maio 19, 2008

Governo não vai recriar a CPMF, garante José Múcio

Agência Brasil

O governo não vai criar nenhum tipo de fonte de recursos como a Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF), mas lança para o Congresso Nacional a responsabilidade de propor fontes de receita para arcar com as despesas que surgirão caso o Congresso aprove a Emenda Constitucional nº 29, que obriga o governo a investir cerca de R$ 20 bilhões em saúde até 2010. A decisão foi tomada hoje (19) durante a reunião de coordenação política.
“Não vai ser recriado", disse o ministro de Relações Institucionais, José Múcio, acrescentando que, da mesma forma que o Senado aprovou a matéria por unanimidade e agora vai para votação na Câmara, "que se procure, se encontre, se proponha uma forma de receita”.
Sobre a possibilidade de o governo vetar a Emenda 29, caso os parlamentares a aprovem sem apontar de onde sairão os recursos necessários, José Múcio disse que no atual cenário a resposta seria sim. “Se você me perguntar qual a solução de hoje, sim, mas não posso responder porque pode parecer uma forma de ameaçar, não é isso. Agora, hoje, não existe essa fonte”.
O ministro sinalizou que caso a iniciativa de propor uma nova fonte de arrecadação parta do Congresso, o governo não irá interferir. “Assim como o governo não foi ouvido para a Emenda 29, o governo também não interferirá se a Casa [Congresso Nacional] criar uma fonte de receita”. Questionado se a proposta poderá partir de aliados, ele respondeu que sim, desde que não seja em nome do governo. “O governo oficialmente não irá propor”.
Segundo ele, o governo não irá propor novo tributo para evitar uma “queda-de-braço” com o Congresso e para afastar o risco de sofrer um outro desgaste como o que ocorreu em dezembro, quando não conseguiu o apoio necessário para prorrogar a CPMF. “O que nós não queremos é viver outra vez o que vivemos em dezembro”.
Múcio reafirmou ainda que o governo não tem recursos para cobrir o gasto que seriam gerados com a aprovação da emenda, que já passou no Senado e deve entrar na pauta da Câmara na próxima semana.
O governo dependeria do Congresso para criar um novo imposto, pois não pode fazê-lo por medida provisória.

Prefeito Ielo recebe visita do Cônsul da Itália

Na tarde da última sexta-feira, 16 de abril, o prefeito de Botucatu, Antônio Mario Ielo recebeu em seu gabinete, a visita do Ministro Plenipotenciário da República Italiana e Cônsul Geral da Itália, Marco Marsilli.
O encontro também contou com a participação do advogado César Pedutti, do representante do Ciesp, Moacir Fernandes Filho e do vice-diretor da Faculdade de Ciências Agronômicas de Botucatu, Sílvio Bicudo e do correspondente consular da Itália, Domingos Scarpelini.

Dentre os vários assuntos em pauta durante o encontro, Ielo mostrou interesse em estreitar o relacionamento com a Itália, inclusive com o interess
e de se adotar uma cidade-irmã com essa nacionalidade. “Temos uma identidade muito grande com a Itália. Essa cultura se faz presente em nossa cidade. Hoje os alunos do ensino municipal têm aulas de italiano, fazendo com que eles se voltem às tradições de seus pais e avós, além de serem iniciados nos estudos de uma terceira língua”, enfatizou.
Para Ielo, essa proximidade pode beneficiar outras áreas, como a cultura, tecnologia e ciências. “A Itália é uma referência em áreas, como o design, a cultura e a música. Botucatu tem muitos músicos e muitos artistas, sendo que essa troca de experiência seria de grande valia. Sem contar a Unesp, onde seria possível fazer um intercambio de experiências na parte tecnológica e científica”, completou o prefeito.

Após o encontro em seu gabinete, Ielo acompanhou a comitiva do cônsul em uma visita a empresa aeronáutica Embraer. Os visitantes conheceram a linha de produção e montagem da empresa, bem como seus processos industriais e produtos finais.

A visita do cônsul a cidade de Botucatu ainda reservou a cerimônia de entrega da honraria “Ordem da Estrela de Solidariedade Italiana” ao Arcebispo Emérito de Botucatu, Dom Antônio Maria Mucciollo. “Ele é uma pessoa que sempre fez muito pelo relacionamento entre Botucatu e Itália, sendo uma figura muito representativa para a comunidade ítalo-brasileira”, enfatizou o cônsul, Marco Marsilli.

Botucatu vence Dois Córregos na Liga Regional de Handebol

As equipes juvenis de handebol de Botucatu entraram em quadra contra Dois Córregos no domingo, 18 de maio, em partidas válidas pela rodada da Liga Regional de Handebol. Os duelos foram disputados no Ginásio Municipal de Esportes, em Botucatu.
No primeiro jogo, o time feminino derrotou as adversárias por 30 a 02. Os gols foram anotados por Jéssica (8), Mayumi (7), Juliana Tozadore (4), Bárbara (3), Helen (2), Cris (2), Ana Paula, Má Leme, Priscila e Biba.
Em seguida, os atletas botucatuenses também venceram os visitantes com certa facilidade, 36 a 12. Paulinho (7), Pedro (6), Marco (6), Thiago (6), Luan (3), Breno (3), Duka (2), André, Pingüim e Samuel marcaram para os donos da casa.
O técnico de Botucatu, José Nélson, fez uma análise dos confrontos. “Fizemos boas apresentações, mas os resultados não demonstram o quanto as equipes estão preparadas para enfrentar as reais dificuldades que teremos nas próximas partidas, principalmente nos Jogos Regionais. Temos que colocar os pés no chão e nos empenhar ainda mais nos treinamentos”, avaliou.
No dia 25 de maio, as equipes femininas, adulta e juvenil de nossa cidade estarão em Jaú para os compromissos diante de Boracéia e as donas da casa, respectivamente.

Triangular – O Ginásio Municipal de Esportes de Botucatu recebeu no sábado, 17 de maio, um triangular que serviu de preparação para a equipe masculina júnior (atletas até 21 anos), que irá disputar os Jogos Regionais de Lins de 02 a 08 de junho.
Participaram do torneio os times adulto de Itatinga e da Medicina Unesp de Botucatu. Confira os resultados.

1º Jogo: Itatinga 28 x 13 Medicina UNESP
2º Jogo: Botucatu 32 x 28 Itatinga
3º Jogo: Botucatu 25 x 17 Medicina UNESP

Esporte Comunitário - As equipes de handebol de Botucatu fazem parte do Projeto “Esporte Comunitário”, desenvolvido pela Secretaria Municipal de Esportes, e contam com o apoio de Zé do Queijo, Cecol e Serv Fone.
As aulas são gratuitas e são realizadas de segunda a sexta-feira no Ginásio Municipal de Esportes. Mais informações podem ser obtidas pessoalmente na Secretaria ou pelos telefones (14) 3882-6261/3882-8100, com o Professor José Nelson.

Música no Parque acontece dia 08 de junho

A Prefeitura de Botucatu, através da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, realizará no dia 08 de junho, o evento Música no Parque, no Parque Municipal Joaquim Amaral Amando de Barros, em comemoração ao Dia Mundial do Meio Ambiente.
A programação terá início às 9 horas e deverá se encerrar às 18 horas. A partir das 11 horas, se apresentará a Orquestra Sinfônica Municipal e, na parte da tarde, às 14 horas, é a vez do Grupo Bate Lata da EMA – Escola do Meio Ambiente e do Grupo Evocação.
Os presentes poderão acompanhar também no evento a III Feira Interativa de Meio Ambiente, com a presença do Lazer Itinerante e espaço para brinquedos e recreação infantil, praça de alimentação, artesanatos, exposições, entre outras atividades, como distribuição de pipoca e algodão doce. Durante o evento será inaugurado o Campo de Malha do Jardim Paraíso e o Campeonato da modalidade.
A Secretaria informa que caso chova no dia, o evento Música no Parque será adiado. Mais informações podem ser obtidas através do telefone 3882-1290 ou pelo e-mail meioambiente@botucatu.sp.gov.br.
Apoio – O Música no Parque conta com o apoio da Câmara Municipal, Corpo de Bombeiros, Diretório Acadêmico de Agronomia e Engenharia Florestal, Grupo Floresta Viva, Instituto Floravida, ONG Instituto Giramundo, Polícia Ambiental, SESI, UNIFAC, Unesp e Secretarias Municipais de Educação, Cultura, Esportes, Turismo e Comunicação.

Confira a programação completa da Semana do Meio Ambiente.

Dia 02 de junho - Abertura da Semana com Início da exposição “Expedição Lavapés, a vida trazida de volta às suas águas”, de 02 a 13 de junho, na Biblioteca campus Lageado
∙ instalação de lixeiras e placas ao longo do Ribeirão Lavapés
∙ Lançamento oficial do Livro Ribeirão Lavapés a vida trazida de volta às suas águas. Distribuição durante a semana de exemplares do livro a todas as instituições de ensino do município.

Dia 04 de junho - Atividades na Fazenda Lageado com plantio às margens do Ribeirão Lavapés, junto aos grupos de estudo da Faculdade de Ciências Agronômicas (CCI, Florestas Sociais, Timbó, Chico Mendes). Apresentação de peça teatral com tema ambiental (manhã).

Dia 05 de junho - Rearborização do Cemitério Municipal com plantio de quaresmeiras. Rearborização da Avenida Nicola Zaponi junto ao NUTRAS e Centro Comunitário Santa Elisa, a partir das 9 horas.

Dia 06 de junho - Inauguração da sede do Viveiro Municipal com doação de mudas para a comunidade, a partir das 10 horas.

Dia 07 de junho - Plantio de mudas nativas junto à comunidade de Rubião Júnior - Casa Santo Inácio, a partir das 10 horas.

Durante toda semana, entre os dias 02 e 06 de junho, serão realizadas atividades na Escola de Meio Ambiente (EMA).

∙ Concurso “O Lugar de Botucatu que eu quero ver preservado” - Desenho para crianças de 06 a 10 anos e Fotografia.

∙ Apresentação da peça teatral “Trilhando o verde” pelo TEMA (Grupo de Teatro da EMA), público-alvo crianças do Ensino Fundamental

∙ Inauguração da Capelinha de São Francisco de Assis, na área da EMA, com a apresentação do coral da Escola do Meio Ambiente.

∙ Lançamento da Cartilha “Ponto a Ponto: Trilha interpretativa da água”, patrocinada pela ABIQUIM (Associação Brasileira da Indústria Química)

∙ Publicação da 17ª edição do Jornal da EMA.

Cepra lidera Jogos Estudantis

O Centro Educacional Professor Reinaldo Anderlini – CEPRA lidera os 22º Jogos Estudantis de Botucatu – categoria “C” para alunos com idade até 17 anos, que estão sendo promovidos pela Secretaria de Esportes.
O Cepra soma 44 pontos contra 41 do Colégio Santa Marcelina. Em terceiro lugar aparecem Seta e Aitiara com 26 pontos, seguidos pelo La Salle com 25. Em sexto lugar está a Escola Dom Lúcio, com 24 pontos.
Neste final de semana, dias 17 e 18 de maio, foram definidos os campeões nas modalidades de damas, xadrez, cabo de guerra e atletismo.
Confira a galeria dos campeões.

Damas - 1º - Dom Lúcio; 2º - La Salle; 3º - Cepra
Xadrez - 1º - La Salle; 2º - Industrial; 3º - Cepra
Cabo de guerra masculino - 1º - Seta; 2º - Cepra
Cabo de guerra feminino - 1º - Santa Marcelina; 2º - Cepra; 3º - Seta
Atletismo masculino - 1º - Cepra; 2º - Aitiara; 3º - Santa Marcelina
Atletismo feminino - 1º - Cepra; 2º - Santa Marcelina; 3º - Aitiara

Próximos Jogos - Os Jogos Estudantis prosseguem nesta terça-feira, 20 de maio, às 14 horas, no Campo Society da Unifac. No primeiro jogo, decidem o terceiro lugar do futebol society masculino as equipes do 24 de Maio e Santa Marcelina.
Em seguida, Cepra e Armando Salles decidem o título no feminino e, fechando a rodada, Cepra e La Salle disputam o título do masculino.
Ainda nesta terça-feira, será definido o campeão do basquete masculino. O confronto será disputado no Ginásio I do Colégio La Salle entre o La Salle e a Escola Aitiara.
No Ginásio II, serão realizadas duas partidas de voleibol masculino, entre Cepra X Santa Marcelina e Aitiara X Seta.

Resultados do Atletismo

Masculino:
100m
1º Daniel Pontes Zanella – Aitiara – 12”00
2º Gustavo Fernandes Morato – Santa Marcelina – 12”19
3º Vinicius Maziero – Cepra – 12”64
200m
1º Tobias Henrique Bernardo – Santa Marcelina – 25”66
2º Gustavo Fernandes Morato – Santa Marcelina – 26”05
3º Lucas Siqueira Braz – Cepra – 26”45
800m
1º Ítalo Mendes Guassu – Dom Lúcio – 2’36”82
2º Heitor Pereira Riatto – Cepra – 2’37”55
3º George H. Murback – Aitiara – 2’37”58
4x100
1º Cepra (Guilherme, Lucas, Artur e Vinicius) – 50”56
2º Santa Marcelina (Lucas, Tobias, Matheus e Gustavo) – 53”13
3º Aitiara (Daniel, Isaias, George e Pedro) – 53”16
Arremesso de Peso
1º Guilherme Henrique Santos – Cepra – 10m34
2º Jonathan Bianchi – Aitiara – 8m50
3º Giovani da Silva Rosa – Cepra – 7m82
Salto em Extensão
1º Daniel Pontes Zanella – Aitiara – 5m44
2º Vinicius Maziero – Cepra – 5m02
3º Guilherme Henrique Santos – Cepra – 4m90
Salto em Altura
1º Daniel Pontes Zanella – Aitiara – 1m55
2º Derick Francisco Calcini – Cepra – 1m50
3º Ítalo Mendes Guassu – Dom Lúcio – 1m40
1.500m
1º Isaias J. L. Andrade – Aitiara – 5’22”80
2º Érico Frederico Zordan – Seta – 5’26”36
3º Lucas Cury da Silva – Santa Marcelina- 5’32”97

Feminino:
100m
1º Daniele Rodrigues dos Santos – Cepra – 14”40
2º Paula Spadotto Fumis – Cepra – 15”12
3º Dariane Beatriz M. Cardoso – Santa Marcelina – 15”24
200m
1º Daniele Rodrigues dos Santos – Cepra – 32”53
2º Dariane Beatriz M. Cardoso – Santa Marcelina – 32”93
3º Malvira Parré – Aitiara – 33”77
400m
1º Paola Fernanda dos Santos – Cepra – 1’30”23
2º Paula Spadotto Fumis – 1’34”43
4x100
1º Cepra (Paula, Paola, Daniele e Bárbara) – 1’03”40
2º Santa Marcelina (Giovana, Amanda, Dariane e Amanda) – 1’03”88
3º Aitiara (Malvina, Milena, Sofia e Fabíola) – 1’15”97
Arremesso do Peso
1º Carla M. C. Penteado – Aitiara – 7m95
2º Amanda Bizarro Viriato – Santa Marcelina – 7m79
3º Mariana Império – Cepra – 5m48
Salto em Extensão
1º Daniele Rodrigues dos Santos – Cepra - 4m14
2º Fabiola V. Rodrigues – Aitiara – 3m47
3º Ana Clara Pereira Delgado – Santa Marcelina – 2m63
1.500m
1º Sofia Bitar – Aitiara – 7’36
Salto em Altura
1º Paula Spadotto Fumis – 1m29

Educação inicia inscrições para Supletivo Municipal nesta terça-feira

A Prefeitura de Botucatu, através da Secretaria Municipal de Educação, comunica que as inscrições para o Supletivo Municipal de 1ª série do ensino fundamental a 3ª série do ensino médio podem ser feitas a partir desta terça-feira, dia 20 de maio.
Os interessados devem se dirigir ao prédio da própria Secretaria e apresentar o comprovante de residência, carteira de identidade e um comprovante da última série que freqüentou.
O prazo para a procura termina no dia 10 de junho e as inscrições serão aceitas apenas no horário de expediente, das 8 às 11 horas e das 13h30 às 17 horas.
A Secretaria de Educação encontra-se nas dependências do CEMEP - Centro Municipal de Educação Permanente, localizado à Praça Dom Luiz Maria de Santana, 176, atrás da Catedral. Mais informações podem ser obtidas através do telefone 3814-1114.

Rockwell, Prankster e Palahard vencem o I Rock S/A

Banda Rockwell vencedora do primeiro Rock S/A
faturou uma gravação em estúdio profissional


Depois de cinco horas de apresentações de bandas concorrentes e do show de lançamento do CD do grupo de skacore Rudennes, a organização do I Rock S/A divulgou os vencedores do festival que aconteceu na tarde do último domingo, dia 18, no teatro Gino Carbonari, em Botucatu. A banda Rockwell foi a primeira colocada e faturou, além de troféu e um prêmio em dinheiro, seis horas de gravação no estúdio S/A. Na segunda colocação ficou a Prankster, que levou pra casa um troféu, um prêmio em dinheiro e fará, no dia 8 de agosto, a abertura do show da banda Massacration; na terceira posição, ficou a Palahard, que faturou acessórios musicais e um troféu.
O nível das bandas concorrentes foi considerado muito bom pelos jurados e pela organização. De acordo com o jurado Guilherme Mota, a decisão foi difícil. "As bandas se esforçaram bastante e não foi fácil chegar a esse resultado final", disse.
O vocalista da RockWeel, Rafael Santiloni, disse que os prêmios são estimulantes. "Todas as bandas estão de parabéns, o festival teve uma organização impecável e todos (grupos) ensaiaram muito, porque os prêmios são realmente importantes", comenta.
A banda Rudennes também elogiou a organização. "Quero parabenizar a organização e a escola Artistas S/A pelo excelente festival, nível de primeiro mundo, quando começamos não tínhamos eventos com esse nível de profissionalismo", disse o vocalista Maurício Ganso, durante a apresentação da banda.
Segundo a proprietária da escola Artistas S/A, Fabaiana Godoy, os objetivos do festival foram alcançados e no segundo semestre deve acontecer a segunda edição do evento. "Foi muito bom o evento, deu tudo certo, foi um festival da paz, sem nenhum tipo de problema e as bandas mostraram um ótimo trabalho, repertórios diversificados, foi muito gratificante", explica.
Bandas e repertórios:
A banda Rockwell mostrou muita desenvoltura, um repertório de Rock/Pop baseado em grandes nomes nacionais e internacionais, como U2 e Mamonas Assassinas. "Foi muito legal, quando começamos a tocar o público veio para bem perto do palco e vibrou bastante, uma energia muito boa", disse o vocalista Rafael.
A banda Prankster apresentou um repertório na mesma linha, com destaque para os covers da banda californiana Red Hot Chilli Peppers.
A Palahard diferenciou-se de todas as demais, a banda apresentou somente trabalhos autorais, baseados em Rock e reggae.
Mais informações, fotos e a cobertura completa do festival: www.artistassa.com.br

Rosa Nepomuceno lança o livro “O Jardim de Dom João”, em Botucatu (Com vídeo)



Por Renato Fernandes

A escritora Rosa Nepomuceno estará em Botucatu no mês de junho, para participar do evento “Portugal Presente em Botucatu”, nos dias 9 e 10 de junho, participando de atividades variadas.
No dia 9, a autora receberá o "Título de Membro Honorário" da Academia Botucatuense de Letras e às 20h30 , será homenageada pelo vereador Caldas, durante Sessão da Câmara Municipal.
No dia seguinte, às 9h30, ela participa de um café da manhã no Jardim Botânico do IBB e Biblioteca do Campus da Unesp, onde ministrará a palestra, “A importância dos Jardins Botânicos”, no Herbário. Em seguida ela visita a Biblioteca do Campus.
À noite Nepomuceno promove uma noite de autógrafos do livro “O Jardim de Dom João”, na Livraria Nobel, a partir das 19h30.
Quem é - A jornalista botucatuense, Rosa Nepomuceno, radicada no Rio de Janeiro há 27 anos.
Na década de 1970, quando chegou à capital carioca, cultivou plantas no seu sítio em Nova Friburgo, abriu uma empresa de paisagismo, fez jardins e escreveu sobre o assunto e também sobre gastronomia em diversas publicações durante os anos 80.
No início dos 90, trabalhou como repórter de cultura do jornal O Globo, como assessora de imprensa para instituições culturais e colaborou com a revista Vogue. Em 1999, publicou o livro Música Caipira da Roça ao Rodeio (Editora 34), com o qual recebeu o prêmio Clio 2000, conferido pela Academia Paulistana de História. A partir daí, concentrou-se nas pesquisas sobre o universo de ervas e especiarias. É colunista de Aromas, da revista Cláudia Cozinha, apresenta workshops sobre o tema, criou uma linha de temperos artesanais e é consultora de empresas de alimentos.

Aprovados no supletivo devem retirar diploma nas escolas a partir desta terça-feira

Os cerca de 70 mil aprovados no exame supletivo da Secretaria de Estado da Educação devem retirar os diplomas a partir desta terça-feira, 20 de maio, nas escolas onde fizeram as provas.
Os candidatos prestam o exame supletivo para concluir estudos em determinadas áreas. Cerca de 28 mil pessoas conseguiram o certificado de conclusão total do ensino e podem retirar o documento. Outras 42 mil pessoas aprovadas vão receber um atestado por terem passado em determinado nível (matemática, língua portuguesa, ciências etc).
Para receber o documento é preciso apresentar documento de identidade. Todas as escolas já receberam os diplomas da Secretaria O aprovado recebe seu documento na hora.
"É um passo muito importante na vida de algumas pessoas. Ter um certificado significa melhora de vida, conseguir um emprego melhor para alguns. O supletivo proporciona isso", afirma a secretária de Estado da Educação, Maria Helena Guimarães de Castro.
Cerca de 255 mil pessoas fizeram a prova em março. Para o Ensino Fundamental os candidatos precisavam ter idade mínima de 15 anos. Para Ensino Médio somente podem participar da prova pessoas com no mínimo 18 anos completos.
Para ser aprovado o candidato precisa acertar, no mínimo, 50% do total de questões da prova de cada área. Para se aprovado na área de Linguagens e Códigos, tanto para o Ensino Médio quanto para o Ensino Fundamental, é preciso acertar 50% da parte objetiva e 50% da redação, pois ambas são eliminatórias.

Presos tentam fugir da Cadeia Pública de Botucatu

Por Renato Fernandes

No dia 18, domingo, 23 presos da cela sete da Cadeia Pública de Botucatu tentaram fugir fazendo um buraco na parede da cela sete, usando como ferramentas uma talhadeira, manivela, garrafa pet e uma tereza. A tentativa foi descoberta pelo carcereiro que ao retirar os restos de comida das celas percebeu que as marmitas estavam com excesso de pedras e terra.
Desconfiado o carcereiro notificou as autoridades policiais que checaram as paredes externas das celas, ouvindo o barulho de escavação na cela sete.
O buraco daria para o pátio do Ciretran - Circunscrição Regional de Trânsito. Atualmente a cadeia de Botucatu está com uma população carcerária superior a 220 presos, a capacidade da unidade é para 60 pessoas. Atualmente cada cela é dividida por cerca de 20 detentos.
Devido à superlotação, os detentos da cela sete não forma remanejados ou transferidos, para garantir a segurança e evitar fugas houve reforço na segurança externa da cadeia.
Mais informações na edição de amanhã do jornal Diário da Serra.

Links relacionados
Cadeia tem a 4ª tentativa de fuga no ano

Cirurgias de vasectomia e laqueadura crescem 70,48% na região de Sorocaba

O número de cirurgias de laqueadura e vasectomia realizadas pelo Sistema Único de Saúde (SUS) no Estado de São Paulo cresceu 11,56% em 2007. É o que aponta balanço recém concluído pela Secretaria de Estado da Saúde. Na região de Sorocaba esse aumento foi de 70,48%. Em 2007, foram feitas 2.264 cirurgias. Já em 2006, esse número foi de 1.328.
Em todo o Estado, foram feitas 35.855 cirurgias em 2007, sendo 17.421 laqueaduras e 18.434 vasectomias. São 3.700 procedimentos a mais que em 2006, quando foram realizados 32.139. Só a Grande São Paulo fez 20.457 operações (8.832 laqueaduras e 11.625 vasectomias) em 2007. Se comparado com 2006, quando foram realizados 18.082 procedimentos, esse valor é 13,13% superior.
O aumento deve-se ao constante incentivo e capacitação oferecida pela Secretaria aos profissionais da saúde da rede pública, municipal e estadual, sobre a importância dessas duas cirurgias no planejamento familiar. “Soma-se a isso o Programa de Saúde da Mulher, criado em 2007, e o crescimento espontâneo de homens interessados em fazer a vasectomia”, diz Tânia Lago, coordenadora do Programa de Saúde da Mulher da Secretaria.
Para realizar uma laqueadura, ou ligadura de trompas, por meio do SUS, a mulher precisa ter mais de 25 anos ou dois filhos vivos. O mesmo vale para os homens. Em ambos os casos, os interessados devem procurar uma Unidade Básica de Saúde, onde preencherão um termo de concordância e serão avaliados por médicos e psicólogos. Depois, os pacientes são encaminhados a um centro de saúde ou hospital para a realização da cirurgia.
A mulher que realiza uma laqueadura não poderá mais engravidar. Já o homem que faz uma vasectomia pode voltar a ter filhos, uma vez que o procedimento é reversível.