janeiro 29, 2008

O museu particular de Jairo Pires


Por Renato Fernandes
Fotos Denise Rocha / Diário da Serra

O contador dos Correios aposentado, Jairo Pires de Campos, mantém em sua casa um museu particular de dar inveja a muitos acervos existentes na região.
Em três cômodos de sua residência ele acumula objetos que contam um pouco da história de sua família, do município e do bairro onde reside, a Vila Santa Catarina, região próxima à Vila Jardim.
“Não me considero um colecionador, apenas guardo alguns objetos por satisfação pessoal”, explica.
A coleção é organizada, catalogada e muito bem preservada, apresentando peças como um antigo telefone a manivela, máquinas de escrever de várias épocas, máquinas fotográficas, dentre outros objetos.
“Não procuro os artigos, às vezes, quando saio de casa e encontro alguma peça que go
sto à venda, eu as compro, outras eu ganho de parentes”, disse.
A coleção começou na garagem, que precisou ser transformada em sala. “Comecei a juntar as coisas aqui na garagem e quando percebi precisei levantar as paredes. Logo já estava transformando a lavanderia da residência em outro cômodo para abrigar as peças”, relata.
O acervo é grande é contempla ainda documentos, plantas residenciais, réplicas e uma infinidade de fotografias. “Apenas da Ferrovia devo ter mais de mil fotos. Sou um apaixonado pela ferrovia, e sempre a fotografei. Também tenho um carinho especial pelos objetos que contam a história da Estrada Sorocabana”, disse, enquanto mostrava peças como campainha, telefones, lampião e até mesmo um tijolo produzido nas olarias da extinta RFFSA - Rede Ferroviária Federal.

A importância histórica do Acervo se confunde com o valor sentimental que ele alimenta pelos artigos. Quase todas as peças contam um pouco da história da família e do próprio colecionador, como é o caso da fotografia que mostra o primeiro prédio de três andares construído na cidade. “Lembro-me que nesse prédio eu fui com uma tia para comprar móveis e um desses móveis, um guarda-roupa, ainda está comigo”, explica.
O cuidado com as peças pequenas é extremo. O aposentado as guarda em prateleiras de vidro iluminadas. “Esses objetos me lembram o passado e tenho um carinho nostálgico por esse acervo”, relata.
Esse carinho transparece nos detalhes, como a banheira totalmente recuperada que está instalada ao lado do portão da residência. “Tinha uma banheira parecida com essa na casa de meus avós’, disse.
Cauteloso com seu acervo o colecionador opta em não revelar o seu endereço. “Eu guardo esses objetos por uma questão pessoal apenas, não para exibir ao público”, disse.

Stradivarius do colecionador ganhou fama em Santos
O hábito em adquirir objetos antigos sempre acompanhou Jairo Pires de Campos. Na década de 70, por exemplo, ele adquiriu um violino de um amigo e descobriu que o instrumento poderia ser um Stradivarius, marca reconhecida pela qualidade do som e seu alto valor.
A história foi descoberta por jornalistas do jornal Cidade de Santos em 1972 e acabou estampando as páginas do periódico. “O instrumento foi arrematado em um leilão por esse amigo e acabei comprando dele em seguida”, explica.
A notícia se espalhou e para garantir a integridade de sua família e a segurança em seu lar Jairo decidiu alugar um cofre em um banco apenas para guardar o violino. “É uma peça muito cara e que eu não poderia guardar em casa devido ao seu valor”, explica.
Para ter certeza de que o instrumento era realmente um Stradivarius ele escreveu uma carta para o National Consevatory, de Nova Iorque, mas não obteve resposta.
“Acabei devolvendo o instrumento para o meu amigo pelo mesmo valor que eu paguei. A família dele estava sentindo falta do instrumento e não fiz conta em devolver”, disse.

O sonho de lançar livros
Na sala de Jairo Pires o computador destoa dos demais objetos, é nele que ele aproveita para escrever dois livros, um contando a história de sua família e uma segunda relatando história da região onde ele vive. “Um dia eu estava fuçando alguns documentos e encontrei algumas escrituras de meus antepassados. Analisando descobri que essa região onde moro hoje, no passado pertenceu a meus parentes”, explica, sobre o interesse.
Ambas as obras estão em fase de finalização e devem ser lançadas em breve.




Arma não letal é adotada pela Guarda Municipal de Laranjal Paulista

Do site da PRefeitura Municipal de Laranjal Paulista

No dia 11 de janeiro, na sede do Clube Recreativo Comercial, aconteceu a solenidade do 5º aniversário da Guarda Civil Municipal de Laranjal Paulista. Na ocasião foi entregue armas TASER, aos guardas municipais enquanto que o Prefeito Roberto Fuglini, em seu discurso, salientou que a Lei Federal 10.826 proíbe o uso de arma letal pelos GMs, em cidades com menos de 50 mil habitantes; tal Lei, deixa a corporação em situação de risco e sem ação em horas perigosas na qual bandidos se encontram armados.

Além de Laranjal Paulista mais três cidades do Estado de São Paulo adotaram a TASER em suas Guardas Civis, que é uma arma não letal, mas com capacidade de imobilizar o indivíduo através de uma descarga elétrica que provoca a interrupção da comunicação do cérebro com os músculos, sem causar danos à saúde, cuja utilização é de uso exclusivo das forças policiais.
Após pesquisas, a Guarda Civil Municipal optou pela TASER como arma não letal pela sua praticidade e eficiência. Cada vez que a arma é utilizada a data e tempo dos disparos são armazenados e transferidos para um computador; além do registro na própria arma, a cada disparo são lançadas etiquetas de identificação com o número do cartucho disparado, permitindo, de maneira precisa, identificar qual guarda que disparou. Toda a corporação recebeu cursos preparatórios para a utilização correta dessa arma, estando assim devidamente aptos para o uso.

Atuação da GCM em Laranjal Paulista
Legalmente é dever da Guarda Municipal à proteção dos bens, serviços e instalações do Município. Contudo, para Guarda Municipal de Laranjal Paulista, o maior bem do Município é sua população, sendo seu principal foco o bem estar dos munícipes.
A Guarda Civil Municipal conta com 35 guardas sendo que 4 desempenham funções no Corpo de Bombeiros com sede no Município de Tietê através de um consórcio intermunicipal. Dentre outras funções a Guarda Municipal atua nas escolas, realizando a travessia de ruas dos estudantes, proporcionando proteção a professores e alunos. Os GMs também atuam no auxílio às polícias civil e militar desempenhando funções próprias dessas polícias em detrimento das carências das mesmas. Atua na proteção de praças, prédios públicos, além do patrulhamento realizado nos distritos e zonas rurais. É um trabalho voltado ao combate preventivo a criminalidade, através da presença de GMs em pontos estratégicos da cidade. Conta com o monitoramento através de câmeras na estação rodoviária, o que evita consideravelmente a ocorrência de delitos que ali possivelmente venham a ser praticados.

Secretaria de Educação divulga relação de vagas remanescentes para o Ensino Infantil

Secretaria Municipal de Comunicação - Botucatu

A Prefeitura de Botucatu, através da Secretaria Municipal de Educação, comunica a população a relação de vagas remanescentes em escolas de educação infantil para o ano letivo de 2008.
Os interessados devem comparecer diretamente na escola, no período de 29 a 31 de janeiro de 2008, no horário das 8 às 11 horas e das 13 às 16 horas, munidos dos seguintes documentos: xerox de certidão de nascimento da criança, comprovante de residência [água, luz ou telefone], documento de identificação do pai ou responsável e comprovante salarial.
Click no link abaixo para conferir a relação de vagas, escolas e etapas de ensino com vagas disponíveis:
Links Relacionados:
relação de vagas

Prefeitura inicia terraplenagem no terreno que vai abrigar Pronto Socorro

Secretaria Municipal de Comunicação - Botucatu

A Secretaria de Obras iniciou na última sexta-feira, dia 25 de janeiro, a limpeza e terraplenagem no terreno que vai abrigar o Pronto Socorro Municipal.

O terreno está localizado à Rua Joaquim Lyra Brandão, esquina com a Rua Costa Leite, na Vila Assunção. No local estão sendo utilizados dois caminhões, uma máquina pá carregadeira e uma moto niveladora.
Inicialmente foi feito um corte no terreno, onde será o andar inferior do prédio. A terra retirada está sendo colocada na parte superior.

A empresa
vencedora do processo licitatório, Direct Engenharia e Construções Ltda, deverá iniciar a locação da obra e mobilização do canteiro, na próxima quarta-feira, dia 30. O valor total da obra é de R$ 1.380.082,97 [Um milhão trezentos e oitenta mil oitenta e dois reais e noventa e sete centavos].

Participantes do “Férias na Biblioteca” visitam Teatro Municipal

Secretaria Municipal de Comunicação - Botucatu

As crianças que participam do programa “Férias na Biblioteca” farão nesta terça-feira, 29 de janeiro, uma visita pelas dependências do Teatro Municipal Camilo Fernandez Dinucci. O passeio faz parte da programação organizada pela Biblioteca Municipal Emílio Pedutti, e conta com o apoio da Secretaria Municipal de Cultura.
Dentre as atividades já promovidas, os participantes puderam se divertir com contação de história, oficinas de bonecos, jogos, brincadeiras, exibição de filmes e visitas a outros locais da cidade, como a Prefeitura Municipal, Câmara Municipal, Museu de Arte Contemporânea Itajahy Martins e Rádio PRF-8.
As “Férias na Biblioteca tiveram início no dia 08 de janeiro com o objetivo de oferecer mais uma opção de lazer nas férias para crianças entre 08 e 10 anos de idade. A programação foi dividida durante as terças e quintas-feiras deste mês de janeiro, sempre das 13h30 às 16h30.
Vale lembrar que as inscrições para os interessados podem ser feitas gratuitamente até o início das atividades de cada dia, na própria Biblioteca Municipal, localizada à Rua João Passos, 808, Centro. Mais informações podem ser obtidas através do telefone 3882-9636.

Jogos de Verão 2008 tiveram início no fim de semana

Secretaria Municipal de Comunicação - Botucatu

Teve início no último sábado, 26 de janeiro, a terceira edição dos Jogos de Verão, que está sendo promovida pela Secretaria Municipal de Esportes.
A primeira modalidade em disputa é futebol de areia, que reúne oito equipes com atletas de até 16 anos de idade. A rodada de abertura, realizada no campo de areia ao lado do Ginásio Municipal de Esportes, apresentou os seguintes resultados:
Catequese Vila Aparecida O x W CA União
Bandeirantes FC 5 x 3 União da Vila Serralheria São Luis
Maranata FC 5 x 0 União da Vila 'B'
ABC Bandeirantes 4 x 2 Pinheirão
A segunda rodada, realizada no domingo, 27 de janeiro, começou com empate em 0 a 0 entre Pinheirão e Maranata FC. No segundo duelo, o ABC Bandeirantes goleou o União da Vila 'B' por 6 a 0 e, em seguida, o Bandeirantes FC venceu o CA União por 3 a 1. O jogo entre União da Vila Serralheria São Luis e Catequese Vila Aparecida não foi disputado pois a Catequese não compareceu.
A competição prossegue nesta terça-feira, 29 de janeiro, com duas partidas no campo ao lado do Ginásio Municipal de Esportes. No primeiro jogo, às 18 horas, se enfrentam Catequese e Bandeirantes FC, e na seqüência, entram em campo CA União e União da Vila Serralheria São Luis.
Na quinta-feira, 31 de janeiro, será realizada a última rodada da fase de classificação. Às 18 horas, se enfrentam Maranata FC e ABC Bandeirantes e, logo após, jogam União da Vila 'B' e Pinheirão.

Inscrições para concurso de Rei Momo e Rainha do Carnaval terminam na quarta-feira

Secretaria Municipal de Comunicação - Botucatu

A Secretaria Municipal de Turismo e Lazer informa que foram prorrogadas para o dia 30 de janeiro, quarta-feira, até as 12 horas, as inscrições para o concurso de Rei Momo e Rainha do Carnaval 2008.
As inscrições são gratuitas, e o concurso é aberto a todos os interessados. Poderão participar pessoas com idade a partir de 16 anos, nesse caso, com autorização dos pais.
Interessados deverão se dirigir à Secretaria Municipal de Turismo, localizada à Rua General Telles, 653, Centro, munidos dos documentos pessoais para o preenchimento da ficha de inscrição.
Mais informações sobre a programação do Carnaval 2008 podem ser obtidas através dos telefones 3882-1315 ou 3814-8161.

Concurso – O concurso para a escolha da corte do Carnaval 2008 acontece no dia 30, às 20h30, no salão social da Botucatuense, com entrada franca.
O Rei Momo e a Rainha receberão o valor de R$ 500,00 como prêmio, além de realizarem a abertura dos desfiles populares e marcarem presença nos bailes dos clubes da cidade.

Ruas que abrigarão desfiles do Carnaval 2008 recebem enfeites

Secretaria Municipal de Comunicação - Botucatu

Os locais que irão abrigar os desfiles populares do Carnaval de Rua 2008 receberam enfeites carnavalesc
os. Os adornos foram colocados na Rua Amando de Barros, entre a Praça Emilo Pedutti [Bosque] e a Rua Coronel Fonseca, e na Rua Major Matheus, entre as ruas Milton Méris Jaqueta e Galvão Severino.
Os enfeites trazem representações de motivos e personagem carnavalescos, como o pierrô, palhaços e p
iratas. “Queremos deixar a cidade mais alegre, com o clima do carnaval”, comentou Lúcia Pedutti, secretaria municipal de Turismo.
Os enfeites foram colocados nos arcos onde foram fixados os enfeites natalinos. “Como o carnaval acontecerá mais cedo esse ano, aproveitamos as mesmas estruturas de suporte dos enfeites natalinos para a decoração de carnaval”, completa Lúcia.
A decoração carnavalesca foi possibilitada por intermédio de uma parceria entre a Prefeitura de Botucatu, através das secretarias de Turismo e Lazer, Comércio e Indústria, com a ACE e CDL.

Desfiles - Os desfiles dos blocos serão realizados sempre a partir das 20h30 horas. No dia 2, sábado, os blocos descem a Rua Major Matheus, na Vila dos Lavradores. Já na segunda-feira, dia 4, o desfile será na Rua Amando de Barros.
O dia 3, domingo, e o dia 5, terça-feira, foram reservados para que os blocos desfilem em seus próprios bairros.

Bailes -
Os bailes serão realizados na Praça Coronel Moura [Paratodos], nas quatro noites de folia tendo início às 21horas. Em dias de desfiles, a festa terá início após as apresentações dos blocos.
O show principal de cada noite ficará a cargo da banda “Studio A”, sendo que nos dias, 2, 3 e 5 está prevista a participação de grupos de abertura.
No sábado, dia 2, a abertura do baile será feita pelo grupo “Axé Requebradeira”. Já no dia 3, o primeiro show da noite será do grupo “Estilo Leve e Movimento”. No dia 5 será a vez do grupo “Tranzáxe”, abrir a festa popular.
O baile do dia 4 não contará com banda de abertura em virtude do desfile dos blocos carnavalescos que acontecerão na Rua Amando de Barros.

Carnaval vai contar com o Bloco do Turista

Secretaria Municipal de Comunicação - Botucatu

A Secretaria de Turismo e Lazer, em parceria com uma rede de hotéis da cidade, trará para o Carnaval em Botucatu um bloco que promete contagiar todos os foliões presentes nas ruas. Trata-se do Bloco do Turista.
O Bloco do Turista, nada mais é do que um grande bloco carnavalesco, formado por turistas de diferentes lugares do estado, que estarão hospedados no hotel Primar durante as festividades do Carnaval.
Cerca de 350 integrantes farão parte desse, que será um dos grandes blocos a desfilar no carnaval botucatuense. O bloco será formado, em sua maioria, por pessoas da terceira idade, que virão de Santos, em busca dos bons ares, tranqüilidade e segurança que só uma cidade como Botucatu pode oferecer.
Através do projeto “Viaja Mais - Melhor Idade”, do Ministério do Turismo, é que a Secretaria de Turismo e Lazer de Botucatu, recebe de forma especial o Bloco dos Turistas.
No desfile, o Bloco do Turista fará sua apresentação juntamente com o Bloco da Unifac, o popular “Joselito Sem Noção”, coordenado pelo professor Danilo Cesar Ângelo. Além da participação no Carnaval, o grupo fará passeios por diversos roteiros turísticos da cidade, incluindo centro histórico, mirantes, cachoeiras, entre outros.

Iniciativa pioneira - Para a secretária de Turismo e Lazer de Botucatu, Lúcia Peduti, o fato do bloco ser formado apenas por turistas, dará mais prestigio à folia botucatuense. “Por serem pessoas de outras cidades, que toparam montar esse bloco para abrilhantar as noites de folia botucatuense, a iniciativa nos enche de orgulho, pois sabemos que a repercussão do nosso carnaval tem sido a melhor possível”, afirma a secretária.
Os desfiles dos blocos serão realizados em dois locais diferentes, sempre a partir das 20h30. No dia 2, sábado, os blocos descem a Rua Major Matheus, na Vila dos Lavradores. Já na segunda-feira, dia 4, o desfile será na Rua Amando de Barros. O dia 3, domingo, e o dia 5, terça-feira, foram reservados para que os blocos desfilem em seus próprios bairros.