmo curso, sempre na mesma faculdade.

Outras novidades

* Mais uma unidade, a Fatec São Sebastião, passa a integrar o processo seletivo.
* Três Fatecs vão oferecer novas habilitações. *Fatec Baixada Santista - Análise e Desenvolvimento de Sistemas – vai substituir o curso de Processamento de Dados (manhã e noite);

* Fatec Cruzeiro – Gestão Empresarial - ênfase em Sistemas de Informação (tarde);

* Fatec Mauá – Logística e Transportes (manhã); Quatro Fatecs vão implantar novas turmas em habilitações já existentes:

* Fatec Pindamonhangaba - Metalurgia (tarde);

* Fatec São Bernardo do Campo – Eletrônica – Modalidade Automação Industrial (noite);

* Fatec Sorocaba – Análise e Desenvolvimento de Sistemas - vai substituir o curso de Processamento de Dados (manhã e tarde);

* Fatec Tatuí – Gestão Empresarial – ênfase em Comércio Exterior e Sistemas de Informação (tarde).

Serão oferecidas 7.715 vagas, o que representa um crescimento de 23,34%, em relação ao mesmo período do ano anterior. Com relação ao 2º semestre de 2008, houve aumento de 560 vagas.

Inclusão Social

O Sistema de Pontuação Acrescida concede bônus de 3% a estudantes afrodescendentes e de 10% a oriundos da rede pública. Caso o aluno esteja nas duas situações, recebe 13% de bônus.

Para ter direito ao bônus, o candidato afrodescendente deve fazer a autodeclaração no ato da inscrição.

O candidato também deve informar, no momento da inscrição, se é egresso do ensino público. A comprovação de que cursou integralmente o Ensino Médio na rede pública (municipal, estadual ou federal) será exigida no ato da matrícula por meio da apresentação do histórico escolar.

Outras informações pelos telefones (11) 3471-4103 (Capital e Grande São Paulo) e 0800-596 9696 (demais localidades) ou pelo site www.vestibularfatec.com.br.

Do Centro Paula Souza

Câmara de Botucatu presta homenagem ao projeto Multiplicadores

Na próxima terça-feira, dia 14, acontece na Câmara Municipal uma solenidade de entrega de uma Moção de Congratulações para o denominado “Projeto Multiplicadores”, idealizado pela Organização de Procura de Órgãos (OPO), em parceria com o Tiro de Guerra 02-048.

O Projeto reuniu oitenta atiradores do Tiro de Guerra de Botucatu que fizeram um trabalho de pesquisa, no mês de agosto de 2008, para a Organização de Procura de Órgãos – OPO, do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Unesp.

O objetivo desta pesquisa foi a divulgação do ato da doação e a criação da motivação necessária, em nossa população, para a doação de órgãos e tecidos.

Assessoria Jurídica


Nesse projeto, chamado de MULTIPLICADORES, o Tiro-de-Guerra 02-048 de Botucatu foi um parceiro importante na tarefa de aplicação de 4.062 questionários em locais próximos da residência de cada atiradores.

Essa pesquisa ajudará a dimensionar o nível de conhecimento da população sobre doação de órgãos e com a análise dos dados resultantes da pesquisa em mãos, serão desenvolvidas novas campanhas direcionadas ao padrão de conhecimento dos botucatuenses sobre doação de órgãos e tecidos.

A moção foi aprovada por unanimidade na Casa de leis botucatuense e será entregue na solenidade da próxima terça-feira que terá início às 19h30.
A Câmara Municipal fica na Pça. Com. Emílio Peduti, 112. Mais informações através do telefone: 3882-0636

Encarnação do Demônio vence como melhor filme de terror no Festival de Sitges

Confira o trailer do filme



O novo trabalho de José Mojica Marins ganhou no último sábado o prêmio de melhor filme pelo júri na sessão Midnight X-Treme do Festival de Cinema de Sitges, na Espanha.

O festival acontece todos os anos em outubro e é um dos mais importantes do mundo no gênero fantástico e de terror. A sua primeira edição ocorreu em 1968, onde apresentou uma semana de cinema fantástico e de terror. Quase 40 anos depois, este pequeno festival tornou-se num verdadeiro encontro mundial de apreciadores do gênero.

A volta de Zé do Caixão aos cinemas já rendeu sete prêmios no Festival de Paulínia, exibição hors concurs no Festival de Veneza e agora o prêmio de melhor filme de terror do Festival de Sitges.


Mais informações: http://www.cinemasitges.com/uk/index.php?a=news_fitxa&idNot=425

O fim da trilogia

A trajetória do coveiro que aterroriza a cidade em busca de uma mulher que possa gerar seu filho perfeito teve início em À Meia-Noite Levarei sua Alma (1964). Sua obsessão voltou às telas em Esta Noite Encarnarei no teu Cadáver (1967) e, 40 anos depois, José Mojica lança Encarnação do Demônio (2008), filme que considera sua maior obra.

“Esta é a Bíblia do Terror em toda América Latina. Uma história que reúne todos os elementos que os amantes do gênero apreciam: espectros, torturas e cenas violentas. Zé do Caixão ressurge na metrópole para concretizar sua missão e busca a mulher ideal para gerar seu sucessor”, relata Mojica.


Sinopse

Josefel Zanatas, o Zé do Caixão, viveu 10 anos em reclusão em um manicômio e 30 anos preso na ala de Saúde Mental da Penitenciária do Estado de São Paulo. Tornou-se uma lenda no cárcere por sua malévola personalidade.

De volta às ruas e acompanhado de seu fiel serviçal, o corcunda Bruno, refugia-se em um esconderijo subterrâneo em uma grande favela paulistana e passa a viver com um secto de psicóticos doutrinados por Bruno.

Zé retoma seu ofício como agente funerário e é acusado de trazer má-sorte à vizinhança. Enquanto isso, Bruno segue fiel na busca de novas mulheres para que seu mestre consiga um filho perfeito. Inicia-se então uma onda de ataques macabros que deixa para trás um rastro de crimes.



Ficha Técnica

ENCARNAÇÃO DO DEMÔNIO, Brasil, 2008, 90 min
Direção: José Mojica Marins
Roteiro: Dennison Ramalho e José Mojica Marins
Fotografia: José Roberto Eliezer
Elenco: José Mojica Marins, Milhem Cortaz, Jece Valadão, José Celso Martinez Corrêa, Rui Resende, Adriano Stuart e Helena Ignez
Produção: Olhos de Cão e Gullane Filmes
Distribuição: Fox Film do Brasil
Homepage: www.encarnacaododemonio.com.br

Projeto Luz no Campus realiza debate sobre educação

Após a mesa redonda, haverá o lançamento do livro “Mãos que tocam a alma: sugestões para uma educação transdisciplinar”, escrito pelos professores Ivan Amaral Guerrini e Sandra Celano.

Dia 15 de outubro, a partir das 18h, no Auditório da Fazenda Experimental Lageado, o “Projeto Luz no Campus” realiza a mesa redonda “Educar no Século XXI: uma abordagem transdisciplinar”. O evento visa a discussão de propostas para a educação no contexto das transformações que a sociedade vem enfrentando neste início de século.

Participaram do debate: Ivan Amaral Guerrini, físico e professor do Instituto de Biociências da Unesp; Marli Carvalho Cisneros, educadora especializada em pedagogia Waldorf; Nora Jeane Santos Silva, coordenadora do Núcleo de Orientação Integral da Aprendizagem (NOIA) e Sandra Celano, psicóloga com formação em Psicologia Transpessoal, Abordagem Holística e Psicoterapia Corporal.



O encontro será mediado por Eliana Curvelo Rodrigues, assessora pedagógica da Faculdade de Ciências Agronômicas e da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da Unesp de Botucatu. “Aprender a conhecer, a fazer, a ser e, sobretudo, aprender a viver juntos pode ressignificar os sentidos da vida”, analisa. “A transdisciplinaridade pode ser este caminho”.

Após a mesa redonda, haverá o lançamento do livro “Mãos que tocam a alma: sugestões para uma educação transdisciplinar”, escrito pelos professores Ivan Amaral Guerrini e Sandra Celano.

O “Projeto Luz no Campus - filosofia ao entardecer”, promovido pela Faculdade de Ciências Agronômicas (FCA) e Fundação de Estudos e Pesquisas Agrícolas e Florestais (Fepaf), oferece palestras com a intenção de estimular a reflexão sobre temas de filosofia, ética, política, ciência e cultura. O evento é aberto à comunidade universitária e a toda a população. A entrada é 1 kg de alimento não perecível.

Incubadora ajuda a realizar o sonho de publicar um livro

Sérgio Marques é o idealizador da Incubadora Cultural


Por Renato Fernandes

Aproximar escritores do sonho de publicar seus livros. Esse é o objetivo principal da Incubadora Cultural de Botucatu, entidade fundada pelo professor José Sérgio Turriani Marques e que promete agregar profissionais das artes gráficas, como diagramadores, ilustradores, revisores e designer, para a elaboração do projeto e publicação. “Vamos trabalhar com base no conceito das incubadoras de empresas, e ajudar a viabilizar o sonho dos escritores em produzir suas obras”, disse.

Um dos diferenciais do projeto é a possibilidade de publicação em pequenas tiragens. “Conseguimos parceria com uma ‘gráfica rápida’ e que possibilita tiragens baixas a partir de um exemplar. Muitas vezes o autor é obrigado a lançar um mínimo de 300 exemplares. Nosso processo garante a publicação de acordo com a demanda do autor. Em um lançamento pode vender apenas 100 unidades ou 50; vai da cada um”, explica Marques.


Na lista de lançamentos da incubadora constam duas obras contempladas pelo Pipa - Programa de Incentivo à Produção Artística e Cultural, da Secretaria Municipal de Comunicação. São eles: “Ocorrências da Revolução de 1932 no Setor Sul”, escrito pelo idealizador da incubadora e “História do Tropeirismo”, de David Devidê.

Também foram lançadas as obras “O Reino Encantado de Luana e seus Incríveis Amigos”, de Claudinéia Verneque e “A Lenda das Lendas do Cimo da Serra”, de Cláudio Martins. “Já estamos trabalhando também em outras publicações, como ‘Um Menino e Sua História’ e ‘ Rabo de Bugio’”, acrescenta.

Sérgio Marques pode ser encontrado no CCB - Centro Cultural de Botucatu, na Praça XV de Novembro, nº 30 - Centro, onde atua como secretário.

‘No Planar da Borboleta’ em cartaz no Municipal

Crianças dos projetos sócio-educativos, “Evoluir” e
“Jardim Aeroporto”, ensaiam, no Centro Cultural

Por Renato Fernandes

O diretor teatral Júlio de Carvalho, responsável pelas oficinas culturais dos projetos sócio-educativos, “Evoluir” e “Jardim Aeroporto”, apresentará o espetáculo “No Planar da Borboleta”, desenvolvido por aproximadamente 30 crianças atendidas pelas entidades. As sessões serão no Teatro Municpal Camillo Fernandez Dinucci, às 9 e 14h30, da próxima terça-feira, dia 14. A entrada será um quilo de alimento não perecível.

O musical infantil, é de autoria do próprio diretor e expõe o conflito dos seres da mata na disputa de espaços no meio ambiente e a necessidade de se organizarem visando o bem comum. Nesse processo os personagens se deparam com o medo e incertezas tomando conhecimento de suas fragilidades.

A peça tem como cenário um bosque localizado no sítio do Sr. João, conhecido como ‘O Fazendeiro’. “João se mostra sempre amigo, e expõe sua confraternização com esses seres, que duvidam de sua integridade por se tratar de um ser humano”, explica Carvalho.



Os pequenos habitantes do bosque desconfiam dos humanos. Para eles, as pessoas demoram muito para adquirirem consciência de que eles próprios têm a solução para impedir a destruição do planeta.

Em meio a esse ambiente nasce uma espécie de borboleta, inseto que tem apenas 24 horas de vida, e a memória desse curto prazo
de vida será acumulada em suas asas.

Para desenvolver o espetáculo o grupo se reunia semanalmente a unidade do CRA - Centros de Referência da Assistência Social, do Conjunto Habitacional Humberto Popolo (Cohab 1) e no CCB - Centro Cultural de Botucatu.

O espetáculo faz parte da programação cultural do mês de outubro. A produção é uma promoção da Prefeitura de Botucatu com o Projeto Evoluir, tendo apoio das Secretarias Municipais de Assistência Social e Cultura. Mais informações podem ser obtidas através dos telefones 3882-0133 e 3882-0666.