abril 10, 2008

Sábado tem Biribol nos Jogos Industriários do Sesi

Depois de quatro anos fora do programa oficial dos Jogos Industriários do Sesi (JOIS), a modalidade de Biribol está de volta à competição. Os jogos serão realizados neste sábado, dia 12, a partir das 14 horas, na piscina de Biribol do Sesi de Botucatu. A decisão do retorno do esporte foi tomada pela organização depois da solicitação feita por várias empresas participantes do JOIS durante as reuniões ordinárias de trabalho.
Cada equipe deve ser composta por quatro atletas e a forma de disputa será a dupla eliminatória. As regras da modalidade são bem semelhantes as do voleibol, inclusive com o rodízio do saque. “Como foi um pedido das empresas, nossa expectativa é bastante positiva”, afirma Artêmio Montanha, coordenador de Esportes do Sesi.
Natação – No último sábado, dia 5, foram realizadas as provas de natação dos JOIS 2008. A Duratex ficou com o título geral com 85 pontos, seguida pelos Bombeiros com 60, Embraer com 32 e Sabesp com 12.

AAB será sede do Campeonato Regional de Judô

Neste sábado, 12 de abril, a partir das 8 horas, no ginásio I da Associação Atlética Botucatuense, será disputado o Campeonato Regional de Judô.
Organizado pela 3ª delegacia regional – Centro Sul, da Federação Paulista de Judô, a competição é classificatória para o Campeonato Estadual do Interior e contará com os principais judocas da região.
Deverão estar presentes judocas das academias de
Botucatu, Jaú, Manduri, Itaí, Santa Cruz do Rio Pardo, Barra Bonita, Avaré, Bauru, Ourinhos e Pederneiras.
As disputas acontecerão durante todo o dia e a entrada é franca.

Pão de Açucar e Unilever inauguram estação de reciclagem em Botucatu

A cidade de Botucatu recebe a partir desta sexta-feira, dia 11, o programa Estações de Reciclagem Pão de Açúcar-Unilever. Os postos de coleta de material reciclável estarão presentes na loja Pão de Açúcar, situada na Rua Coronel Fonseca, 444, Centro.
Localizada na área externa da loja, a estação conta com coletores coloridos destinados ao descarte de material reciclável: verde para vidros, amarela para metais, azul para papéis e vermelhas para plásticos. Além dos resíduos citados, os consumidores também poderão descartar óleo de cozinha usado, que será encaminhado para a produção de biocombustível. "Buscamos antecipar tendências e oferecer alternativas viáveis e cotidianas para minimizar os impactos do consumo sempre alinhados com as necessidades dos nossos clientes que se mostram cada vez mais antenados às questões que envolvam a preservação do meio ambiente, como por exemplo as Estações de Reciclagem", declara João Edson Gravata, diretor de operações da rede Pão de Açúcar.
Para Juliana Nunes, diretora de Assuntos Governamentais e Socioambientais da Unilever Brasil, "a ação com o Pão de Açúcar reflete o comprometimento da Unilever com o desenvolvimento sustentável. Além disso, essa experiência também permite que as marcas Omo, Knorr, Ades e Rexona, apoiadoras do projeto, contribuam, com legitimidade, para a conscientização dos consumidores sobre a importância da reciclagem".
Presente em nove estados brasileiros (São Paulo - Baixada Santista, Capital, Grande São Paulo e Interior, Brasília, Curitiba, Fortaleza, Goiânia, João Pessoa, Recife, Rio de Janeiro e Teresina), o projeto Estações de Reciclagem Pão de Açúcar-Unilever, criado em 2001, já arrecadou mais de 25 mil toneladas de material. Com todo esse volume de embalagens pós-consumo coletadas e recicladas, o programa é referência por sua eficiência e sustentabilidade, refletindo as mudanças nos hábitos de consumo dos brasileiros e a grande aceitação do público para projetos de preservação ambiental, incentivadas por iniciativas como esta.
Se o volume de material já é sinônimo de um projeto vencedor, o caráter social das Estações de Reciclagem Pão de Açúcar-Unilever faz com que essa seja uma das mais bem sucedidas ações de preservação ambiental aliada à inclusão social realizada pela iniciativa privada. O projeto, além de envolver os consumidores acerca da causa do consumo consciente e colaborar com a proteção do meio ambiente, gera 400 posições de trabalho incluindo atendentes dos postos, além de coletores e triadores de materiais, que fazem parte das 21 cooperativas de catadores cadastradas no programa.

GRUPO PÃO DE AÇÚCAR
Não há como se imaginar o crescimento das empresas descolado das questões sociais e ambientais. Em todos os seus processos, o Grupo Pão de Açúcar busca alinhar a melhoria contínua das condições sócio-ambientais e minimizar as ações potencialmente agressivas ao meio ambiente.
O Grupo trabalha incansavelmente para garantir aos diferentes perfis de clientes a melhor experiência de compra, não só pela qualidade dos produtos oferecidos e melhoria dos serviços prestados, mas também pela contribuição dada pela empresa para a construção de uma sociedade mais justa e sustentável.
Dentro do conceito triple bottom line, o Grupo Pão de Açúcar desenvolveu uma política estruturada de marca com ações sustentáveis e que respeitam o posicionamento e atuação de suas redes de varejo - Pão de Açúcar, CompreBem, Sendas, Extra, e Extra Eletro.
Divididas em três grandes causas, as estratégias da companhia são definidas nos seguintes escopos: bem estar pessoal, desenvolvimento comunitário e sustentabilidade do consumo e todas essas frentes contam com programas de longo prazo.
A exemplo das Estações de Reciclagem Pão de Açúcar-Unilever, para oferecer uma alternativa ao uso das sacolas plásticas e diminuir o impacto dessas embalagens no meio ambiente, em março de 2005, a rede iniciou a comercialização de sacolas retornáveis. Foi a primeira empresa do varejo brasileiro a oferecer essa alternativa aos consumidores e, em parceria com a Fundação S.O.S. Mata Atlântica, disponibiliza quatro modelos colecionáveis com estampas de animais em extinção, cuja venda tem parte da renda revertida para os projetos ambientais da Fundação. Somadas às demais opções de embalagens retornáveis, a rede já vendeu 168.000 unidades de sacolas em todo o Brasil.
O Grupo também já implantou programas eficazes de redução no consumo de energia e verifica importantes avanços no que diz respeito à ecoeficiência ao longo de toda cadeia de geração de valor. Faz parte também dessa estratégia, disseminar a experiência para outras empresas e comunidades trabalhando com campanhas e programas de estímulo envolvendo clientes e colaboradores do grupo.

Mônica Serra prestigia abertura dos Jogos do Idoso em Botucatu

Abertura dos JORI – Jogos Regionais do Idoso contou com a presença da primeira dama do Estado, Mônica Serra, que antes do início da solenidade, ao lado do prefeito de Botucatu, Antonio Mário Ielo e da presidente do Fundo Social de Solidariedade de Botucatu, Roseli Ielo, atendeu a imprensa presente.
Também prestigiaram o evento, o vice prefeito, Valdemar Pereira de Pinho e o secretário de Esportes de Botucatu, Nivaldo Ceará, o presidente da Nossa Caixa, Marcos Eduardo Ferreira e o secretário de Esportes, Lazer e Turismo do Estado de São Paulo, Claury Alves da Silva.
Um espetáculo multimídia, unindo teatro, dança e vídeo, foi o que marcou a abertura, que durou cerca de 30 minutos. Com a participação de mais de 300 artistas a peça teatral abordou a história de Botucatu, desde a sua fundação aos dias de hoje, com bons ares, boas escolas e boas indústrias.
O secretário de Esportes do Estado destacou os grandes atletas que a cidade possui. “Além dos bons atletas, Botucatu recebe o presente do Governo do Estado em sediar os Jogos do Idoso. Parabéns a todos os participantes que alavancam ainda mais esta integração social com a prática de esportes”, comentou Claury Alves.
Rose Ielo agradeceu a oportunidade que a cidade teve de realizar um grande evento. “Agradeço a doutora Mônica por permitir a realização dos Jogos em nossa cidade. Botucatu por si só é uma cidade acolhedora, e para uma boa estadia com condições para realização das competições, a Prefeitura vem se dedicando incansavelmente para a realização do melhor JORI da história”, disse.
O prefeito Antonio Mário Ielo, destacou a importância deste evento para a cidade. “Para mim o JORI tem o mesmo valor que os Jogos Abertos do Interior, que aconteceu em 2005. Desejo a todos os atletas um bom acolhimento, onde além de estarem em Botucatu pelos jogos, como uma feliz coincidência é aniversário da nossa cidade e a presença dos competidores vem para abrilhantar ainda mais nossas comemorações”, enfatizou o prefeito desejando boas vindas a todos.
Mônica Serra falou sobre a qualidade da abertura. “Tudo saiu perfeito, a festa foi magnífica. Fiquei emocionada com a qualidade do espetáculo. Botucatu é uma cidade especial e digo três coisas para isso: o povo que tem história tem futuro, o povo que tem arte tem alma e o povo que tem dança é um povo que tem futuro no Estado e no Brasil. Botucatu esta de parabéns!”, finalizou a primeira dama do Estado.

Autoridades elogiam abertura dos JORI

A abertura dos 12º JORI – Jogos Regionais do Idoso, realizada na noite da última quarta-feira, dia 09 de abril, emocionou o grande público presente no Ginásio Municipal de Esportes e arrancou elogios da primeira dama do Estado, Mônica Serra.
O tema escolhido foi a história de Botucatu. Num verdadeiro espetáculo teatral, os “atores” conseguiram mostrar um pouco da formação de nossa cidade. Mais de 300 pessoas, desde crianças até a terceira idade, participaram do espetáculo que durou aproximadamente 30 minutos.
Tudo começa com a avó que está fazendo uma corrida juntamente com seus três netos. Quando param, os três começam a fazer perguntas sobre a cidade e a avó conta como Botucatu foi formada. Conforme ela narrava os atores entravam em cena para vivenciar a época que estava em destaque.
A emoção tomou conta, não só dos botucatuenses que lotaram as dependências do ginásio, mas também dos atletas de outros municípios e das autoridades presentes. Após cada apresentação os atores arrancavam os aplausos da platéia.
Para a primeira dama do Estado, Mônica Serra, a abertura dos JORI em Botucatu foi uma das mais bonitas já realizadas. “Fiquei emocionada com a qualidade do evento e tudo o que foi preparado para esta festa em homenagem aos atletas da terceira idade. Tudo muito bem organizado, foi uma das aberturas mais bonitas que já vi. Vocês estão de parabéns”, discursou.
O espetáculo de abertura esteve a cargo da coreógrafa, Flávia Fazzio e da roteirista e diretora cênica, Solange Rivas. O diretor da abertura foi Jovano Tortorella.
A produção do show de abertura dos JORI – Jogos Regionais do Idoso, contou com participantes da Associação dos Moradores do Parque Marajoara, Cia de Dança de Salão Fábio e Mônica, Corpo de Dança da Oficina da Dança, Fundação Casa das Meninas, Grupo de Capoeira Cordão de Ouro, Grupo de Dança Reviver, Grupo de Dança Salm Baraká do Recanto Árabe, Grupo de Dança da Associação Botucatuense de Cultura Japonesa, Grupo de Dança Sênior, Grupo de Teatro Estrela da Manhã, Projeto Evoluir do Parque 24 de Maio, Mexa-se da Ferroviária, Nova Aurora, PIEC – Projeto Social do Jardim Monte-Mor, Terceira Idade Feliz, Time de Vôlei da 3ª Idade da Associação Atlética Botucatuense, União Cultural Negra e convidados.

Dois casos de tráfico na região de Botucatu

Por Flávio Fogueral

A região de Botucatu registrou na última quarta-feira dois casos de tráfico de entorpecentes que ao todo, contabilizaram 1 quilo de cocaína pura e 28 kg de maconha em apreensões. Todos os envolvidos estão presos.
O primeiro caso foi registrado pela polícia civil na última quarta-feira. O fato ocorreu na Avenida Vital Brazil quando policiais da Delegacia Sobre Investigações de Entorpecentes abordaram Nilsa P. Com a mulher foi apreendido um quilo de cocaína pura que, segundo a polícia, seria possível a manufatura de mais de 3 mil papelotes da droga. Ainda com a mesma foram encontrados dois aparelhos celulares e mais R$ 121 em dinheiro.
Para a polícia, a indiciada alegou que a droga não era dela e que havia chegado de São Paulo no momento da abordagem e que aguardava um disque-moto. Nilza não forneceu maiores detalhes e a polícia a encaminhou para a Cadeia Feminina de Itatinga.
Já outro fato de tráfico de drogas aconteceu na manhã de ontem, por volta das 8h10, no quilômetro 280 da Rodovia Castello Branco (SP 280), nas proximidades de Avaré.
Na ocorrência, a Polícia Militar Rodoviária, durante abordagem a um ônibus da Viação Garcia, que fazia o trajeto Fox do Iguaçu-Campinas, perceberam que dois passageiros se mostravam nervosos. Eder Eduardo e João Marcelo Ferreira de Lima alegaram aos policiais que não tinham bagagem, mas os mesmos ao solicitarem as passagens constataram um bilhete de bagagem. Durante revista a uma mala preta, foram encontrados 28 quilos de maconha em 23 tabletes escondidos embaixo de roupas. Começou então um jogo de empurra, com os dois indicados negando a posse da droga. Ambos foram conduzidos até a delegacia local e estão à disposição da Justiça.

Sistema de busca do Rapidshare e 4shared


Os dois principais sites hospedeiros de arquivos, o Rapidshsare e o 4share mantém sistemas de buscas pouco conhecidos pelos internauta padrão. O sistema é gratuito e não exige qualquer tipo de cadastro, entretanto é falho já que disponibiliza apenas os arquivos postados por seus usuários.
Uma dica para facilitar a busca é utilizar palavras e sentenças simples. Lembre-se que os nomes dos arquivos são dados pelas pessoas que os postam e a possibilidade de erro gramaticais são altas.
Apesar disso ambos os sistemas me agradam e antes de deixar o meu micro lento com programas P2P eu sempre faço uma busca em ambos os sites, e na maioria dos casos obtenho sucesso.
Lembre-se, mantenha o antivírus atualizado, um bom firewal e programas anti spyware sempre ativados. Apesar de úteis a incidência de infecções nesses sites são enormes.

Busca no RAPIDSHARE (www.rapidshare1.com/)
Busca no 4SHARED (http://www.4shared.com/network/search.jsp)



Amigos.com

Cadastre-se no Amigos.com e encontre a sua alma gêmea, ou simplesmente ache alguém para bater papo