outubro 02, 2008

Massacre do Carandiru faz 16 anos e principais envolvidos continuam sem julgamento

Da Agência Brasil

No dia 2 de outubro de 1992, cerca de 360 policiais invadiram a Casa de Detenção, em São Paulo. Armados, os militares mataram 111 presidiários e o episódio ficou conhecido como o massacre do Carandiru, considerado um dos mais violentos casos de repressão a rebelião em presídios. Hoje (2), 16 anos depois, os principais envolvidos da chacina continuam livres. Ninguém foi punido.

"Este massacre foi uma das maiores violações de direitos humanos deste país", afirmou o secretário-geral do Conselho Estadual de Direitos Humanos do Estado de São Paulo, Ariel Castro Neves. Segundo ele, o único membro da operação que havia sido julgado, o coronel Ubiratan Guimarães, foi inocentado. "A sentença dele abre precedentes para as demais. Infelizmente este caso não terá um desfecho, já que os outros acusados não foram julgados até hoje", diz. O coronel Ubiratan foi assassinado em 2006.

Para Neves, o Massacre do Carandiru é uma vergonha para o Brasil, já que a Comissão Interamericana dos Direitos Humanos da Organização dos Estados Americanos (OEA) condenou a ação dos policiais e pediu uma punição para os culpados. "Dificilmente ocorrerá esta punição. Isto só expoe negativamente o país."



O técnico de manutenção de informática José (o nome foi trocado a pedido do entrevistado) ficou 15 anos preso no Carandiru e era um dos detidos que presenciou o massacre. Há cinco anos nas ruas, ele, que foi preso respondendo aos crimes de tráfico de drogas e assassinato, descreve o caso com apenas uma palavra: crueldade. "Até hoje me espanto com a crueldade com que eles entraram naquele dia", relatou.

José manca de uma perna porque, segundo ele, foi torturado logo após o episódio. "Eu iria depor, mas me ameaçaram. Até hoje prefiro ficar anônimo", argumentou. Para o ex-detento, o número de mortos é uma controvérsia, já que ele se lembra de ter carregado mais de 50 corpos no dia. "Como 111 famílias reclamaram os corpos, eles fecharam este número. Mas deve ter sido mais de 300", deduziu.

Para ele, a tragédia ficará só na história, até porque, 16 anos depois, não houve julgamento. "Me espanto com o cinismo de dizerem que estávamos armados. Nós não estávamos. Não tenho raiva do Ubiratan, porque ele não foi o maior culpado. Nem dos policias. Tenho raiva do sistema que é despreparado para ações como estas. Se não fosse o ato impensado de um guarda de presídio novato, ninguém teria morrido".

O padre da Pastoral Carcerária de São Paulo, Gunther Zgubic, considera que a falta de julgamento é "um escândalo". "A própria justiça desacredita o processo do Estado Democrático de Direto. Quem vai acreditar nesta justiça que não pune ninguém?", questionou.

Autora do livro As Vozes do Carandiru, Karina Florido Rodrigues lembrou que o massacre é um caso difícil de julgar. "Como provar quem matou quem? Teria que fazer perícias de balas e armas. Isso nunca será feito", contatou. Segundo Noberto Jóia, um dos primeiros promotores do caso, foram indiciados 75 policias. "Passaram-se 16 anos, alguns dos acusados morreram. Este processo é muito complexo, quem redigiu o Código de Processo Penal jamais poderia imaginar um processo com tantos réus", disse.

Saúde estadual abre 432 novas vagas para residência médica

A Secretaria da Saúde vai oferecer 432 novas bolsas de residência médica em 29 hospitais paulistas. As inscrições do processo seletivo para 43 especialidades vão até o dia 14 de novembro. O valor da bolsa, pago com recursos do governo do Estado, é de R$ 1.916,45.

Para se inscrever basta acessar o site da Fundação Carlos Chagas www.concursosfcc.com.br e preencher a ficha. A taxa de inscrição é de R$ 141,25 e pode ser paga em qualquer agência bancária, por intermédio de boleto emitido no próprio site.

As inscrições serão confirmadas, no máximo, até o dia 03 de dezembro, após a comprovação do pagamento da taxa, por meio de e-mail a ser enviado aos candidatos para o endereço fornecido na ficha de inscrição. Em caso de dúvida o interessado poderá entrar em contato com a Fundação Carlos Chagas, pelo telefone (11) 3721-4888, de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h.

Assessoria Jurídica


A prova objetiva será realizada em 14 de dezembro, um domingo, na cidade de São Paulo. A convocação para a prova, com local e horário de apresentação, será feita por meio de cartão informativo a ser enviado aos candidatos pelos Correios a partir de 4 de dezembro.

“A residência médica é uma oportunidade de aperfeiçoamento e vivência aos novos profissionais da medicina, contribuindo para a formação desses jovens e, conseqüentemente, para a qualidade do atendimento à população paulista”, afirma o coordenador de Recursos Humanos da Secretaria, Paulo Seixas.

Vagas oferecidas/duração

1.1 Áreas Básicas
Clínica Médica: 62 vagas (2 anos)
Cirurgia Geral: 47 vagas (2 anos)
Pediatria: 27 vagas (2 anos)
Obstetrícia e Ginecologia: 48 vagas (3 anos)
Medicina da Família e Comunidade: 1 vaga (2 anos)

1.2 Especialidades com Acesso Direto
Patologia: 4 vagas (3 anos)
Infectologia: 23 vagas (3 anos)
Radiologia e Diagnóstico por Imagem: 11 vagas (3 anos)
Anestesiologia: 20 vagas (3 anos)
Ortopedia e Traumatologia: 14 vagas (3 anos)
Neurocirurgia: 4 vagas (3 anos) vagas (5 anos)
Oftalmologia: 4 vagas (3 anos)
Otorrinolaringologia: 6 vagas (3 anos)
Psiquiatria: 8 vagas (3 anos)
Radioterapia: 5 vagas (3 anos)
Dermatologia: 10 vagas (3 anos)
Neurologia: 4 vagas (3 anos)
Medicina Nuclear: 1 vaga (3 anos)

1.3 Especialidades para as quais será exigida a comprovação de pré-requisito de 2 anos em Clínica Médica, em Residência credenciada pela CNRM
Cardiologia: 32 vagas (2 anos)
Endocrinologia: 5 vagas (2 anos)
Gastroenterologia: 1 vaga (2 anos)
Nefrologia: 2 vagas (2 anos)
Hematologia/Hemoterapia: 3 vagas (2 anos)
Reumatologia: 2 vagas (2 anos)
Pneumologia: 2 vagas (2 anos)
Cancerologia Clinica: 13 vagas (3 anos)

1.4 Especialidades para as quais será exigida a comprovação de pré-requisito de 2 anos em Cirurgia Geral, em Residência credenciada pela CNRM
Cirurgia Pediátrica: 2 vagas (3 anos)
Cirurgia Torácica: 1 vaga (2 anos)
Cirurgia Plástica: 9 vagas (3 anos)
Coloproctologia: 4 vagas (2 anos)
Cirurgia de Cabeça e Pescoço: 4 vagas (2 anos)
Cirurgia Vascular: 11 vagas (2 anos)
Urologia: 4 vagas (3 anos)
Cancerologia Cirúrgica: 10 vagas (3 anos)
Cirurgia Cardiovascular: 4 vagas (4 anos)
Cirurgia do Aparelho Digestivo: 5 vagas (2 anos)
Cirurgia Geral Avançada: 1 vaga (2 anos)
Cirurgia Geral R3: vaga (1 anos)

1.5 Especialidade para a qual será exigida a comprovação de pré-requisito de 2 anos em Clínica Médica ou Cirurgia Geral ou Anestesiologia, em Residência credenciada pela CNRM
Medicina Intensiva: 2 vagas (2 anos)

1.6 Especialidades para as quais será exigida a comprovação de pré-requisito de 2 anos em Pediatria, em Residência credenciada pela CNRM
Cancerologia Pediátrica: 4 vagas (2 anos)
Neonatologia: 4 vagas (1 ano)
Medicina Intensiva Pediátrica: 3 vagas (2 anos)
R3 de Pediatria: 1 vagas (1 ano)

1.7 Especialidade para a qual será exigida a comprovação de pré-requisito de 2 anos em Ginecologia e Obstetrícia ou Cirurgia Geral, em Residência credenciada pela CNRM
Mastologia: 3 vagas (2 anos)

Da Secretaria de Estado da Saúde

SP inscreve até sexta para vaga de enfermeiro e auxiliar

Termina nesta sexta-feira, 3, o prazo de inscrição para concurso da Secretaria de Estado da Saúde, que irá oferecer 338 oportunidades de emprego em 40 hospitais e unidades de saúde estaduais ligados à pasta. Do total de vagas, 226 são para auxiliar de enfermagem, 102 para enfermeiros, 8 para enfermeiro obstetriz e 2 para biologista.

As taxas variam conforme a área escolhida. São R$ 30 para auxiliares de enfermagem, R$ 35 para biologista, e R$ 45 para enfermeiro e enfermeiro obstetriz. As inscrições podem ser feitas pela internet, por meio do site www.caipimes.com.br, ou em agências do Banco Santander cadastradas.

Os salários são de R$ 989,00 para auxiliar de enfermagem e R$ 1.495,08 para enfermeiro, com jornada de 30 horas semanais. Há pagamento de adicionais por plantão de 12 horas, com limite de até 10 por mês (R$ 197,10 para enfermeiros e R$ 127,08 para auxiliares por plantão). Alguns hospitais oferecem gratificações extras, dependendo da localização.



"Estamos ampliando constantemente os serviços oferecidos à população em nossos hospitais e, por isso, este concurso é de extrema importância. Vamos reforçar as equipes para atender cada vez mais e melhor", afirma o coordenador estadual de Saúde, Ricardo Tardelli.

As provas serão aplicadas no dia 16, e a homologação dos aprovados está prevista para fevereiro de 2009.

Da Secretaria da Saúde

PM de Marília faz campanha para arrecadar brinquedos

Policiais do 9o Batalhão da Polícia Militar do Interior (BPM/I), de Marília, se mobilizam, juntamente com outros setores da sociedade, para arrecadar brinquedos para serem distribuídos no Dia das Crianças. A campanha Faça uma Criança Feliz procura tornar realidade o sonho de muitas crianças carentes que moram na região.

A idéia foi do tenente Edson Shiguemitsu Tiba, que começou a mobilizar outros policiais, e a comunidade também passou a ajudar. Neste ano, a campanha realiza sua nona edição, e tem como meta entregar 5 mil kits.

O próprio tenente Tiba leva para sua casa os ursos de pelúcia e bonecas coletados que precisam ser lavados. As roupas para bonecas são confeccionadas por uma voluntária. Os brinquedos que necessitam de conserto vão para a Oficina do Brinquedo, também idealizada pelo tenente. A maior dificuldade, entretanto, é conseguir pilhas para testar todos os brinquedos.



Entrega – Depois que tudo está pronto, os policiais dividem os brinquedos e montam os pacotes. No ano passado, 4 mil kits foram distribuídos em entidades assistenciais, associações de bairros e hospitais da cidade. O diferencial da campanha, entretanto, é que são os próprios policiais que entregam, em mãos, os brinquedos para as crianças. “Fazemos as entregas com os policiais fardados. As crianças pulam de alegria, conversam e acabam perdendo o medo da gente. Cria-se uma relação de amizade e confiança. Elas nunca esquecerão o policial entregando o brinquedo”, explica o tenente Tiba.

A entrega dos brinquedos é feita durante toda a semana. No dia 12, os policiais, acompanhados por um palhaço, vão aos hospitais entregar os presentes.

O importante, ressalta Tiba, é que todos sabem onde vão parar os brinquedos. Prova disso é que a comunidade visita o quartel e ajuda. “Mais importante ainda, é ver o trabalho reconhecido no sorriso das crianças ao receberem os brinquedos”, complementa o tenente.

Da Secretaria da Segurança Pública

Botucatu sedia o “1º Caminhocão”

Em novembro, dia 16, o recinto da JVC Evento servirá de ponto de largada para o “1º Caminhocão de Botucatu”, evento que tem como proposta promover uma caminhada com criadores e proprietários de cães de diversas raças.

O evento é organizado pelo produtor Félix Francisco e Rádio Emissora de Botucatu PRF-8. “Queremos fortalecer ainda mais a integração entre o homem e os animais. Desta forma será possível unificar ainda mais os criadores, produtores e proprietários durante um domingo animado onde pais e filhos poderão exercitar-se fisicamente ao lado de seu melhor amigo, além de contribuir com entidades locais, exercitando também a solidariedade”, explica Francisco.

AondeNamoro.com! Totalmente Gratuito!


Além de proporcionar lazer e diversão aos participantes o passei também desenvolverá campanhas educativas e preventivas sobre os cuidados com os animais dentro e fora de casa, raças adequadas para cada personalidade de pessoa, vacinação, medicação, alimentação, dentre outras. “Orientaremos sobre a obrigatoriedade da coleta de dejetos de seus animais, e lembrar a respeito da posse responsável”, disse.

O passeio será fundamental para tratar sobre o descontrole populacional, castração e abandono dos animais nas ruas. “Vamos premiar o animal melhor trajado, mais elegante e simpático, cão amigo, obediência e porte.

Será obrigatório o uso de guias, coleiras e focinheiras para os animais das raças Pit Bull, Mastim Napolitano, Rottweiller e American Starfforshire Terrier.

O período de inscrições será aberto em breve e para garantir a participação será necessário o preenchimento de cadastro e contribuição com a doação de dois quilos de alimento não perecível.

Livro sobre tropeirismo será lançado dia 24

Por Renato Fernandes

No dia 24 de outubro acontecerá o lançamento do livro “História do Tropeirismo”, de autoria do funcionário público David Devidê. A obra faz parte do pacote de projetos que receberam incentivos do Pipa - Programa de Incentivo à Produção Artística e Cultural, promovido pela Secretaria Municipal de Cultura, em 2007. A solenidade ocorrerá no CCB - Centro Cultural de Botucatu, às 20 horas.

A obra tem como proposta narrar as aventuras dos homens que cortaram o país guiando o gado e desafiando os perigos das estradas. “Os tropeiros levaram o progresso para todos os quadrantes do Brasil”, explica o autor.

O livro conta com a participação de colaboradores como os professores Sérgio Marques (diagramação e revisão) e Benedito Vinicio Aloise (ilustrações). Neste trabalho Devidê resgata a história dos tropeiros através de relatos e causos de personagens ilustres, como Lauro Branco, Quinto Jó, Joaquim Galerani, dentre outros. “Para desenvolver a revista eu procurei essas pessoas e, além das entrevistas, também filmei muita coisa. Desenvolver um documentário é algo que está em meus planos e pode ser o meu próximo projeto”, coloca.



O leitor encontrará na revista informações sobre mulas, comida tropeira, acampamento, cidades e vilas que surgiram pela rota percorrida pelos tropeiros, travessias de rio, missões, dentre outros temas. A obra será vendida em bancas e livrarias de Botucatu, contando ainda com distribuição dirigida às bibliotecas públicas da cidade.
Além do lançamento o CCB, entidade parceira no lançamento, deverá promover uma exposição com peças referentes ao tropeirismo.

Cancelamento - Inicialmente estava previsto o lançamento da obra para o dia 29 de agosto, entretanto, em razão do período eleitoral a solenidade foi cancelada por exibir símbolo oficiais e citar o PIPA, programa de incentivo da Secretaria Municipal de Cultura.

A mesma medida também foi aplicada junto a outras obras literárias que contaram com recursos do PIPA.

Serviço
Lançamento - “História do Tropeirismo”;
Data - 24 de outubro;
Horas - 20 horas;
Local - Centro Cultural de Botucatu (CCB)- Praça XV de Novembro, nº 30 - Centro.

Campus Party 2009 abrigará 6 mil participantes

A segunda edição da Campus Party Brasil ocorrerá de 19 a 25 de janeiro de 2009, em São Paulo, com o dobro de capacidade e velocidade de conexão, em comparação com o encontro deste ano.

A banda larga, oferecida pela Telefônica, terá velocidade de 10 Gbps, o dobro da oferecida na 1ª edição brasileira. O evento espera receber também o dobro de pessoas, ou seja, seis mil participantes - 4 mil com seus computadores -, e 300 mil pessoas circulando na área aberta ao público e gratuita.



Desta vez, o evento ocorrerá no Centro de Exposição Imigrantes, que será divido em 12 espaços de conteúdo. O destaque vai para a área de criatividade que, na próxima edição será fragmentada em Vídeo, Design, Fotografia e Música. As áreas de Astronomia, Blog, Desenvolvimento, Games, Robótica, Simulação, Software Livre e Modding se mantêm como na edição de 2008.

No primeiro encontro de internet no Brasil, havia cinco ações: Inclusão digital, Campus Verde, Campus Móvel, Campus Media e Barcamp. Para 2009, chegam três novidades: Cibercultura, Grid Computer e Sarau Digital.

O responsável pela área de robótica do evento em 2008, Alexandre Simões, conta que, como parte da Campus Party Brasil 2009, haverá um projeto de robô open source para todos usarem as especificações e criarem o ‘CP1?, primeiro robô totalmente construído na CP Brasil.

As inscrições para os campuseiros que participaram no ano passado serão abertas a partir de sexta-feira (26/09). Até o dia 6 de outubro os interessados pagam 100 reais pelo ingresso. De 7 a 31 de outubro, estarão abertas as inscrições para o público em geral, pelo mesmo valor. A partir de 1º de novembro o ingresso custará 150 reais. O pacote opcional de refeições para todos os dias custará 150 reais.

A estimativa de investimento para a CP Brasil 2009 é o mesmo valor da edição anterior - 10 milhões de reais.

Organização muda a data do Miss Comerciária

A organização do concurso de beleza “Miss Comerciária”, alterou a data de realização do evento, que seria realizado no dia 17, para o dia 23 de outubro, no Teatro Municipal Camillo Fernandez Dinucci. Outra provável mudança será nos valores da premiação do 3º colocado, derrubando de R$ 1 mil para R$ 500.

As inscrições são gratuitas. As candidatas devem trabalhar no comércio e ter idade superior a 16 anos. “É importante esclarecer que não se trata de um concurso do bairro dos Comerciários e sim entre as trabalhadoras do comércio”, disse.


A vencedora da etapa botucatuense, disputará a Etapa Estadual em Praia Grande, em dezembro.

As inscrições continuam abertas na sede do Sindicato dos Empregados do Comércio (SEC), na Rua Visconde do Rio Branco, nº 170. Informações pelo telefone: (14) 3882-1962.

"Mirabelli" em cena, hoje, no Municipal

Fotos Renato Fernandes


A Quadrilha de Teatro ‘Notívagos Burlescos’ apresetna hoje, 2 de outubro, o espetáculo ‘Mirabelli’. A peça cumpre temporada até o dia 3 de outubro, com exibições gratuitas às 20h30, no Teatro Municipal Camillo Fernandez Dinucci.

Essa é a segunda produção do grupo de atores do ciclo de oficinas do projeto ‘Trilogia da Fé’. O processo de criação partiu das pesquisas de textos publicados em livros, imprensa e relatos sobre as atividades de Mirabelli, sendo interpretadas em cenas através da técnica de improviso e em seguida organizadas em texto, pelo diretor Robert Coelho.

As atividades desenvolvidas pela Quadrilha no primeiro semestre de 2008 incluíram a realização da oficina de Iniciação, Núcleo de Improviso e Núcleo de Montagem.

Assessoria Jurídica


Em agosto, cerca de 20 pessoas oriundas das oficinas do primeiro semestre se uniram ao elenco da peça. Em setembro, também juntaram-se à montagem os participantes da Oficina de Trilha Sonora e Sonoplastia, elevando para aproximadamente 50 pessoas o número de envolvidos no projeto.



A apresentação faz parte da programação cultural do mês de outubro, promovida pela Secretaria Municipal de Cultura. Mais informações podem ser obtidas através dos telefones 3882-0133 e 3882-9004.

Mirabelli era um médium que podia manifestar uma ampla gama de fenômenos, como a levitação, a materialização de espíritos e a psicografia. Acredita-se que muitos deles resultavam de suas próprias forças psíquicas, sem o envolvimento de entidades espirituais. Por outro lado, dizem que conhecia alguns truques simples de prestidigitação.

Ficha técnica

Direção Geral e Iluminação:
Robert Coelho

Direção Musical:
Henrique Rabadan

Operação de luz:
Camila Fernandes e Tainá Sauer

Elenco:
Alessandra Daré, Andrea Morato, Beatriz Figueiroa, Beatriz Sales, Bianca Biazon, Carol Galvani, Danilo Batista, Débora Lopes, Deise Amorim Paz, Diane Dierckx, Eliel Guilhen, Eline Cassemiro, Erick de Barros, Fábio Machado, Fernanda Ribeiro, Fernando Vasques, Giovanna Fogaça, Jéssica Florêncio, Juliana Aguiar, Juliana Spadot, Lívia Luciano, Luana Prestes, Luana Serni, Luan Victor, Lucca Ignacio, Mabliane Jacob, Mariane Destefani, Mayara Gomes, Miriam Bassetto, Murilo Andrade, Nayara Gonçalves, Pedro Murari, Rafael dos Santos, Renan Lushon, Rogérinhu Gomes e Sérgio Viana.

Oficina de Trilha Sonora e Sonoplastia:

Bruno Solimão, Daniel Bassetto, José Pimentel, Karen Camargo, Marcos Vinicius, Rodrigo Ribeiro, Rafael Tavares.

Apoio Cultural:
Bilhares Divander

www.notivagosburlescos.blogspot.com

Cruz de São Damião visita a Ema

Por Renato Fernandes

"Nós vos damos graças por essa capela rústica, no meio da natureza”, com essas palavras de fé o frei capuchino Afonso Maria Lorenzon, abençoou a Capela de São Francisco de Assis, localizada na entrada da Escola do Meio Ambiente de Botucatu (EMA).

A solenidade foi marcada pela presença da réplica itinerante da Cruz de São Damião, que está peregrinando pelo mundo para marcar os 800 anos de fraciscanismo no mundo. “A cruz visitará todas as igrejas Franciscanas do país e também os franciscanos doentes”, explica o frei.



A cruz chegou em Botucatu no dia 15 de setembro e seguirá para Conchas, no próximo dia 19. Fiéis interessados em admirar a relíquia religiosa devem visitar o Santuário de Nossa Senhora de Lourdes, local onde a peça está em exposição.

A Capela de São Francisco da EMA, foi recuperada pelos estagiários da escola. A imagem do santo foi modelada por uma das professoras e a inauguração aconteceu no ano passado contando com a apresentação do Coral da EMA, formado por crianças que participam das atividades desenvolvidas pela instituição.

A escola fica na estrada Ítalo Bachhi, s/nº, no Jardim Aeroporto, entre o Cemitério Jardim e o Hospital Psiquiátrico Cantídio de Moura Campos.